Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14250
Título: Ler televisão limites do curso tv na escola e os desafios de hoje em Sergipe
Autor(es): Rocha, Florisvaldo Silva
Palavras-chave: Televisão;educação;ead;leitura crítica;linguagem;Television;education;EaD;critical reading;language
Data do documento: 23-Abr-2008
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: ROCHA, Florisvaldo Silva. Ler televisão limites do curso tv na escola e os desafios de hoje em Sergipe. 2008. 184 f. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2008.
Resumo: In Reading Television: Limits of the course TV in the School and the Challenges of Today in Sergipe , we had as objective to detect that type of critical reading of the cultural texts produced by the television, professionals of the education of the public net of the basic and average education of the state of Sergipe that all had concluded its 3 (three) modules carries through. We were effectively tutorial of the first edition of this course of extension in the distance and witness some inconsistencies in its application, moment where the instigated investigation appeared: ahead of the current necessity of if understanding with a critical sense, the paper that plays it measured them in orchestration of the globalizado world, that type of critical reading of the audiovisual language is capable to carry through a professional of the education that participated of a course of this nature? Beginning with documental analysys and qualitative metodology we try to analyse in four chapters, since the origins and motivations of this course, to the opinions of 10 (ten) former course students about the approaches of the same thematic subject by two different television new programs, without missing the opinions of the tutors about the conditions in which were made 4 (four) consecutive editions of the course in Sergipe nor the concrete relationships estabilished by the former course students and the audiovisual on their everyday routine both at home and at work. We conclude that the reading made by the former course students is based on common sense and then not satisfactory to the requirements of this task nowadays, and at the same time we point out that the course failed, for it presented severe issues in terms of management and operations in its practical application to distance, by priorizing quantity over quality, by linking itself to a deficient technical structure, by not beholding the diosyncrasies nor the fundamental videos the teachers have access everyday and that it all had direct relation with the attachment of this course to a verticalized policy of technologization of brazilian education.
metadata.dc.description.resumo: Em Ler Televisão: Limites do curso TV na Escola e os Desafios de Hoje em Sergipe , tivemos como objetivo detectar que tipo de leitura crítica dos textos culturais produzidos pela televisão, profissionais da educação da rede pública do ensino fundamental e médio do estado de Sergipe que concluíram todos os seus 3 (três) módulos realiza. Fomos efetivamente tutor da primeira edição des se curso de extensão a distância e presenciamos várias inconsistências na sua aplicação, momento em que surgiu a indagação instigadora: diante da necessidade atual de se compreender com criticidade o papel que desempenham os media na orquestração‟ do mundo globalizado, que tipo de leitura crítica da linguagem audiovisual é capaz de realizar um profissional da educação que participou de um curso dessa natureza? A partir de análise documental e de metodologia qualitativa pelo uso de técnicas de entrevistas e questionários buscamos analisar, em quatro capítulos, desde as origens e motivações deste curso, até as opiniões de 10 (dez) ex-cursistas sobre as abordagens de uma mesma temática em dois telejornais distintos, sem perder de vistas as opiniões dos tutores às condições em que foram realizadas 4 (quatro) edições consecutivas do curso em Sergipe e nem as relações concretas estabelecidas entre os/as ex-cursistas e o audiovisual no dia-a-dia de casa e do trabalho. Concluímos que a leitura realizada pelos/as ex-cursistas está embasada no senso comum e, portanto não é satisfatória às exigências dessa tarefa hoje, ao tempo em que apontamos que o curso falhou, pois apresentou graves questões gerenciais e operacionais em sua aplicação prática a distância, ao priorizar a quantidade em detrimento da qualidade, ao atrelar-se a uma estrutura técnica deficiente, ao não contemplar as idiossincrasias e nem os vídeos fundamentais que os/as professores/as têm acesso no dia-a-dia e que tudo isso teve relação direta com o atrelamento desse curso a uma verticalizada política de tecnologização da educação brasileira.
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14250
Aparece nas coleções:PPGED - Doutorado em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
FlorisvaldoSR_TESE.pdf1,41 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.