Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/12551
Título: Avaliação das propriedades farmacológicas de polissacarídeos do fungo Scleroderma nitidum
Autor(es): Nascimento, Marília da Silva
Palavras-chave: Scleroderma nitidum;Atividade antiinflamatória;Atividade antioxidante;Fator nuclear κB;Citocinas.;Scleroderma nitidum;Anti-inflammatory activity;antioxidant activity;Nuclear factor κB;Cytokines.
Data do documento: 23-Fev-2010
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: NASCIMENTO, Marília da Silva. Avaliação das propriedades farmacológicas de polissacarídeos do fungo Scleroderma nitidum. 2010. 133 f. Dissertação (Mestrado em Bioquímica; Biologia Molecular) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010.
Resumo: Several pharmacological properties have been attributed to isolated compounds from mushroom. Recently, have these compounds, especially the polysaccharides derived from mushrooms, modulate the immune system, and its antitumor, antiviral, antibiotic and antiinflammatory activities. This study assesses the possible pharmacological properties of the polysaccharides from Scleroderma nitidum mushroom. The centesimal composition of the tissue showed that this fungus is composed mainly of fibers (35.61%), ash (33.69%) and carbohydrates (25.31%). The chemical analysis of the polysaccharide fraction showed high levels of carbohydrates (94.71%) and low content of protein (5.29%). These polysaccharides are composed of glucose, galactose, mannose and fucose in the following molar ratios 0.156, 0.044, 0.025, 0.066 and the infrared analysis showed a possible polysaccharide-protein complex. The polysaccharides from Scleroderma nitidum showed antioxidant potential with concentration-dependent antioxidant activity compared to ascorbic acid. The analysis scavenging of superoxide radical and inhibition of lipid peroxidation showed that the polysaccharides from S. nitidum have an IC50 of 12.70 mg/ml and EC50 10.4 μg/ml, respectively. The antioxidant activity was confirmed by the presence of reducing potential of these polysaccharides. The effect of these polymers on the inflammatory process was tested using the carrageenan or histamine-induced paw edema model and the sodium thioglycolate or zymosan-induced model. The polysaccharides were effective in reducing edema (73% at 50 mg/kg) and cell infiltrate (37% at 10 mg/kg) in both inflammation models tested. Nitric oxide, a mediator in the inflammatory process, showed a reduction of around 26% at 10 mg/kg of body weight. Analysis of pro- and anti-inflammatory cytokines showed that in the groups treated with polysaccharides from S. nitidum there was an increase in cytokines such as IL-1ra, IL-10, and MIP-1β concomitant with the decrease in INF-γ (75%) and IL-2 (22%). We observed the influence of polysaccharides on the modulation of the expression of nuclear factor κB. Thus, polysaccharides from S. nitidum reduced the expression of NF-κB by up to 64%. The results obtained suggest that NF-κB modulation is one of the possible mechanisms that explain the anti-inflammatory effect of polysaccharides from the fungus S. nitidum.
metadata.dc.description.resumo: Diversas propriedades farmacológicas têm sido atribuídas aos compostos isolados de fungos. Recentemente, têm-se referido quanto à capacidade desses compostos, principalmente os polissacarídeos derivados de cogumelos, de modular o sistema imunológico, além de suas ações antitumoral, antiviral, antibiótica e antiinflamatória. Este estudo avalia a capacidade dos polissacarídeos do fungo Scleroderma nitidum quanto às suas possíveis propriedades farmacológicas. A composição centesimal do tecido deste fungo demonstrou que este é composto principalmente por fibras (35,61%), cinzas (33,69%) e carboidratos (25,31%). As análises químicas da fração polissacarídica revelaram alto teor de carboidratos (94,71%) e baixo teor de proteínas (5,29%). Esses polissacarídeos são constituídos por glicose, galactose, manose e fucose nas seguintes proporções molares 0,156; 0,044; 0,025; 0,066, respectivamente e a análise de infravermelho demonstrou um possível complexo polissacarídeo-proteína. Os polissacarídeos de S. nitidum demonstraram potencial antioxidante com atividade relativa ao ácido ascórbico massa-dependente. As análises sobre a varredura de radicais superóxido e inibição da peroxidação lipídica demonstraram que os polissacarídeos de S. nitidum apresentam um IC50 estimado em 12,70 mg/ml e EC50 10,4 μg/ml, respectivamente. A atividade antioxidante foi confirmada pela presença de potencial redutor dos polissacarídeos. Este estudo também avaliou a capacidade dos polissacarídeos do fungo S. nitidum como agente antiinflamatório. O efeito destes polímeros no processo inflamatório foi testado usando-se os modelos de edema de pata induzido por carragenana ou histamina e o modelo de peritonite induzida por tioglicolato de sódio ou zymosan. Os polissacarídeos foram efetivos na redução do edema (73% a 50 mg/kg) e infiltrado celular (37% a 10 mg/kg) nos dois modelos de inflamação testados. Óxido nítrico, um mediador do processo inflamatório, mostrou uma redução de cerca de 26% nos grupos tratados com a dose 10 mg/kg dos polissacarídeos. A análise de citocinas pró e antiinflamatórias mostrou que nos grupos tratados com os polissacarídeos de S. nitidum houve aumento de citocinas como IL-1ra (2x), IL-10 (3x) e concomitante a diminuição de INF-γ (75%), MIP-1β (29%) e IL-2 (22%). Além disso, nos grupos tratados com os polissacarídeos também foi verificada uma inibição de cerca de 64% na expressão do NF-κB. Os resultados obtidos sugerem que a modulação do NF-κB é um dos possíveis mecanismos que esclarece os efeitos anti-inflamatórios dos polissacarídeos do fungo S. nitidum.
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/12551
Aparece nas coleções:PPGB - Mestrado em Bioquímica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MariliaSN.pdf1,88 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.