Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/12985
Título: Desenvolvimento de pastas leves utilizando incorporadores de ar para aplicação em poços de petróleo
Autor(es): Santos, Herculana Torres dos
Palavras-chave: Cimentação. Densidade. Incorporador de ar
Data do documento: 31-Jul-2013
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: SANTOS, Herculana Torres dos. Desenvolvimento de pastas leves utilizando incorporadores de ar para aplicação em poços de petróleo. 2013. 78 f. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento em Ciência e Engenharia de Petróleo) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013.
metadata.dc.description.resumo: A cimentação é uma das operações mais importantes realizadas durante a fase de construção de um poço de petróleo, pois tem o objetivo de vedar zonas permeáveis e fornecer suporte para a coluna de revestimento. Zonas de interesse depletadas ou com baixa pressão de fratura requerem pastas cimentantes de baixa densidade. Métodos tradicionais para produzir pastas leves incluem a formação de espumas, o uso de microesferas ocas de vidro ou de aditivos leves. O objetivo desse trabalho é estudar pastas de cimento de baixa densidade pelo uso de incorporadores de ar. As concentrações de incorporadores escolhidas partiram da sugestão dos fabricantes. A partir de uma densidade calculada de 1,87 g/cm3 (15,6 lb/gal) para uma pasta padrão, pastas com incorporadores de ar foram preparadas. Um estudo do efeito da energia de energia sobre possíveis alterações da densidade foi previamente realizado. Os resultados dos ensaios de estabilidade e água livre foram satisfatórios pois atenderam as exigências do American Petroleum Institute (API) e da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) . A redução da densidade foi de 15,6 lb/gal da pasta padrão para 11,7 lb/gal com a maio concentração de incorporador de ar. A resistência à compressão diminuiu com a incorporação de ar, fato que já era esperado devido à formação de bolhas. Concluiu-se que a redução da densidade das pastas de cimento com incorporadores de ar é viável e que é possível obter resultados coerentes para as condições de formações com baixo gradiente de fratura
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/12985
Aparece nas coleções:PPGCEP - Mestrado em Ciência e Engenharia do Petróleo

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
HerculanaTS_DISSERT.pdf2,89 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.