Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/12747
Título: Avaliação de concretos reforçados por confinamento com manta de fibra de vidro estrutural e pré-impreganada
Autor(es): Pereira, Fábio Sérgio da Costa
Palavras-chave: Aderência;Compósitos;Concreto;Fibra de vidro;Adhesion;Composites;Concrete;Fiberglass
Data do documento: 30-Nov-2009
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: PEREIRA, Fábio Sérgio da Costa. Avaliação de concretos reforçados por confinamento com manta de fibra de vidro estrutural e pré-impreganada. 2009. 170 f. Tese (Doutorado em Processamento de Materiais a partir do Pó; Polímeros e Compósitos; Processamento de Materiais a part) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2009.
Resumo: Due to the occurrence of diseases in the use of structural reinforcements in composites, with presentation of concrete blanket detachment, has been identified the need to evaluate the performance of concrete reinforced with glass fiber. This study aims to evaluate these concretes by means of testing methodologies, using concrete with low resistance with structural reinforcement for confinement by preimpregnated glass fiber and traditional fiberglass blanket. The first stage of work was the development of methodologies for analysis, opting for four types, such as the acoustic survey, strength to compressive, the pull-off and ultrasound. Next, tests were carried out using the four selected methodologies in 30 of proof-of-specimens by 5x10 cm, 15 were reinforced with the traditional fiberglass blanket with 5specimens exposed to test a marine environment of marine coastline of Natal-RN and 15 were reinforced with a pre-impregnated glass fiber blanket, as well as 5specimens exposed to a test environment of the marine coastline of Natal-RN. After conducting the acoustic survey, it has been verified a lack of delaminating and air bubbles in the samples, confirming the absence of gross shortcomings in the implementation of the ribs both the traditional fiberglass blanket and in the preimpregnated fiber glass blanket. After carrying out methods of pull-off and compressive strengthening test it was observed that the reinforced proof-bodies with pre-impregnated glass blanket showed maximum stresses higher than the traditional fiberglass blanket; consequently a greater grip with the formation of a smaller area of . fracture, unlike traditional glass mat, which showed lower maximum stresses, with a greater area of fracture. It was also found that the traditional fiberglass blanket presented detachment of blanket-concrete interface, unlike the pre-impregnated fiberglass blanket, which showed a better grip on the blanket-concrete interface. In the trial of ultrasound there was no presence of cracks in the blanket-concrete interface, yielding to both blankets good compactness of the concrete. At the end of this work, they were developed and proposed two methods of testing for evaluation of reinforced concrete structures with composites, for standardization, the acoustic survey and pull-off
metadata.dc.description.resumo: Em virtude da ocorrência de patologias na utilização de reforços estruturais com compósitos, com apresentação de descolamento da manta do concreto, foi identificada a necessidade de se avaliar o desempenho dos concretos reforçados com a fibra de vidro. Sendo o objetivo principal deste trabalho, avaliar estes concretos, através de metodologias de ensaios, utilizando concretos com resistências baixas com reforço estrutural por confinamento por fibra de vidro préimpregnada e por manta de fibra de vidro tradicional. A primeira etapa do trabalho consistiu na elaboração das metodologias de análise, optando-se por quatro tipos, a sondagem acústica, resistência à compressão,o pull-off e o ultra-som. Em seguida, foram realizados os ensaios utilizando as quatro metodologias escolhidas em 30 corpos-de-prova de 5x10 cm, sendo 15 reforçados com a manta de fibra de vidro tradicional, com 5 corpos-de-prova expostos a um ambiente marinho da orla marítima de Natal-RN e sendo 15 reforçados com a manta de fibra de vidro préimpregnada, também com 5 corpos-de-prova expostos a um ambiente marinho da orla marítima de Natal-RN. Após a realização dos ensaios de sondagem acústica, verificou-se a inexistência de delaminações e bolhas de ar nas amostras analisadas, comprovando a inexistência de falhas grosseiras na aplicação dos reforços tanto na manta de fibra de vidro tradicional, como na da manta de fibra de vidro préimpregnada. Depois de executadas as metodologias de ensaios de resistência à compressão e pull-off, observou-se que os corpos-de-prova reforçados com a manta de vidro pré-impregnada apresentaram tensões máximas superiores às obtidas com a manta de fibra de vidro tradicional, consequentemente uma aderência maior, com a formação de uma menor área de fratura, ao contrário da manta de vi dro tradicional, que apresentou tensões máximas inferiores, com uma maior área de fratura. Verificou-se ainda que a manta de fibra de vidro tradicional apresentou descolamento da interface manta/concreto, ao contrário da manta de fibra de vidro pré-impregnada, que apresentou uma maior aderência na interface manta/concreto. No ensaio de ultra-som não se observou presença de fissuras na interface manta/concreto, obtendo-se para ambas as mantas, boas compacidades do concreto. Ao final do trabalho foram elaboradas e propostas duas metodologias de ensaios para avaliação das estruturas de concreto armado reforçadas com compósitos, para normalização, a sondagem acústica e o pull-off
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/12747
Aparece nas coleções:PPGCEM - Doutorado em Ciência e Engenharia de Materiais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
FabioSCPpdf.pdf1,5 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.