Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14280
Título: Concepções de infância e de educação infantil que permeiam a prática docente
Autor(es): Pinheiro, Maria Margarida
Palavras-chave: Concepção de infância e de educação infantil;Desenvolvimento infantil;Cuidar e educar;Prática docente;Childhood and child dducation conception;Child development;To take care and to educate;Teaching practice
Data do documento: 19-Nov-2008
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: PINHEIRO, Maria Margarida. Concepções de infância e de educação infantil que permeiam a prática docente. 2008. 124 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2008.
Resumo: This investigation proposes to analyze the teaching practice in the Child Education, considering the childhood and the Child Education conceptions declared by the teachers. It was opted as methodological approach the qualitative conception of research, marking a critical perspective of the subjects, and their relations in the educational processes. It was privileged as instruments of construction of the data, the observation of the practices of the teachers developed in the ordinary day, the semistructured interviews, and the documental analysis to complement information, through the developing report of the students, done by the teachers in the end of the teaching year. This way, from the understanding of the childhood in a social perspective, and historically constructed, considering the concrete children insertion in the social reality and the child as a whole subject and by rights, it was developed the interpretative analysis of the data. The investigated reality showed that the childhood conceptions linked to the comprehension of child and child development, declared by the teachers, subjects of the research, have been associated, in some aspects, to the present thought of thinking and acting in relation to the small child, evidencing, consequently, several limitations of pedagogical order, and the demanding evidence of a bigger development of the teachers about the question.
metadata.dc.description.resumo: Esta investigação propõe-se a analisar a prática docente na Educação Infantil, considerando-se as concepções de infância e de educação infantil declaradas pelas professoras. Optou-se como abordagem metodológica a concepção de pesquisa do tipo qualitativa, demarcando-se uma postura crítica sobre os sujeitos e suas relações nos processos educativos. Privilegiou-se como instrumentos de construção dos dados, a observação das práticas das professoras desenvolvidas no cotidiano, as entrevistas semi-estruturadas e a análise documental para complementar informações, através do relatório de desenvolvimento dos(a) alunos(a), feitos pelas professoras no final do ano letivo. Nesse sentido, partindo-se do entendimento de infância numa perspectiva social e historicamente construída, considerando-se a inserção concreta das crianças na realidade social e vendo a criança como sujeito integral e de direitos, desenvolveu-se a análise interpretativa dos dados. A realidade investigada apontou que as concepções de infância aliadas à compreensão sobre criança e desenvolvimento infantil, declaradas pelas professoras, sujeitos da pesquisa, têm se associado, em alguns aspectos, ao pensamento atual de pensar e agir em relação à criança pequena, evidenciando-se, por conseguinte, várias limitações de ordem pedagógica, e a evidência de demandas de um maior aprofundamento das professoras acerca da questão
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14280
Aparece nas coleções:PPGED - Mestrado em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MariaMP.pdf618,98 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.