Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13213
Título: Efetividade do uso tópico de fluoreto e da escovação no controle de cáries produzidas "in vivo"
Autor(es): Florêncio Filho, Cícero
Palavras-chave: Dentifrício;Esmalte dentário;Escovação dentária;Enxaguatórios bucais;Lesões brancas de esmalte;Flúor;Laser DIAGNOdent®;Dentifrice;DIAGNOdent® laser;Enamel;Toothbrush;Mouthrinse;Fluoride;White spots lesions
Data do documento: 14-Ago-2008
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: FLORÊNCIO FILHO, Cícero. Efetividade do uso tópico de fluoreto e da escovação no controle de cáries produzidas "in vivo". 2008. 130 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2008.
Resumo: The objective of this clinical study was to evaluate the effectiveness of the toothbrushing with and without fluoride and the daily fluoride rinse (NaF 0.05%) on produced white spot, in vivo. This was a clinical study, controlled, randomized and triple blind. Thirty patients were selected for orthodontics reasons from Orthodontics Specialization Course at the Brazilian Dental Association - Section of Rio Grande do Norte. In this study it was used 4 bicuspid upper and lower. They had orthodontic reason for extractions, in 35 days, at least. The sample had one hundred and twenty teeth that received orthodontic bands. The bands were fixed with polycarboxylate cement, and there was a space standardized between bands and one surface of teeth. The four bicuspid of each patients were randomized and nominated as A, B, C and D. These nominations determinated the sequence of the extractions and what was done in each tooth. All the patients had been submitted to the toothbrushing with or without fluoride for 35 days. After this period, the A tooth of each patient was extracted to serve as control. The others teeth (B, C and D) were extracted one by each week. The entire sample was analyzed through the clinical examination and by laser fluorescence (DIAGNOdent®) in three different times: before orthodontic bands, 28 days after fixed and then removed the bands and, the last one, 07 days after one of the three treatments (toothbrushing with or without fluoride, tooth paste with fluoride and mouth rinse with fluoride). At the beginning all groups (A, B, C and D) had the same conditions, no significant difference was found. The same situation was found in a clinical examination. The results of the DIAGNOdent® for the groups that used tooth paste without fluoride, with fluoride and mouth rinse with fluoride, after 28 days, there was no significant difference. Clinically, the white spot was formed in all teeth after 28 days. When it was compared the three treated groups, the group without fluoride in tooth paste had worst result than the others groups. But there was no significant association between the number of active and inactive white spots and the type of treatment that the teeth had received. The demineralization of the enamel surface, under the orthodontic bands, it happened in a few weeks. The exposition of the white spots in oral environmental resulted in an improvement, but it was not enough to return to the values from the base line, either for the toothbrushing and/or the use of fluorite mouth rinse. Mouth rinse and toothpaste with fluoride have showed to reduce the incidence of demineralization in the enamel, but none seems to be superior to another one in an in vivo study
metadata.dc.description.resumo: O objetivo desse estudo clínico foi avaliar a efetividade da escovação com e sem dentifrício fluoretado e o enxaguatório bucal fluoretado na forma de bochecho diário (NaF 0,05%) associado a escovação com dentifrício fluoretado sobre as lesões brancas de esmalte produzidas in vivo. Este estudo se constituiu em um ensaio clínico controlado e randomizado. Para tanto, foram selecionados 32 pacientes do Curso de Especialização em Ortodontia da Associação Brasileira de Odontologia Secção do Estado do Rio Grande do Norte, que necessitavam como parte do tratamento de exodontias. Os cento e vinte e oito dentes receberam anéis ortodônticos, cimentados com cimento de policarboxilato, com espaço padronizado na superfície vestibular, Sítio Cariogênico . Os quatro premolares de cada paciente foram aleatorizados individualmente, em dente A, B, C e D, com a finalidade de se determinar a seqüência das exodontias e os tipos de procedimentos a serem realizados para cada dente. Todos os pacientes foram submetidos à escovação com dentifrício sem flúor por um período de 35 dias. Após esse período, o dente A de cada paciente foi extraído para servir como controle. Os demais dentes B, C e D foram extraídos após uma, duas e três semanas, respectivamente. Os espécimes foram analisados através do exame clínico e da fluorescência a laser (DIAGNOdent®) antes da cimentação dos anéis ortodônticos, 28 dias após o desafio cariogênico e 07 dias após ter sido submetido a um dos três tratamentos (escovação com dentifrício sem flúor, dentifrício com flúor e bochecho com enxaguatório bucal fluoretado associado a escovação com dentifrício com flúor) instituídos nesse estudo. Clinicamente, a lesão branca foi formada em todos os elementos dentários analisados após 28 dias do desafio cariogênico. Observou-se que não houve diferença estatísticamente significativa entre as medianas para os valores do DIAGNOdent® e para os valores dos escores relacionados ao exame clínico entre os grupos de tratamentos após 07 dias. Quando comparou-se os três grupos tratados, o grupo dentifrício sem flúor apresentou um número de lesões brancas ativas maior que os grupos dentifrício com flúor e bochecho com flúor, nos quais ocorreu um predomínio do número de lesões brancas inativas. No entanto, não houve associação significativa entre o número de lesões brancas ativas e inativas e o tipo de tratamento que os dentes receberam. A desmineralização do esmalte subjacente aos anéis ortodônticos mal adaptados é um processo rápido e ocorre dentro de poucas semanas. A exposição das lesões brancas de esmalte, ativas ao meio bucal, resulta em uma rápida inativação das mesmas, mas não o suficiente para retornar aos valores da linha base, seja por distúrbios mecânicos da escovação e/ou a utilização de enxaguatório bucal fluoretado associado ao dentifrício fluoretado. Os dentifrícios a base de flúor e os enxaguatórios bucais fluoretados têm mostrado reduzir a incidência de desmineralização do esmalte, mas nenhum parece ser superior ao outro tomando como base o modelo de cárie in vivo
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/13213
Aparece nas coleções:PPGCSA - Mestrado em Ciências da Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CiceroFF.pdf3,09 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.