Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14386
Título: Simetria na dança: vestígios matemáticos na prática da dança esportiva em cadeira de rodas
Autor(es): Cruz, Anete Otília Cardoso de Santana
Palavras-chave: Dança esportiva em cadeira de rodas;educação matemática;isometrias;espaçonumerática;etnomatemática;sociologia da matemática;Wheelchair dancesport;mathematical education;symmetry;espaçonumerática;etnomathematical;sociology of the mathematics
Data do documento: 16-Out-2009
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: CRUZ, Anete Otília Cardoso de Santana. Simetria na dança: vestígios matemáticos na prática da dança esportiva em cadeira de rodas. 2009. 208 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2009.
Resumo: To investigate in practice of the Wheelchair Dancesport (WDS), the mathematics of the characteristic isometric movements of the dance of ChaChaCha was the generating subject of this study. The subjects and the locus of the research were the athletes dancers of the Associação Baiana de Dança em Cadeira de Rodas (ABDCR). Referred him study aimed at to describe reflections concerning the athletes' practicing dancers of the technical acting Wheelchair Dancesport, using the inherent mathematical knowledge to the isometric movements executed in the ChaChaCha. For that, I stimulated in the athlete dancer the need to be investigating of his/her own practice, motivating him/it to be searching of information that they collaborate with his/her technical refinement, proposing like this roads to make possible his/her growth, while dancer and, also, promoting of their own movements. To reach my objectives I dialogued with some specialists to understand, to the light of their theories as, Espaçonumerática, Sociology of the mathematics, Etnomathematical, Dance and Symmetry, as those spaces they interact with the atmosphere of the Wheelchair Dancesport and that contributions could supply to the study. However, two authors of the Dancesport for walking , Ried e Laird, they brought contributions that aided in the creation of a prototype for the study of isometric movements in practice of the modality promoting the interface between the theory and the practice. The study showed to be possible to navigate still with the Mathematical Education in an universe little known as the one of the Wheelchair Dancesport. And it is in this adapts that propose a more attentive glance to the illustrations executed by the athlete dancer wheelchair and walking , in the dance of the ChaChaCha, verifying and proposing an analysis with focus investigate, looking for mathematical tracks concerning the symmetry that you/they characterize some of their illustrations
metadata.dc.description.resumo: Investigar na prática da Dança Esportiva em Cadeira de Rodas (DECR), a matemática dos movimentos isométricos característicos da dança do ChaChaCha foi a questão geradora deste estudo. Os sujeitos e o lócus da pesquisa foram os atletas dançarinos da Associação Baiana de Dança em Cadeira de Rodas (ABDCR). O referido estudo objetivou descrever reflexões acerca do desempenho técnico dos atletas dançarinos praticantes da DECR, utilizando o conhecimento matemático inerente aos movimentos isométricos executados no ChaChaCha. Para isso, estimulei no atleta dançarino a necessidade de ser investigador da sua própria prática, motivando-o a ser pesquisador de informações que colaborem com seu aprimoramento técnico, propondo assim caminhos que possibilitem seu crescimento como dançarino, e também fomentador dos seus próprios movimentos. Para alcançar meus objetivos, dialoguei com alguns estudiosos para compreender, à luz de suas teorias, como Espaçonumerática, Sociologia da matemática, Etnomatemática, Dança e Isometrias, como esses espaços interagem com o ambiente da Dança Esportiva em Cadeira de Rodas e que contribuições poderiam fornecer ao estudo. Entretanto, dois autores da Dança Esportiva para andantes, Ried e Laird, trouxeram aportes que auxiliaram na criação de um protótipo para o estudo de movimentos isométricos na prática da modalidade, promovendo a interface entre a teoria e a prática. O estudo mostrou ser possível navegar com a Educação Matemática num universo ainda pouco conhecido como o da DECR. E é nesse ambiente que proponho um olhar mais atento às figuras executadas pelo atleta dançarino, cadeirante e andante, na dança do ChaChaCha, verificando e propondo uma análise com foco investigativo, buscando vestígios matemáticos acerca das isometrias que caracterizam algumas de suas figuras
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14386
Aparece nas coleções:PPGED - Mestrado em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AneteOCSC_DISSERT.pdf3,24 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.