Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13176
Título: Elaboração e validade do teste de rastreio de doença da Alzheimer com provérbios (TRDAP) para indivíduos a partir de sessenta anos
Autor(es): Santos, Mauricéa Tabósa Ferreira
Palavras-chave: Doença de Alzheimer;Validação de Teste;Memória de Curto Prazo;Memória Episódica;Funções Executivas;Linguagem
Data do documento: 25-Set-2009
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: SANTOS, Mauricéa Tabósa Ferreira. Elaboração e validade do teste de rastreio de doença da Alzheimer com provérbios (TRDAP) para indivíduos a partir de sessenta anos. 2009. 121 f. Tese (Doutorado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2009.
metadata.dc.description.resumo: A escassez de instrumentos para a avaliação e a triagem da doença de Alzheimer, (DA), notadamente denominados de rastreio, com características de padronização e validados para o Nordeste, motivou este Estudo. Visando à triagem de uma etapa mais leve da doença e encaminhamento precoce ao tratamento multidisciplinar foi elaborado o Teste de Rastreio da Doença de Alzheimer com Provérbios (TRDAP), a partir de um Jogo de Memória de Provérbios, construído como recurso terapêutico ocupacional. Está composto de três etapas conforme a função neuropsicológica avaliada, a A (memória de curto prazo), B (funções executivas e linguagem) e C (memória episódica), além do reconhecimento de provérbios. O Estudo foi realizado em uma amostra de conveniência, com 91 idosos (28 DA e 63 controles), a partir de 60 anos, com um ou mais anos de escolaridade. Foram controladas as variáveis, como doenças intercorrentes ou déficits sensoriais que pudessem comprometer o desempenho dos pacientes, nos testes. O protocolo constou de oito testes selecionados por especialistas: Miniexame do Estado Mental (para validade convergente), Escala de Depressão Geriátrica EDG (validade discriminante), Lista de Palavras, Fluência Verbal, Span de Dígitos, Figura Neuropsi, Teste do Relógio, Atividade de Vida Diária e Instrumental. Os resultados confirmaram a validade de construto convergente e discriminante, assim como a relação significativa (p<0,005) com todos os testes, exceto com o EDG. Quanto à validade concorrente, não houve discordância com o critério da avaliação médica observou-se consistência interna aceitável, conferindo confiabilidade no instrumento, o que não ocorreu com MEEM. Tais resultados permitem afirmar que o TRDAP possui características psicométricas, adequadas ao rastreio da fase leve da DA para população estudada
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/13176
Aparece nas coleções:PPGCSA - Doutorado em Ciências da Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MauriceaTFS_Tese.pdf2,44 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.