Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14240
Título: Corpo e escrita: linhas e entrelinhas da produção de conhecimento em sala de aula
Autor(es): Souza, Ana Cleide Silva de
Palavras-chave: Corpo;Escrita;Educação;Body;Writing;Education
Data do documento: 11-Abr-2008
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: SOUZA, Ana Cleide Silva de. Corpo e escrita: linhas e entrelinhas da produção de conhecimento em sala de aula. 2008. 153 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2008.
Resumo:  Body and writing: Lines and between-lines of production of knowledge in the classroom it is an ethnographic research, longitudinal character, based on experience while experienced educator of the Escola Municipal Professor Amadeu Araújo, located in the city of Natal-RN, from which are made reflections about texts written by students who have distorted age/education level, in the process of literacy. Here as initial goal: to discuss the production of students writing as a process body, considering the record of experiences and the impressions they have made during the teaching process. We initially by a conception of phenomenological body, by understanding it in its complexity, a phenomenon that is made from its relationship with the world and with the Other. The records examined were produced between the year 2000 and 2005 involving writings of 106 students, constituting a universe of 136 texts, from which, delimited a corpus of 27 texts. The relevance with respect to the theme and recurrence in which they were detected, were up to elements that allowed a systematization methodology, defining the following units of analysis: Body, written in everyday; body, written and sexuality; body, written and enjoyment poetics; body, writing and other stories. We used the techniques of search, participant observation, based on the actions and interactions body expressed during the experiment and the analysis of documents that consisted of students in the texts and secondary sources, among them, the records of daily class, reports and projects developed, as well as reports of my pedagogical practice, as a researcher inserted in the investigative process. The experience developed, showed a writing school able to express nuances of human complexity, showing that learning is made in the action body, crossed by various forms of language and pointing to the relevance of a pedagogical work able to articulate the dialogue between the written and registrations body of the students, as subjects of learning
metadata.dc.description.resumo:  CORPO E ESCRITA: Linhas e entrelinhas da produção de conhecimento em sala de aula trata-se de uma investigação etnográfica, com base em experiência vivenciada enquanto educadora da Escola Municipal Professor Amadeu Araújo, localizada na periferia do município de Natal-RN, a partir da qual são tecidas reflexões acerca dos textos escritos por alunos que apresentam distorção idade/nível de ensino, em processo de alfabetização. Apresentamos como objetivo inicial: discutir a produção escrita dos alunos como um processo corporal, considerando-se o registro das experiências vividas bem como as impressões por eles apresentadas, durante o processo pedagógico. Optamos inicialmente por uma concepção fenomenológica, com base em Merleau-Ponty e por uma compreensão de cognição corporalizada, por compreender o corpo em sua complexidade, como fenômeno que se concretiza a partir da sua relação com o mundo e com o Outro. Os registros analisados foram produzidos entre o ano de 2000 e 2005 envolvendo escritos de 106 alunos, constituindo um universo de 136 textos, a partir do qual, delimitamos um corpus de 27 textos. A relevância com relação à temática e a recorrência em que foram detectados constituíram-se em elementos que possibilitaram uma sistematização metodológica, definindo-se as seguintes unidades de análise: Corpo, escrita e cotidiano; corpo, escrita e sexualidade; corpo, escrita e fruição poética; corpo, escrita e outras histórias. Utilizamos como técnicas de pesquisa, a observação participante, com base nas ações e interações corporais manifestadas durante a experiência; a análise de documentos que consistiram nos textos dos alunos e em fontes secundárias, dentre estas, os registros dos diários de classe, relatórios e projetos desenvolvidos, bem como relatos da minha prática pedagógica, enquanto pesquisadora inserida no processo investigativo. A experiência desenvolvida evidenciou uma escrita escolar capaz de expressar nuances da complexidade humana, demonstrando que a aprendizagem se concretiza na ação corporal, transversalizada pelas diversas formas de linguagem e apontando para a relevância de um trabalho pedagógico capaz de articular o diálogo entre a escrita e as inscrições corporais dos alunos, enquanto sujeitos de aprendizagem
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14240
Aparece nas coleções:PPGED - Mestrado em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AnaCSS.pdf911,41 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.