Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/12697
Título: Aproveitamento da fibra do epicarpo do coco babaçu em compósito com matriz epóxi: estudo do efeito do tratamento da fibra
Autor(es): Franco, Francisco José Patrício
Palavras-chave: Fibras vegetais;Babaçu;Epicarpo;Tratamento químico;Caracterização;Análise térmica;Vegetal fibers;Babassu coconut;Epicarp chemical treatment;Characterization;Thermal analysi
Data do documento: 7-Ago-2010
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: FRANCO, Francisco José Patrício. Aproveitamento da fibra do epicarpo do coco babaçu em compósito com matriz epóxi: estudo do efeito do tratamento da fibra. 2010. 77 f. Dissertação (Mestrado em Processamento de Materiais a partir do Pó; Polímeros e Compósitos; Processamento de Materiais a part) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010.
Resumo: Nowadays the environmental issues are increasingly highlighted since the future of humanity is dependent on the actions taken by man. Major efforts are being expended in pursuit of knowledge and alternatives to promote sustainable development without compromising the environment. In recent years there has been a marked growth in the development of reinforced composite fiber plants, as an alternative for economic and ecological effects, especially in the substitution of synthetic materials such as reinforcement material in composites. In this current study the chemical- physical or (thermophysics )characteristics of the babassu coconut fiber, derived from the epicarp of the fruit (Orbignyda Phalerata), which the main constituents of the fiber: Klason lignin, insoluble, cellulose, holocellulose, hemicellulose and the content of ash and moisture will be determined. A study was conducted about the superficial modification of the fibers of the epicarp babassu coconut under the influence of chemical treatment by alkalinization, in an aqueous solution of NaOH to 2.5% (m/v) and to 5.0% to improve the compatibility matrix / reinforcement composite with epoxy matrix. The results of the changes occurred in staple fibers through the use of the techniques of thermogravimetric analyses (TG) and differential scanning calorimetry (DSC). The results found on thermal analysis on samples of fiber without chemical treatment (alkalinities), and on fiber samples treated by alkalinization show that the proposed chemical treatment increases the thermal stability of the fibers and provides a growth of the surface of area fibers, parameters that enhance adhesion fiber / composite. The findings were evaluated and compared with published results from other vegetable fibers, showing that the use of babassu coconut fibers has technical and economic potential for its use as reinforcement in composites
metadata.dc.description.resumo: Atualmente as questões ambientais ganham destaque cada vez mais acentuado, já que o futuro da humanidade está dependente das ações tomadas hoje pelo homem. Grandes esforços estão sendo despendidos na busca de conhecimentos e soluções alternativas sustentáveis que promova o desenvolvimento sem comprometimento do meio ambiente. Nos últimos anos tem havido um crescimento acentuado no desenvolvimento de compósitos reforçados por fibras vegetais, como uma alternativa econômica e ecológica, principalmente, na substituição de materiais sintéticos, como material de reforço em compósitos. No presente trabalho foram analisadas as características químico-físicas de fibra oriundas do epicarpo do coco babaçu (Orbignyda Phalerata), sendo determinados os principais teores dos constituintes da fibra: lignina Klason insolúvel, celulose, holocelulose, hemicelulose e os teores de cinzas e de umidade. Foi realizado um estudo da modificação superficial das fibras do epicarpo do coco babaçu sob efeito de tratamento químico por alcalinização, em solução aquosa de NaOH a 2,5% (m/v) e a 5,0% (m/v), visando melhorar a compatibilização matriz/reforço em compósito com a matriz de epóxi. Os resultados das modificações ocorridas nas fibras foram estudados através de técnicas de termogravimetria (TG) e de calorimetria exploratória diferencial (DSC). Os resultados encontrados nas análises térmicas em amostras de fibras sem tratamento químico e em amostras de fibras tratadas por alcalinização mostram que o tratamento químico proposto aumentou a estabilidade térmica das fibras e proporcionou um crescimento na área superficial das fibras, parâmetros que melhoram a adesão fibra/compósito. Os resultados obtidos foram avaliados e comparados com resultados publicados de outras fibras vegetais, mostrando que a utilização das fibras de coco babaçu tem potencialidades técnicas e econômicas para o seu uso como reforço de compósitos
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/12697
Aparece nas coleções:PPGCEM - Mestrado em Ciência e Engenharia de Materiais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
FranciscoJPF.pdf1,64 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.