Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13511
Título: Avaliação citológica em base líquida de fármacos moduladores estrogênicos
Autor(es): Martins, Rand Randall
Palavras-chave: Inibidores da aromatase;Citologia em base líquida;Modelo animal;Aromatase inhibitors;Liquid based cytology;Animal model
Data do documento: 18-Ago-2006
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: MARTINS, Rand Randall. Avaliação citológica em base líquida de fármacos moduladores estrogênicos. 2006. 88 f. Dissertação (Mestrado em Bioanálises e Medicamentos) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2006.
Resumo: Hormone therapy is an important tool in the treatment of breast cancer and tamoxifen represents one of the most important drugs used in this type of treatment. Recently other drugs based on the inhibition of aromatase had been developed, this enzyme is responsible for the synthesis of estrogenic esteroids from the androgenic ones. The objective of this study would be the development of a quantitative cytological model of murine estral analysis that allowed the characterization of different hormone drugs effect over vaginal epithelium. The technique of monochromatic staining with Evans blue (C.I. 23860) showed to be efficient in the qualitative and quantitative classification of the cycle. It had been observed differences in the cytological standard of animals submitted to the studied drugs; tamoxifen presented a widening of phases of lesser maturation (diestrais), while anastrozole and exemestane increased the duration of the phases of larger maturation (estrais). The data were analysed through a cubical non linear regression (spline) which allowed a better characterization of the drugs, suggesting a proper cytological profile to the antagonism of the estrogen receptor (tamoxifen), aromatase competition (anastrozole) and inhibition of the enzyme (exemestane)
metadata.dc.description.resumo: A hormonioterapia é um importante recurso no tratamento do câncer de mama e o tamoxifeno representa o fármaco mais empregado neste tipo de tratamento. Recentemente foram desenvolvidos outros fármacos baseados na inibição da aromatase, enzima responsável pela síntese de esteróides estrogênicos a partir de androgênios. O objetivo deste estudo seria o desenvolvimento de um modelo citológico quantitativo de analise estral murina que permitisse a caracterização dos efeitos farmacológicos de diferentes hormonioterápicos sob epitélio vaginal. A técnica de coloração monocromática com Azul de Evans (C.I. 23860) mostrou-se eficaz na classificação qualitativa e quantitativa do ciclo. Observou-se diferenças no padrão citológico de animais submetidos aos fármacos em estudo; onde o tamoxifeno apresentou alargamento das fases de menor maturação (diestrais), enquanto que o anastrozol e o exemestano incrementaram a duração das fases de maior maturação (estrais). O tratamento dos dados através de uma regressão não linear por spline cúbica permitiu melhor caracterização dos fármacos, sugerindo um perfil citológico próprio ao antagonismo do receptor de estrógeno (tamoxifeno), competição da aromatase (anastrozol) e inibição da enzima (exemestano)
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/13511
Aparece nas coleções:PPGCF - Mestrado em Ciências Farmacêuticas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
RandRM.pdf480,21 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.