Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13667
Título: A noção de acontecimento na experiência do DOCTV RN IV Sangue do Barro
Autor(es): Cardoso, Ana Tázia Patrício de Melo
Palavras-chave: Acontecimento. Cinema-verdade. Documentário. DOCTV. Sociologia do presente;Event. Direct cinema. Documentary. DOCTV. Sociology of the present
Data do documento: 4-Out-2012
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: CARDOSO, Ana Tázia Patrício de Melo. A noção de acontecimento na experiência do DOCTV RN IV Sangue do Barro. 2012. 92 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2012.
Resumo: This dissertation presents a reflection upon the notion of event, inspired by the contributions of Edgar Morin to the thinking of the present. The research analysis this notion particularly from the experience of the documentary titled Sangue do Barro, which was the winner of the 4th edition of DOCTV, in the federal state of Rio Grande do Norte in 2008. The study focuses on how facts from daily life can be approached by the documentary making process, and how in this process the questioning of facts leads to the questioning of social realities. In this perspective, through the illustrative case of Sangue do Barro, the research develops the hypothesis of how in the documentary process, which aims at revealing a particular history, is the revealing of the particular able to reflect the universal. The dissertation thus assumes this situation as precisely the configuration of the sociology of present, proposed by Edgar Morin. Furthermore, along with the theoretical premises of the sociology of the present, the research performs a brief historical analysis of documentary practices, Brazilian audiovisual public policies, and it also discusses the technical contributions of several contemporary film makers and contemporary thinkers, such as Jean Rouch, Bill Nichols, Ismail Xavier, Consuelo Lins, Gilles Lipovetsky, Jean Serroy, Michel Foucault, Alfredo Pena-Vega, Nicole Lapierre, etc
metadata.dc.description.resumo: A presente dissertação de mestrado consiste na reflexão sobre a noção de acontecimento, à luz do pensamento de Edgar Morin, particularmente refletida na experiência do documentário Sangue do Barro, vencedor da quarta edição do DOCTV, no Rio Grande do Norte, em 2008. Neste sentido, a pesquisa extrai do fazer documental o foco nas questões cotidianas, de onde se parte dos fatos para se questionar as realidades sociais. Assim, no exemplo de Sangue do Barro, a dissertação analisa a hipótese de como o procedimento documental, com foco em revelar uma história particular, pode de fato fazer com esse particular reflita o universal, o que finda por configurar-se em uma sociologia do presente, conforme proposta por Edgar Morin. A presente pesquisa é complementada ainda por uma breve análise contextual do cinema verdade, das políticas públicas de audiovisual e difusão do documentário no Brasil. Além dos pressupostos teóricos da sociologia do presente de Edgar Morin, são abordadas ainda as contribuições teóricas para a compreensão do gênero documentário de Jean Rouch, Bill Nichols, Ismail Xavier, Consuelo Lins, Gilles Lipovetsky, Jean Serroy, Michel Foucault, Alfredo Pena-Vega, Nicole Lapierre, entre outros
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/13667
Aparece nas coleções:PPGCS - Mestrado em Ciências Sociais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AnaTPMC_DISSERT.pdf1,32 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.