Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/12819
Título: Estudo da substituição de agregados miúdos naturais por pó de pedra em concreto de cimento portland
Autor(es): Duarte, João Batista
Palavras-chave: Pó de pedra. Concreto. Cimento Portland. Impacto ambiental;Crushed stone. Concrete. Portland cement. Environmental impact
Data do documento: 29-Nov-2013
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: DUARTE, João Batista. Estudo da substituição de agregados miúdos naturais por pó de pedra em concreto de cimento portland. 2013. 89 f. Dissertação (Mestrado em Processamento de Materiais a partir do Pó; Polímeros e Compósitos; Processamento de Materiais a part) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013.
Resumo: The sharp consumption of natural resources by the construction industry has motivated numerous studies concerning the application of waste to replace partially or fully, some materials, such as aggregates, thereby reducing the environmental impact caused by the extraction of sand and crushing process. The application of stone dust from crushing process arising as an aggregate for the production of Portland cement concrete is a viable alternative in view of the high cost of natural sands, in addition to the environmental damage which causes its operation to the environment. The stone dust has reduced cost compared to natural sand because it is produced in the beds of their own quarries, which are usually located close to major urban centers. This study examined the feasibility of using stone dust from the crushing of rock gneisses in the state of Bahia, replacing natural quartz sand. In the development of scientific study was conducted to characterize physical and chemical raw materials applied and molded cylindrical specimens , using as reference values Fck 20, Fck 25 and Fck 30 MPa ( resistance characteristic of the concrete after 28 days) in following compositions stone powder: 10%, 30%, 50 %, 100% and 100% with additive. The specimens were cured and subjected to the tests of compressive strength and water absorption, then the samples were subjected to the tests of X-ray diffraction and scanning electron microscopy. The results obtained showed that the composition with 10% stone powder showed the best results regarding the physical and mechanical tests performed, confirming the reduction in compressive strength and increased water uptake increased as the content of the powder stone in the concrete composition
metadata.dc.description.resumo: O acentuado consumo de recursos naturais pela indústria da construção civil tem motivado inúmeros estudos referentes à aplicação de resíduos que substituam parcialmente ou totalmente alguns materiais, como os agregados, reduzindo assim o impacto ambiental causado pela extração da areia e pelo processo de britagem. A aplicação do pó de pedra oriundo do processo de britagem como agregado para a produção de concretos de cimento Portland, é uma alternativa viável, tendo em vista o alto custo das areias naturais, além dos danos ambientais que sua exploração ocasiona ao meio ambiente. O pó de pedra possui custo reduzido comparado ao da areia natural pelo fato de ser produzido nos canteiros das próprias pedreiras, que geralmente ficam localizadas próximas aos grandes centros urbanos. A presente pesquisa analisou a viabilidade da utilização do pó de pedra proveniente da britagem de rochas gnaisses no estado da Bahia, em substituição à areia natural quartzosa. No desenvolvimento deste estudo científico foi realizada a caracterização física e química das matérias-primas aplicadas e moldados corpos de prova cilíndricos, utilizando-se como referência os valores de Fck 20, Fck 25 e Fck 30 MPa (Resistência característica do concreto aos 28 dias) nas seguintes composições de pó de pedra:10%, 30%, 50%, 100% e 100% com aditivo. Os corpos de prova foram curados e submetidos aos ensaios de resistência à compressão e absorção de água, em seguida as amostras foram submetidas à ensaios de difração de raios X e microscopia eletrônica de varredura. A análise dos resultados obtidos constatou que a composição com 10% de pó de pedra apresentou os melhores resultados referentes aos ensaios físicos e mecânicos realizados, confirmando a redução da resistência à compressão e o aumento da absorção de água à medida que se aumentou o teor do pó de pedra na composição do concreto
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/12819
Aparece nas coleções:PPGCEM - Mestrado em Ciência e Engenharia de Materiais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JoaoBD_DISSERT.pdf1,94 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.