Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13422
Title: Avaliação da eficácia de um programa de "Escola de Coluna" para lombalgia crônica inespecífica
Authors: Andrade, Sandra Cristina de
Keywords: Lombalgia;Escola de coluna;Reabilitação;Backage;Back school;Rehabilitation
Issue Date: 14-Apr-2005
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: ANDRADE, Sandra Cristina de. Avaliação da eficácia de um programa de "Escola de Coluna" para lombalgia crônica inespecífica. 2005. 60 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2005.
Portuguese Abstract: A Escola de Coluna vem sendo utilizada como forma de prevenção e tratamento das algias da coluna desde 1969, porém sua eficácia ainda é relatada na literatura de forma controversa. O objetivo deste estudo foi avaliar a eficácia de um programa de Escola de Coluna em pacientes com lombalgia crônica inespecífica, encaminhados por médicos reumatologistas e ortopedistas para o Setor de Fisioterapia da Clínica Escola da Universidade Potiguar (UnP) Natal/RN, no período de maio de 2002 a dezembro de 2003. Setenta pacientes, com idade variando de 18 a 60 anos, foram randomizados em dois grupos: o grupo Experimental, com 34 pacientes, foi subdividido em grupos de 6 a 8 componentes, os quais participaram de um programa teórico-prático de Escola de Coluna , composto de 4 aulas, uma vez por semana, com 60 minutos de duração; o grupo Controle, com 36 pacientes, ao qual foi explicado que ficaria em uma lista de espera por um período de quatro meses. Em ambos os grupos, foram realizadas três avaliações: basal, após 4 e 16 semanas, por um observador independente e cego quanto ao grupo dos pacientes. Foram analisadas as seguintes variáveis: intensidade de dor, mensurada pela escala visual analógica (EVA), incapacidade funcional, medida pelo questionário de incapacidade de Roland e Morris e a flexibilidade da coluna lombar, pelo índice de Schöber. Na análise estatística, foi utilizado a análise de variância ANOVA, o teste de comparações múltiplas de Newman-Keuls e o coeficiente de correlação de Pearson, sendo considerado um nível de significância p < 0,05. Treze pacientes (18,6 %) não completaram as avaliações, (5 do grupo Experimental e 8 do grupo Controle). Ao final, foram analisados 57 pacientes, (29 do grupo Experimental e 28 do grupo Controle), onde observou-se uma melhora estatisticamente significante apenas no grupo Experimental em relação às variáveis intensidade da dor (p = 0,0001), incapacidade funcional (p = 0,03) e flexibilidade da coluna lombar (p = 0,03). Foi observado neste grupo, diferença estatisticamente significante nas três variáveis estudadas, da 1ª para 2ª avaliação. Da 1ª para 3ª avaliação, as diferenças foram verificadas apenas nas variáveis intensidade da dor e incapacidade funcional. Não foi encontrada diferença estatisticamente significante da 2ª para 3ª avaliação em nenhuma das variáveis. Verificamos uma correlação positiva entre as variáveis intensidade da dor e incapacidade funcional e uma correlação negativa entre a variável flexibilidade da coluna com as demais variáveis na 2ª e 3ª avaliação. Assim, concluímos que o programa de Escola de Coluna proposto neste estudo parece ser eficaz para pacientes com lombalgia crônica inespecífica a curto prazo e que suas vantagens, foram preservadas a médio prazo
Abstract: The Back School has been used to prevent and to treat back pain since 1969, however its effectiveness still is controversy in literature. The objective of this study was to evaluate the effectiveness of a program of "Back School" in patients with nonspecific chronic low back pain, directed by rheumatologists and orthopedic doctors to Physiotherapy School Clinic of Universidade Potiguar (UnP) Natal/RN- Brazil, in period of May/2002 to December/2003. Seventy patients, with age varying from 18 to 60 years, were randomized in two groups: Experimental group (group A) with 34 patients, which was subdivided in groups with 6 to 8 components. This group participated of a theoretician and practical program of Back School with 4 lessons, one day per week, with 60 minutes of duration; to the Control group (group B), with 36 patients, was explained that the group should stay four months in a waiting list . Both groups, had been carried through three evaluations, by a blind, to patient group, independent observer: initial evaluation, after four and sixteen weeks. The following variables were analyzed: pain intensity, measured by analog visual scale (AVS), functional disability, measured by disability questionnaire of Roland and Morris and the spinal mobility measured by Schöber s method. In statistical analysis it was used variance analysis ANOVA, the test of Newman-Keuls multiple comparations, and the Pearson correlation coefficient, with significance level p<0.05. Thirteen patients (18,6%) didn t complete the evaluations, (5 from experimental group and 8 from control group). At last, 57 patients were studied, (29 from Experimental group and 28 from Control group), it was observed a significant statistical improve just for Experimental group in variables pain intensity (p=0,0001), functional disability
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13422
Appears in Collections:PPGCSA - Mestrado em Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AvaliacaoEficáciaPrograma_Andrade_2005.pdf268.71 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.