Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14011
Título: Diversidade de cefalópodes e o seu papel no nicho trófico de seus principais predadores nos Arquipélagos de Fernando de Noronha e São Pedro e São Paulo
Autor(es): Andrade, Lorena Candice de Araújo
Palavras-chave: Cefalópodes;Arquipélago de São Pedro e São Paulo;Arquipélago Fernando de Noronha
Data do documento: 29-Dez-2008
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: ANDRADE, Lorena Candice de Araújo. Diversidade de cefalópodes e o seu papel no nicho trófico de seus principais predadores nos Arquipélagos de Fernando de Noronha e São Pedro e São Paulo. 2008. 51 f. Dissertação (Mestrado em Bioecologia Aquática) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2008.
Resumo: This study aims, to characterize the diversity of cephalopods by analyzing the stomach contents of fishes caught in the islands of St. Peter and St. Paul (ASPSP) and Fernando de Noronha (AFN). Also, verify the participation of cephalopods in the diet of their main predators. A total of 723 stomachs were collected, from 8 species of fish, caught by the fishery, 471 stomachs were from ASPSP and 252 were from the AFN. It was recorded the occurrence of food items (fish, cephalopods and crustaceans) and the cephalopods were identified to the lowest taxa possible, according to specialized literature. The Ommastrephidae family represented 84.46% of occurrence in the ASPSP and 63.48% in the AFN, confirming the importance of this family in the area studied and also in the diet of their predators. Among the species with greatest occurrence Ornitoteuthis antillarum was the most representative in both regions. This species had an average mantle length of 54.25 mm, thus demonstrating that the majority of this population is in the juvenile stage of development. The smallest species found was Argonauta nodosa with a mantle length of 4.06 mm and the largest was Ommastrephes bartrami, with 223.33 mm. In the AFN, the species richness (d) was 2.318, the diversity index (H ') was 1.454 and the measure of evenness (J) was 0.585. In the ASPSP, the species richness (d) was 2.66, the Shannon diversity index (H ') was 1.013 and the measure of evenness (J) was 0.373. AFN has a greater cephalopod diversity than ASPSP, confirming the pattern suggested by the Theory of Island Biogeography. Among the occurrence of prey items for all predators, the cephalopods are secondary preys. The most important cephalopod species in the diet of Thunnus albacares and Acantocybium solandri was Ornithoteuthis antillarum. These predators have different niche width the diet of Thunnus albacares is more specialized, but they have an overlap of 84.684% in the trophic niche, suggesting that in the ASPSP these two species may use similar niches
metadata.dc.description.resumo: O presente estudo teve como objetivo, caracterizar a diversidade de cefalópodes através da análise dos conteúdos estomacais dos peixes capturados nos Arquipélagos de São Pedro e São Paulo (ASPSP) e Fernando de Noronha (AFN). Além disso, verificar a participação dos cefalópodes na dieta dos seus principais predadores. Foram então coletados um total de 723 estômagos de 8 espécies de peixes, capturados através da pesca dos quais, 471 provenientes do ASPSP e 252 do AFN. Foram registrados a ocorrência dos itens alimentares (peixes, cefalópodes e crustáceos) e os cefalópodes encontrados foram identificados até o menor táxon possível, segundo bibliografia especializada. A família Ommastrephidae representou 84,46% de ocorrência no ASPSP e no AFN 63,48%, confirmando a importância desta família na região estudada e também na dieta de seus predadores. Dentre as espécies de maior ocorrência Ornitoteuthis antillarum foi a mais representativa nas duas regiões. Essa espécie apresentou uma média de comprimento do manto de 54,25 mm, demonstrando assim que a maioria desta população se encontra em estágio de desenvolvimento juvenil. A menor espécie encontrada foi Argonauta nodosa com 4,06 mm de comprimento de manto e a maior foi Ommastrephes bartrami com 223,33 mm. No AFN a riqueza de espécies (d) foi de 2,318, o índice de diversidade (H ) foi 1,454 e a medida de equitabilidade (J) de 0,585. No ASPSP foram a riqueza de espécies (d) foi de 2,66, o índice de diversidade de Shannon (H ) para o ASPSP foi 1,013 e a medida de equitabilidade (J) 0,373. AFN tem uma diversidade de cefalópodes maior que ASPSP, confirmando o padrão proposto pela Teoria de Biogeografia de Ilhas. Dentre a ocorrência de itens de presas para todos os predadores analisados, os cefalópodes são presas secundárias. A espécie de cefalópode mais importante na dieta de Thunnus albacares e Acantocybium solandri foi Ornithoteuthis antillarum. Esses predadores apresentam largura de nicho diferente, sendo a dieta de Thunnus albacares mais especializada, porém eles apresentam uma sobreposição de nicho trófico de 84,684%, sugerindo que no ASPSP essas duas espécies possivelmente utilizam nichos semelhantes
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14011
Aparece nas coleções:PPGE - Mestrado em Ecologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LorenaCAA.pdf729,59 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.