Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14352
Título: Uma prática educativa ambiental na construção de agenda 21 local.
Autor(es): Santos, Ana Ferreira dos
Palavras-chave: Educação ambiental;Sujeitos coletivos;Participação;Diálogo.;Environmental education;Collective subject;Participation;Dialogue.
Data do documento: 15-Mar-2010
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: SANTOS, Ana Ferreira dos. Uma prática educativa ambiental na construção de agenda 21 local.. 2010. 193 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010.
Resumo: This proposal is to search, investigate practical experience in environmental education for the construction of Local Agenda 21, in the municipality of Maxaranguape-RN, attended that brought together various subject and collective social actors of civil society organizations, among them, the Center for Education and Advice Herbert de Souza - CEAHS (NGOs who serves on the council since 1999), associations of farmers and farmers in areas of settlements, teachers / as, groups of women and young people, entrepreneurs, public power, the German partner entities IBAMA. INCRA, BNB in the project of Agenda 21. They are members and participants, constituents of the Permanent Forum of Agenda 21, the main actor privileged in the search. As an object of study to identify the limits and scope of this practice, with regard to aspects of awareness / participation and awaken to an awareness of critical social subjects in the collective social and environmental perspective. The study seeks to investigate if this experience has allowed the individual and collective social subjects, understand and act in their daily life, as the changes in attitudes postures, and expand their interests to participate in various public spaces this intention, is considered the educational activities made with the principles of environmental education in the construction of Agenda 21 that have contributed in raising awareness / participation of social actors of the Permanent Forum of Agenda 21. While reference methodology, the research focuses on theoretical design Freireana with relevance on the dimensions of dialogue, critical thinking and the human dimension comprising the act as educational practice of freedom, the prospect of human emancipation and social transformation of reality, and bring other thinkers as, Carvalho (2004), Trigueiro (2003), Days (2004), among others. The investigation of this practice points to the subject of education, which ECOCIENCIA to install the Agenda 21 and its effect on demand under municipal, German, providing a change of attitudes and postures and certainly, generating a new look and act in the world, broadening their interests and desires of inserting themselves, to participate in public spheres, particularly in establishing relations with dialogical criticality with the authorities and face the demands socio-environmental locations.
metadata.dc.description.resumo: Esta pesquisa tem como proposta investigar a prática educativa ambiental na experiência de construção de AGENDA 21 Local, no município de Maxaranguape-RN, que reuniu diversos sujeitos coletivos e atores sociais da sociedade civil organizada, dentre os quais, o Centro de Educação e Assessoria Herbert de Souza CEAHS (ONG) que atua no município desde 1999, associações de agricultores e agricultoras de áreas de assentamentos, professores/as, grupos de mulheres e jovens, empresários, poder público, além de entidades parceiras IBAMA, INCRA e BNB no projeto da Agenda 21. Os mesmos são membros e participantes, constituintes do Fórum Permanente da Agenda 21, principal ator privilegiado na pesquisa. Como objeto de estudo, buscou-se identificar os limites e alcances dessa prática no tocante aos aspectos da sensibilização/participação e o despertar para uma consciência crítica dos sujeitos sociais coletivos na perspectiva sócio-ambiental. Procurou-se investigar se essa experiência possibilitou aos sujeitos sociais individuais e coletivos compreenderem e agirem em seu cotidiano quanto a mudanças de posturas, atitudes, bem como ampliar seus interesses de participação nos diversos espaços públicos. Nesta intenção, consideraram-se as atividades educativas introduzidas com os princípios de educação ambiental na construção da Agenda 21, que contribuíram na sensibilização/participação dos atores sociais do Fórum Permanente da Agenda 21. Enquanto referencial metodológico, a pesquisa privilegia a concepção teórica Freireana com relevância nas dimensões do diálogo, do pensamento crítico e da dimensão humana, compreendendo o ato educativo como prática da liberdade na perspectiva da emancipação humana e transformação da realidade social, além de trazer outros pensadores como, Carvalho (2004), Trigueiro (2003), Dias (2004) dentre outros. A investigação dessa prática aponta para a formação educativa dos sujeitos que se capacitaram para instalar a Agenda 21 e exigir sua efetivação emâmbito municipal. Ademais propiciar mudanças de posturas e atitudes e, certamente, um novo olhar e agir no mundo, deste modo, ampliando seus interesses e desejos, em relação a inserir-se e participar nas esferas públicas, especialmente, no estabelecimento relações dialógicas criticas junto ao poder público e, também, frente às demandas socio-ambientais locais.
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14352
Aparece nas coleções:PPGED - Mestrado em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AnaFS.pdf3,98 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.