Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13121
Título: Comparação de efeitos dos extratos de Hypericum perforatum (Hipérico) e de Mentha crispa (Hortelã) em diferentes modelos experiemtais
Autor(es): Santos Filho, Sebastião David dos
Palavras-chave: Hemácias;Plasma;Proteínas, Tecnécio-99m;Radiobiocomplexos;Ratos;Hypericum perforatum;Mentha crispa;Red blood cells;Plasma proteins, Technetium-99m;Radiobiocomplexes;Rats;Hypericum perforatum;Mentha crispa
Data do documento: 16-Ago-2007
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: SANTOS FILHO, Sebastião David dos. Comparação de efeitos dos extratos de Hypericum perforatum (Hipérico) e de Mentha crispa (Hortelã) em diferentes modelos experiemtais. 2007. 92 f. Tese (Doutorado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2007.
Resumo: Several clinic evaluations have been possible with radiobiocomplexes labeled with technetium-99m (99mTc). Some natural and synthetic drugs are capable of to interfere on the labeling of blood constituents with 99mTc, as well as on the biodistribution of radiobiocomplexes. Authors have also reported about the toxicity of several natural products. The aim of this study was to compare the effects of the Mentha crispa (hortelã) and of the Hypericum perforatum (hipérico) in different experimental models. On the labeling of red blood cells (RBC) and plasma and cellular proteins with 99mTc, both extracts were capable of to decrease the radioactivity percentage on the cellular compartment and on the fixation on plasma and cellular proteins. On the morphometry of the RBC, only the hortelã was capable to alter the shape and the perimeter/area ratio of the RBC. On the biodistribution of the radiobiocomplex sodium pertechnetate (Na99mTcO4), the hortelã increased the Na99mTcO4 distribution in the kidney, spleen, liver and thyroid, meanwhile the hipérico decreased the Na99mTcO4 distribution in the bone, stomach, lungs and thyroid, and increased the Na99mTcO4 distribution in the pancreas. On the bacterial cultures survival, the hipérico was capable of to protect the bacteria against the stannous chloride (SnCl2) effect. The hipérico did not alter the topology of plasmidial DNA and did not protect the plasmidial DNA against the SnCl2 action. Probably, the effects presented by both extracts could be due to chemical compounds of the extracts that could alter the morphology of the RBC and the plasma membrane ions transport, and/or by phytocomplexes that could be formed with different effects dependent on the biological system considered
metadata.dc.description.resumo: Avaliações clínicas têm sido possíveis com radiobiocomplexos marcados com tecnécio-99mTc (99mTc). Drogas naturais ou sintéticas são capazes de interferir na marcação de estruturas sanguíneas com 99mTc, assim como na biodistribuição de radiobiocomplexos. Também tem sido descrita a toxicidade de vários produtos naturais. O objetivo deste estudo foi comparar o efeito dos extratos de Mentha crispa (hortelã) e de Hypericum perfloratum (hipérico) em diferentes modelos experimentais. Na marcação de estruturas sangüíneas com 99mTc verificou-se que ambos os extratos foram capazes de diminuir a radioatividade no compartimento celular, nas proteínas plasmáticas e celulares. Na morfometria das hemácias, apenas a hortelã foi capaz de alterar a forma e a relação perímetro/áreas das hemácias. Na biodistribuição do radiobiocomplexo pertecnetato de sódio (Na99mTcO4) a hortelã aumentou a captação do Na99mTcO4 no rim, no baço, no fígado e na tireóide, enquanto que o hipérico diminuiu a captação do Na99mTcO4 no osso, no estômago, no pulmão e na tireóide, e aumentou no pâncreas. Na sobrevivência de culturas bacterianas o hipérico foi capaz de proteger a bactéria do efeito danoso do cloreto estanoso (SnCl2). O hipérico não alterou a topologia nem protegeu o DNA plasmidial da ação do SnCl2. Provavelmente os efeitos apresentados por ambos os extratos poderiam ser explicados por substâncias presentes nos extratos que poderiam alterar a morfologia das hemácias, o transporte de íons pela membrana e/ou formar fitocomplexos. O estudo teve caráter multidisciplinar com a participação das seguintes áreas do conhecimento: Radiobiologia, Botânica, Endocrinologia, Fitoterapia e Hematologia
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/13121
Aparece nas coleções:PPGCSA - Doutorado em Ciências da Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
SebastiaoDSF.pdf463,87 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.