Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13063
Título: Ecologia alimentar de aves insetívoras de um fragmento de mata decídua do extremo norte da Mata Atlântica
Autor(es): Souto, Glauber Henrique Borges de Oliveira
Palavras-chave: Dieta de aves;Sazonalidade;Disponibilidade de presas;Aves insetívoras;Diet of birds;Seasonality;Availability of prey;Insectivorous birds
Data do documento: 30-Jun-2010
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: SOUTO, Glauber Henrique Borges de Oliveira. Ecologia alimentar de aves insetívoras de um fragmento de mata decídua do extremo norte da Mata Atlântica. 2010. 89 f. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade; Biologia Estrutural e Funcional.) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010.
Resumo: The diet study of birds has contributed historically as a model for use to understanding ecological patterns and strategies used by several other groups of vertebrates, which are observed in season patterns and temporal availability of resources, and other. This study has as objective generate information concerning the diet of insectivorous birds during rainy season and dry season, as well as analyze Index food importance, niche overlap, niche breadth, electivity, and seasonal availability of prey. The study was conducted in a fragment of about 270 ha (center coordinates and 5 º 53'S 35 ° 23'W). The sampling of birds occurred between March 2008 and December 2009 in three pre-established trails. Catches of birds were performed using 10 mist nets placed in line, where each trails was sampled once a month. Samples of pellets were obtained by means of tartar emetic. Sampling of availability of prey occurred between February 2009 to December 2009. We used two methods of sampling (pitfall traps and Shake cloths). We captured 269 individuals of 21 species of insectivorous birds. We collected 4116 invertebrates of which 3259 in the rainy season and 857 in the dry season. We obtained 174 samples stomach, where 10 species were exclusively insectivorous diet, nine fed on insect/plant material, an insect/plant material/vertebrate and one for insect/vertebrate. During the rainy season was observing difference between the consumption of items with higher food importance. The Coleoptera was item with higher food importance (73%), followed by Formicidae (7%) and Araneae (6%). During the dry season, no difference was found difference between the consumption of items with higher food importance. The Coleoptera was item with higher food importance (34%), followed by seeds (29%) and Formicidae (18%). The highest levels of niche overlap occurred during the rainy season, while the dry season was characterized by high levels of niche 11 segregation. This indicates that the local insectivorous birds community was structured differently between periods. No was found correlation between the values of niche breadth to the mean weight of the body size. We observed seasonal patterns in prey availability, with the peak availability of invertebrates observed seasonal patterns in rainy season. The insectivorous birds selected the same species richness during both periods, showing a specialized diet. Thamnophilus pelzelni was the only species that had their diet influenced by seasonality. Regarding the overall diet of insectivorous birds, observed a high consumption of prey, whose food availability caused the birds could invest and increase their food resources
metadata.dc.description.resumo: O estudo da dieta de aves tem contribuído, historicamente, como modelo de uso para o entendimento de padrões e estratégias ecológicas utilizados por vários outros grupos de vertebrados, nos quais são observados padrões sazonais e temporais na disponibilidade de recursos e outros. O presente trabalho objetivou gerar informações referentes à dieta de aves insetívoras durante os períodos chuvoso e seco, bem como analisar importância alimentar, valores de sobreposição alimentar, amplitude de nicho, eletividade e disponibilidade de presas durantes as estações chuvosa e seca. O estudo foi realizado em um fragmento com cerca de 270 ha (coordenadas centrais 5º53 S e 35º23 W). O período de amostragem das aves ocorreu entre março de 2008 a dezembro de 2009, em três trilhas pré-estabelecidas. As capturas das aves foram realizadas por meio de 10 redes ornitológicas dispostas em linha, onde cada linha de rede foi colocada em uma das trilhas, sendo uma amostragem de aves realizadas em uma única trilha por mês. As amostras de regurgitos foram obtidas por meio do tártaro emético. As amostragens de disponibilidade de presas ocorreram entre fevereiro de 2009 a dezembro de 2009, sendo utilizados amostragens no solo (pitfall traps) e na folhagem (shake cloths). Capturamos 269 indivíduos de 21 espécies de aves insetívoras. Foram coletados 4.116 invertebrados, dos quais 3.259 no período chuvoso e 857 no período seco. Obtivemos 174 amostras estomacais, onde 10 espécies tiveram dieta exclusivamente insetívora, 9 alimentaram-se de inseto/material vegetal, 1 de inseto/material vegetal/vertebrado e 1 por inseto/vertebrado. Durante o período chuvoso foi observada diferença entre o consumo dos itens com maior Importância 9 Alimentar, sendo Coleoptera o item com maior Importância Alimentar (73%), seguido por Formicidae (7%) e Araneae (6%). Durante o período seco, não foi encontrada diferença entre o consumo dos itens com maior importância Alimentar, Sendo Coleoptera o item com maior Importância Alimentar (34%), seguido por sementes (29%) e Formicidae (18%). Os maiores índices de sobreposição de nicho ocorreram durante o período chuvoso, enquanto o período seco foi caracterizado pelos maiores valores de segregação de nicho. Isto indica que a comunidade de aves insetívoras local esteve estruturada de forma diferenciada entre os períodos. Não foi encontrada correlação entre os valores de Amplitude de nicho com os pesos médios das aves, mostrando que o tamanho do nicho ocupado pelas aves não tem relação com o seu tamanho corporal. Foram observados padrões sazonais na disponibilidade de presas, sendo o pico da disponibilidade de invertebrados observado durante o período chuvoso. As aves insetívoras selecionaram a mesma riqueza de espécies durante os dois períodos, mostrando uma dieta especializada. Thamnophilus pelzelni foi a única espécie que teve a sua dieta influenciada pela sazonalidade. No que diz respeito a dieta global das aves insetívoras, observamos um elevado consumo de presas, cuja grande disponibilidade de alimento fez com que as aves pudessem investir e aumentar os seus recursos alimentares
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/13063
Aparece nas coleções:PPGCB - Mestrado em Ciências Biológicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
GlauberHBOS_DISSERT.pdf1,07 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.