Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13368
Título: A (bio)ética e a Odontologia: os (des)caminhos de uma formação humana
Autor(es): Amorim, Karla Patrícia Cardoso
Palavras-chave: Bioética;Ética odontológica;Ética profissional;Prática odontológica;Ethics;Dentistry;Professional ethics;Dentistry practices
Data do documento: 5-Dez-2005
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: AMORIM, Karla Patrícia Cardoso. A (bio)ética e a Odontologia: os (des)caminhos de uma formação humana. 2005. 115 f. Tese (Doutorado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2005.
Resumo: The present research carried out from three national dentistry magazines published in the period between 1990 and 2004, has as a goal to analyze how bioethics has been approached in this area, not only identifying the main concerns and tendencies, but also aiming to learn how this knowledge is produced and divulged in the dentistry circuit. We have articulated a quantitative-qualitative approach, studying 2995 articles. The articles were selected and assorted in twenty thematic categories, through their titles and key words. The analysis of the empiric material shows that, although there is a growth tendency of this discussion, little has been published about this theme (1,9%). Besides, it seems that there is an arrhythmia between the present bioethic approach in dentistry and the present life demands, where the deontology and legalist focuses are predominant, seeming to correspond to the inner aspects of the profession alone. In spite of this, through the qualitative approach it was possible to identify ways to build a more complex and integral odontological formation and practice. Within the conclusions, we still point out, that, this investigation, even face to its limitations, seems to offer subsidies for reflection and further studies about the theme, working as a parameter to keep up with the evolution of the bioethic thinking in the Odontology
metadata.dc.description.resumo: A presente pesquisa realizada a partir de três revistas nacionais de odontologia publicadas no período de 1990 a 2004, tem como objetivo analisar como a (bio)ética vem sendo abordada nesta área, não só identificando as principais preocupações e tendências, mas também visando apreender como esse conhecimento é produzido e divulgado no âmbito odontológico. Articulamos uma abordagem quantitativa/qualitativa, estudando 2995 artigos. A análise do material empírico revela que, apesar de existir uma tendência de crescimento dessa discussão, pouco tem sido publicado sobre o tema (1,9%). Além do mais, parece haver um descompasso entre a atual abordagem da (bio)ética em odontologia e as atuais exigências da vida, onde predominam os enfoques deontológico e legalista, parecendo corresponder apenas aos aspectos internos da profissão. Apesar disso, através da abordagem qualitativa foi possível identificar caminhos para a construção de uma formação e prática odontológicas mais complexas e integrais. Dentre as conclusões, apontamos, ainda, que, esta investigação, mesmo diante de suas limitações, parece oferecer subsídios para reflexão e posteriores estudos sobre o tema, servindo de parâmetro para acompanhar a evolução do pensar (bio)ético na odontologia
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/13368
Aparece nas coleções:PPGCSA - Doutorado em Ciências da Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
KarlaPCA.pdf407,89 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.