Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/12876
Título: Influência da substituição de areia natural por pó de pedra no comportamento mecânico, microestrutural e eletroquímico de concretos
Autor(es): Almeida, Maria das Vitórias Vieira de
Palavras-chave: Concreto;pó de pedra;microestrutura;corrosão das armaduras;Concrete;artificial sand;microstructure;electrochemical method
Data do documento: 28-Dez-2006
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: ALMEIDA, Maria das Vitórias Vieira de. Influência da substituição de areia natural por pó de pedra no comportamento mecânico, microestrutural e eletroquímico de concretos. 2006. 140 f. Tese (Doutorado em Processamento de Materiais a partir do Pó; Polímeros e Compósitos; Processamento de Materiais a part) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2006.
Resumo: The construction industry is one of the largest consumers of natural raw materials, and concrete is considered today the most used material wide. This accentuated consumption of natural resources has generated concern with the preservation of the environment, and has motivated various studies related to the use of resid ues, which can partially or entirely substitute, with satisfactory performance, some materials such as the aggregate, and in so doing, decrease the impact on the environment caused by the produced residues. Research has been done to better understand and improve the microstructure of concrete, as well as to understand the mechanism of corrosion in reinforced steel. In this context, this work was developed aiming at discovering the influence of the substitution of natural sand by artificial sand, with rega rd to mechanical resistance, microstructure, and durability. To obtain the electrochemical parameters, an adaptation was made to the galvanostatic electrochemical method to study the corrosion in reinforced steel. Concretes of categories 20 MPa and 40 MPa were produced, containing natural sand, and concretes of the same categories were produced with artificial sand substituting the natural sand, and with the addition of sodium nitrate and sodium chloride. Due to the use of rock dust reject (artificial sand), an evaluation was made of its environmental risk. The results indicate that the concretes of category 20 MPa present a better performance than the concrete made with natural sand, thus making it a viable substitute. For the category 40 MPa, the better performance is from the concrete containing natural sand. The adaptation of the galvanostatic electrochemical technique to the study of the corrosion of reinforced steel within concrete proved to be valid for obtaining electrochemical parameters with a high degree of reliability, considering the number of degrees of freedom
metadata.dc.description.resumo: A construção civil é um dos maiores consumidores de matérias-primas naturais, sendo o concreto considerado hoje, o material mais utilizado em todo o mundo. Esse acentuado consumo de recursos naturais tem gerado preocupação com a preservação do meio ambiente, motivado vários estudos relativos à utilização de resíduos, que possam substituir, na sua totalidade ou parcialmente, com desempenho satisfatório, alguns materiais, como, por exemplo, o agregado, diminuindo assim o impacto ambiental causado pelos resíduos gerados. Pesquisas têm sido realizadas, buscando conhecer e melhorar a microestrutura do concreto, bem como conhecer o mecanismo de corrosão das armaduras. Nesse contexto, esse trabalho foi desenvolvido visando conhecer a influência da substituição da areia natural pelo pó de pedra, quanto à resistência mecânica, à microestrutura e quanto à sua durabilidade. Para obtenção dos parâmetros eletroquímicos, foi feita uma adaptação do método eletroquímico galvanostático ao estudo da corrosão das armaduras. Foram produzidos concretos com categorias de 20 MPa e 40 MPa, contendo areia natural, e concretos de mesma categoria, contendo pó de pedra, em substituição da areia natural, e os aditivos: nitrito de sódio e cloreto de sódio. Devido a utilização do rejeito pó de pedra, foi feita a avaliação do risco ambiental do mesmo. Os resultados indicam que os concretos de categoria 20 MPa apresentam melhor desempenho do que o concreto contendo areia natural, sendo viável a sua substituição. Para a categoria de 40 MPa, o melhor desempenho é o do concreto contendo areia natural. A adaptação da técnica eletroquímica galvanostática ao estudo da corrosão das armaduras, mostrou-se válida para obtenção dos parâmetros eletroquímicos com grau de confiança alto, considerando-se o número de graus de liberdade
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/12876
Aparece nas coleções:PPGCEM - Doutorado em Ciência e Engenharia de Materiais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MariadasVitoriasVAS.pdf9,19 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.