Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/12171
Título: Locus de controle e a efetividade empresarial em microempresários do estado do Rio Grande do Norte
Autor(es): Oliveira, João Maria de
Palavras-chave: Locus de controle. Empreendedorismo. Empreendedores. Característica do comportamento empreendedor;Entrepreneurship. Entrepreneur. Locus of control. Entrepreneur behavior
Data do documento: 10-Set-2010
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: OLIVEIRA, João Maria de. Sustentabilidade de EES: contribuições e desafios do PITCPES/UFPA a partir da análise da Cooperativa dos Fruticultores de Abaetetuba COFRUTA. 2010. 104 f. Dissertação (Mestrado em Políticas e Gestão Públicas; Gestão Organizacional) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010.
Resumo: Entrepreneurs are individuals who can transform economic and social realities by promoting development, so it became important tools in generating externalities in regions where they operate. In Brazil, 59.9% of new ventures do not reach the fourth year of life, the mortality rate of new ventures is high. The causes of mortality are numerous, and within the behavioral aspects, one is the locus of control. This study determines the degree of association between internal locus of control and achieving business success of entrepreneurs in Rio Grande do Norte who participated in the workshop EMPRETEC. The approach that studies the behavior entrepreneurs agreed that there are psychological characteristics associated with a set of values, attitudes and needs that determine the behavior and induce the entrepreneur to achieve success. Among these features is the locus of control, a skill that individuals must identify in their actions, or lack of them, the causes of their successes and failures. The locus is external when the individual attributes to factors outside themselves as causes of their results, and is built in when you can identify the actions that led to success. We surveyed 223 entrepreneurs statewide who answered the questionnaire for assessing the scale of locus of control, selfassessment questionnaire of entrepreneurial characteristics of EMPRETEC and a questionnaire assessing the business success. 71.9% were identified as having success. Among the behavioral characteristics strongest in the group of entrepreneurs are setting goals and commitment. Was found for locus of control mean value of 7.35, confidence interval between 7.05 and 7.66. Showing that the locus of control group is predominantly internal. We also found a correlation between the locus and commitment, between setting goals and commitment; calculated risks and information search; search of information and commitment, and between commitment and independence and self confidence. Dependence was not identified among the set of features and business success, determining the absence of an ideal profile. However, logistic regression significant association was found indicating that the smaller the individual's locus of control increased the likelihood of it achieving business success
metadata.dc.description.resumo: Os empreendedores são indivíduos que podem transformar realidades econômicas e sociais promovendo desenvolvimento, por isto tornaram-se peças importantes na geração de externalidades nas regiões onde atuam. No Brasil 59,9% dos novos empreendimentos não chegam ao quarto ano de vida, esta taxa de mortalidade de novos empreendimentos é alta. As causas a mortalidade são inúmeras, e dentro dos aspectos comportamentais, uma delas é o locus de controle. Este estudo determina o grau de associação entre o locus de controle interno e a obtenção de efetividade empresarial em empreendedores do Rio Grande do Norte que participaram do workshop EMPRETEC. A abordagem que estuda os comportamentos empreendedores preconiza que existem características psicológicas associadas a um conjunto de valores, atitudes e necessidades que determinam o comportamento e induzem o empreendedor à obtenção de efetividade. Dentre estas características está o locus de controle, capacidade que os indivíduos têm de identificar em suas ações, ou na ausência delas, as causas de seus sucessos e fracassos. O locus é externo quando o indivíduo atribui a fatores fora de si como causas de seus resultados, e é interno quando consegue identificar dentro si as ações que o conduziram ao sucesso. Foram pesquisados 223 empreendedores em todo estado que responderam o questionário de avaliação da escala do locus de controle, o questionário de autoavaliação das características empreendedoras do EMPRETEC e um questionário de avaliação da efetividade empresarial. 71,9% deles foram identificados como tendo efetividade. Dentre as características comportamentais mais fortes no grupo de empreendedores estão o estabelecimento de metas e o comprometimento. Foi encontrado para o locus de controle o valor médio de 7,35, com intervalo de confiança entre 7,05 e 7,66. Mostrando que o locus de controle do grupo é predominantemente interno. Também foi encontrada correlação entre o locus e comprometimento; entre estabelecimento de metas e comprometimento; correr riscos calculados e busca de informações; busca de informações e comprometimento; e entre o comprometimento e independência e autoconfiança. Não foi identificada dependência entre o conjunto das características e a efetividade empresarial, determinando assim a não existência de um perfil ideal. No entanto, através de regressão logística significante foi encontrada associação que indica que quanto menor o locus de controle do individuo maior a probabilidade dele alcançar a efetividade empresarial
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/12171
Aparece nas coleções:PPGA - Mestrado em Administração

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JoaoMO_DISSERT.pdf653,26 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.