Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13461
Título: Efeito de extratos da alga marinha caulerpa mexicana em modelos de inflamação em murinos
Autor(es): Bitencourt, Mariana Angélica Oliveira
Palavras-chave: Caulerpa mexicana;Doença inflamatória;Camudongos;Caulerpa mexicana;Inflammatory disease;Mice
Data do documento: 28-Fev-2011
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: BITENCOURT, Mariana Angélica Oliveira. Efeito de extratos da alga marinha caulerpa mexicana em modelos de inflamação em murinos. 2011. 88 f. Dissertação (Mestrado em Bioanálises e Medicamentos) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2011.
Resumo: The regulation of the inflammatory response is essential to maintain homeostasis. Several studies have been performed to search new drugs that can contribute to avoiding or minimizing an excessive inflammatory process. The aim of this study was to evaluate the effect of extracts of green algae Caulerpa mexican in models of inflammation. In mice, the model of peritonitis induced inflammatory zymosan pretreatment of mice with aqueous and methanol extracts of C. mexican was able to reduce cell migration to the peritoneal cavity. Treatment of mice with extracts of C. mexican also reduced the ear edema induced by xylene and exerted inhibitory action on the migration of leukocytes in inflammation-induced zymosan the air pouch, and timedependent for the extracts tested in the model of ulcerative colitis induced by DSS 3%, the extract methanol, but not the aqueous C. mexican, significantly reduced the clinical symptoms of colitis, as well as the production of proinflammatory cytokines in the culture of mouse colon, in the histological analysis there was a slight reduction of inflammation in the intestinal mucosa. We concluded that the administration of the extracts resulted in the reduction of cell migration to different sites as well as reducing the edema formation induced by chemical irritant. This study demonstrates for the first time the antiinflammatory effect of aqueous and methanolic extracts from green marine algae Caulerpa mexican
metadata.dc.description.resumo: A regulação da resposta inflamatória é essencial para manter a homeostase. Diversos estudos têm sido realizados para a pesquisa de novas drogas que possam contribuir para evitar ou minimizar um processo inflamatório excessivo. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito de extratos de algas verde Caulerpa mexicana em modelos de inflamação. Em camundongos, o modelo de peritonite inflamatória induzida por zimosam o tratamento prévio de camundongos com extrato aquoso e metanólico de C. mexicana foi capaz de reduzir a migração celular para a cavidade peritoneal. O tratamento dos camundongos com os extratos da C. mexicana também diminuiu o edema de orelha induzido por xilol e exerceu ação inibitória da migração de leucócitos em inflamação induzido pelo zimosam na bolsa de ar, sendo tempo-dependente para os extratos testados, no modelo de colite ulcerativa induzida por DSS 3%, o extrato metanólico, mas não o aquoso da C. mexicana, reduziu de forma significativa o quadro clínico da colite, como também a produção de citocinas pró-inflamatórias na cultura do cólon do camundongo, na análise histológica houve uma leve redução da inflamação na mucosa intestinal. Concluímos que a administração dos extratos resultou na redução da migração de células para diferentes modelos experimentais, bem como reduzir a formação de edema induzida por irritante químico. Este estudo demonstra pela primeira vez o efeito anti-inflamatório do extrato aquoso e metanólico da alga verde marinha Caulerpa mexicana
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/13461
Aparece nas coleções:PPGCF - Mestrado em Ciências Farmacêuticas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MarianaAOB_DISSERT.pdf3,01 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.