Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13686
Título: Entre a vida e a obra: música e religião em Max Weber
Autor(es): Costa, Joicy Suely Galvão da
Palavras-chave: Música. Religião. Racionalização. Max Weber;Music. Religion. Rationalization. Max Weber
Data do documento: 22-Fev-2013
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: FERNANDES, Joicy Suely Galvão da Costa. Entre a vida e a obra: música e religião em Max Weber. 2013. 130 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013.
Resumo: This study aims to analyze the relationship between music and religion in Max Weber s life and work, in a perspective that combines its intellectual productions in Sociology, in religion and art subfields. We developed a research in order to revisit the concept of rationalization, present in Weberian thought, and also to discuss how music and religion, as distinct spheres of life, star conflicts and alliances and build particular attitudes of action in the world, having the appearance of a rationality based on calculation in a central position to understand the construction of musical technique in the West and the autonomy of aesthetic enjoyment from religious enjoyment, previously linked. Regarding the procedure analysis, we built a symbolic cartography, according to Santos (2000), from selected works of Max Weber, as Religious rejections in the world and their directions (1982), among others. With the activity, we identified similarities and differences between music and religion in the author thoughts. We consider that the studied dimensions are important in Weberian analysis of the constitution of modern society and its cultural system, showing two distinct approaches to the issue of rationalization in the West
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho tem como objetivo analisar a relação entre música e religião na vida e obra de Max Weber, em uma perspectiva que alia suas produções intelectuais em Sociologia, nos subcampos da religião e da arte. Desenvolvemos a investigação revisitando o conceito de racionalização, presente no pensamento weberiano, discutindo também de que modo a música e a religião, enquanto esferas distintas da vida, protagonizam conflitos e alianças e constroem atitudes particulares de ação no mundo, tendo o surgimento de uma racionalidade baseada no cálculo uma posição central para compreender a construção da técnica musical no Ocidente e a autonomização do gozo estético do gozo religioso, anteriormente vinculados. No que concerne ao procedimento de análise, construímos uma cartografia simbólica, conforme Santos (2000), de obras selecionadas de Max Weber, como Rejeições religiosas do mundo e suas direções (1982), entre outras. Com a atividade, identificamos aproximações e distanciamentos entre música e religião no pensamento desse autor. Consideramos que as dimensões estudadas encontram importância nas análises weberianas da constituição da sociedade moderna e seu sistema cultural, apresentando dois enfoques distintos do problema da racionalização do ocidente
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/13686
Aparece nas coleções:PPGCS - Mestrado em Ciências Sociais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JoicySGC_DISSERT_PARCIAL.pdf585,42 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir
JoicySGC_DISSERT.pdf1,33 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir    Solictar uma cópia


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.