Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14185
Título: A transversalidade no currículo do ensino fundamental: as questões ambientais em foco
Autor(es): Aquino, Maria Sacramento
Palavras-chave: Transversalidade;Questões ambientais;Currículo escolar;Transversality;Environmental issues;School curriculum
Data do documento: 26-Dez-2008
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: AQUINO, Maria Sacramento. A transversalidade no currículo do ensino fundamental: as questões ambientais em foco. 2008. 200 f. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2008.
Resumo: This thesis is the result of an investigation about the transversality of the environmental issues into the daily curriculum of High Schools (from first to eighth grade). The research field was the county of Santo Antonio de Jesus in the state of Bahia, Brazil. The investigation is related with the challenge that the present model of social development and organization has put to the school institution: to bring the regular discussion about Environmental Education (EE) to the school s daily life. Facing the complexity of the socio-environmental issues and the basic functions of Education, the object of study was restricted to the identification of the challenges and paradoxes of the EE inside the curriculum organization of Politic-Pedagogic Project of the schools and the teachers daily practices. About the methodology, we adopted different references for the qualitative research: sociology, history, economy, and education. As for the investigative procedures about the teacher s practices, we related the school s daily practices to the context of the community. We also adopted several investigative procedures, such as questionnaires, interviews, observations and formative intervention. The theoretical basis was organized based on references to curriculum organization, environmental culture, teacher education and also considering the pillars of a capitalistic system that is based on consumerism and that generates social exclusion. At the initial considerations, we contextualized the contemporary environmental issues in an attempt to interpret the conditions of the EE transversality into the school s daily practices, which are still oriented to the traditional Cartesian Education. Based on the collected data, we found the reasons for the teachers dilemma and reluctances to the insertion of the environmental issues into the organization of the work plan and into the management of a school. Nevertheless, the results also signed promising possibilities to the EE tranversality, in case the curriculum of the school could be more sensible towards the cultural and social-economical issues of a community. We especially questioned The National Curriculum Parameter s (PCN), which is considered highly insufficient to inform the teachers about the environmental issues, facing the actual local conditions of social and pedagogic work. The final considerations showed the role and the importance of this research as one strategy to organize the curriculum education into the perspective of the transversality of environmental issues inside the education of both teacher and student
metadata.dc.description.resumo: Esse estudo é o resultado de uma investigação sobre a transversalidade das questões ambientais no currículo cotidiano de escolas do Ensino Fundamental (1ª a 8ª série). O campo de pesquisa foi o município de Santo Antônio de Jesus, Bahia. A investigação está relacionada com os desafios que o atual modelo de desenvolvimento e organização social tem colocado para a instituição escolar: a discussão pedagógica da educação ambiental (EA) dentro da vida escolar. Diante da complexidade da questão sócio-ambiental e das funções básicas da educação afunilamos nosso estudo para a identificação dos desafios e paradoxos da EA diante do Projeto Político Pedagógico e das práticas dos professores. Na metodologia adotamos diferentes referências para a pesquisa qualitativa: sociologia, história, economia e educação. Nos procedimentos de investigativos sobre a prática dos professores, relacionamos o cotidiano da escola com o contexto da comunidade. Adotamos, igualmente, diversos procedimentos de investigação, como questionários, entrevistas, observações e intervenção formativa. A fundamentação teórica buscou referências nas teorias da organização curricular, da cultura ambiental, da formação do professor e nas bases de um capitalismo consumista que gera exclusão social. Nas considerações iniciais contextualizamos a problemática ambiental contemporânea, tentando interpretar as condições da transversalidade da EA no cotidiano da escola, ainda orientada para a tradicional formação cartesiana. Com base nos resultados encontramos as razões para os dilemas e resistências dos professores para a inserção das questões ambientais na organização do plano de trabalho e na gestão da escola. Todavia, os resultados também mostraram as possibilidades promissoras para a transversalidade da EA, caso o currículo escolar pudesse ser mais sensível às problemáticas sócio-econômicas e culturais da comunidade. Questionamos especialmente os Parâmetros Curriculares Nacionais, considerados insuficientes para subsidiar os professores sobre os problemas ambientais, diante da suas condições locais de trabalho social e pedagógico. As considerações finais evidenciaram o papel e a importância da pesquisa como estratégia para a organização educativa no sentido da transversalidade das questões ambientais na formação do professor e do aluno.
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14185
Aparece nas coleções:PPGED - Doutorado em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MariaSA.pdf3,17 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.