Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14072
Título: Arranjos produtivos globalizados: o caso do APL da fruticultura de melão de Mossoró - Baraúna-RN
Autor(es): Oliveira, Estevani Pereira de
Palavras-chave: Arranjo produtivo local;Fruticultura;APL do melão de Mossoró/Baraúna;Desenvolvimento regional/local;Rio Grande do Norte;Local productive arrangement;Fruits;Melon Mossoró APL/Baraúna regional/local development;Rio Grande do Norte
Data do documento: 17-Nov-2011
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: OLIVEIRA, Estevani Pereira de. Arranjos produtivos globalizados: o caso do APL da fruticultura de melão de Mossoró - Baraúna-RN. 2011. 107 f. Dissertação (Mestrado em Economia Regional) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2011.
Resumo: This study discuss the issue on Clusters Global, the productive arrangement of fruits melon Mossoró/Baraúna in Rio Grande do Norte, located in the Potiguar semi-arid RN, is entered in the arket international level, the job serch, from the benchmark neo-schumpeterian, strongly condensed and absorbed in Brazil by focusing on Local Productive Arrangements set out by the Reseatch Netwoark on Sistemas Produtivos e Inovativos Locais (REDESIST), understanding the extent to which innovation efforts, and as interactions between the main actors that make up this APL in particular, account for its global insertion. The methodology includes the application of questions to the producers of melon arrangement as well as interviews with the main responsible for the support, promotion and financing. In conclusion, there is a significant interaction between producres and actors of the arrangement, a fact that contributes to the integration into the international market together with the implementation of relevant innovations. Finally, it is pointed out the need for public policies directed to the production of melon because of its relevance to the exports of Rio Grande do Norte
metadata.dc.description.resumo: Este estudo discute a temática Arranjos Produtivos Globalizados, precisamente o arranjo produtivo de fruticultura de melão de Mossoró/Baraúna, no Rio Grande do Norte que, a despeito de ser de base agrícola e localizado no semi-árido potiguar, se inseriu no mercado internacional. O presente trabalho busca, a partir do referencial neo-schumpeteriano, fortemente condensado e assimilado no Brasil por meio do enfoque em Arranjos Produtivos Locais enunciado pela Rede de Pesquisa em Sistemas Produtivos e Inovativos Locais (REDESIST), compreender em que medida os esforços de inovação, bem como as interações entre os principais atores que compõem este APL em específico, respondem por sua inserção global. A metodologia inclui a aplicação de questionários junto aos produtores de melão do arranjo, bem como entrevistas com os principais responsáveis pelo apoio, promoção e financiamento. Como conclusão, verifica-se uma significativa interação entre os produtores e os atores do arranjo, fato este que contribui para a sua inserção no mercado internacional acompanhada da implementação de inovações relevantes. Por fim, aponta-se para a necessidade políticas públicas direcionadas para a produção de melão, em razão de sua relevância para a pauta de exportações do Rio Grande do Norte
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14072
Aparece nas coleções:PPGECO - Mestrado em Economia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
EstevaniPO_DISSERT.pdf1,52 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.