Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13701
Título: Imagens do medo na mídia: uma análise das representações da violência em Natal-RN
Autor(es): Araújo, Francisco Cruz de
Palavras-chave: Violência;medo;representações midiáticas;imaginário social;representações sociais;Violence;fear;media representations;imaginary social;socials representations
Data do documento: 9-Mai-2013
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: ARAÚJO, Francisco Cruz de. Imagens do medo na mídia: uma análise das representações da violência em Natal-RN. 2013. 105 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013.
Resumo: Social violence is one of the phenomena of human life that produce effects on the social imaginary as it is in it that are designed conflicting values concerning what is most vital to humans, such as respect for the strength and the fear of death, pleasure trespass for injury and pain, the rejection of injustice and anger that is born of revolt. The variability of feelings and reasons that constitute violence has required academic knowledge increasingly sensitive reflections that encompass the complexity of its manifestations. The feeling of fear and insecurity which constitute the collective social imagination has caused large changes in the behavior of both individuals and the society as a whole. This study aims to reflect on media representations the social violence in Natal-RN. Through a thematic survey and documentary analysis of three newspapers of Rio Grande do Norte - Tribuna do Norte, Novo Jornal and Jornal Metropolitano - was possible to list events and trace different discursive strategies that lead to receptors ideological interests of class, constitute social and spatial segregations and maximize violations of rights and of the human dignity, with important implications in the construction of social representations concerning the reality of violence
metadata.dc.description.resumo: A violência social é um dos fenômenos da vida humana que mais produzem efeitos sobre o imaginário social, pois é nele que são projetados valores contraditórios relativos ao que há de mais vital aos seres humanos, como o respeito à força e o temor da morte, o prazer pela transgressão e a dor pela injúria, a rejeição da injustiça e a fúria que nasce da revolta. A variabilidade de sentimentos e razões que inteiram a violência tem exigido do saber acadêmico cada vez mais reflexões sensíveis que abarquem a complexidade das suas manifestações. A sensação de medo e insegurança que constituem o imaginário social coletivo tem provocado amplas transformações nos comportamentos tanto dos indivíduos, quanto da sociedade como um todo. Este estudo busca refletir acerca das representações midiáticas da violência social em Natal-RN. Por meio de um levantamento temático e análise documental de três jornais impressos do Rio Grande do Norte Tribuna do Norte, Novo Jornal e Jornal Metropolitano - foi possível elencar acontecimentos e traçar diferentes estratégias discursivas que conduzem aos receptores interesses ideológicos de classe, constituem segregações sócio-espaciais e maximizam violações de direitos e da dignidade humana, com implicações importantes na construção das representações sociais concernentes à realidade da violência
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/13701
Aparece nas coleções:PPGCS - Mestrado em Ciências Sociais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
FranciscoACA_DISSERT.pdf2,62 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.