Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14641
Título: A migração do cuidado em saúde: do hospital para o domicílio
Autor(es): Saldanha, Maria de Fátima Medeiros
Palavras-chave: Enfermagem;Equipe interdisciplinar de saúde;Serviços de assistência domiciliar;Nursing;Interdisciplinary healthcare team;Domiciliary assistance services
Data do documento: 18-Abr-2008
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: SALDANHA, Maria de Fátima Medeiros. A migração do cuidado em saúde: do hospital para o domicílio. 2008. 77 f. Dissertação (Mestrado em Assistência à Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2008.
Resumo: This study is an analysis of opportunities and challenges of health assistance migration from hospitals to home care from the approach of the Domiciliary Internment Program (PID) in Natal / RN. The research aims to identify the ways that the multidisciplinary team act and know the stories of these professionals about the situation experienced in the transition between the instituting and instituted on home care modalities. PID has as a prior focus the elderly person in stable medical conditions, not to replace the hospital care, but to offer a therapeutic support turned to the exercise of their autonomy and coexistence with the situation of diseases. The home in their internal coexistence rules preserves own customs. As the hospital care migrates to the home care, it happens in the confrontation and rationality negotiation and becomes something new, that is going to be directed by an instituting dimension. In the view of New History, that suggests an interdisciplinary approach and interprets the problems on its time and from the technique of thematic oral history, it can be seen that working in interdisciplinary team is able to incorporate new values in the way of healthcare assistance, it longs for maintaining the maximum functional capacity of patients, it presents results as the prevention of diseases, costs reduction in connection with the Hospital Service, empowers and expands the possibilities for the patient recovery by aligning with the daily life and the opportunity of the patient being assisted by a multiprofessional team, interacting on the concrete reality. Therefore, PID is in line with the contemporary demands and as an instrument to be considered in the review of a wider concept of the health-disease process
metadata.dc.description.resumo: O presente estudo trata de uma análise sobre as possibilidades e desafios da migração do cuidado em saúde do hospital para o domicílio a partir da abordagem sobre o Programa de Internação Domiciliar-PID em Natal/RN. Busca identificar as formas de atuação da equipe multiprofissional e conhecer as histórias dos profissionais da equipe sobre a trajetória vivenciada na transição entre o instituído e o instituinte nas formas de cuidado domiciliar. O PID tem como foco prioritário a pessoa idosa em condições clínicas estáveis, não para substituir a atenção hospitalar, mas oferecer um suporte terapêutico voltado para o exercício de sua autonomia e convivência com a situação da doença presente. O domicílio em suas normas internas de convivência preserva costumes próprios. Na medida em que o cuidado hospitalar migra para o domicílio, ele se dá no confronto e na negociação das racionalidades e passa a ser algo novo, ou seja, passa a orientar-se por uma dimensão instituinte. Sob a ótica da História Nova que propõe uma abordagem interdisciplinar e interpreta os problemas à luz do seu tempo e a técnica da história oral temática pode-se constatar que o trabalho em equipe interdisciplinar é capaz de incorporar novos valores ao modo de cuidar em saúde, prima pela manutenção da capacidade funcional máxima do doente, apresenta resultados como a prevenção de agravos, redução de custos em relação ao Serviço Hospitalar, amplia e potencializa as possibilidades de recuperação do doente, pela aproximação com a vida cotidiana e pela oportunidade do doente ser cuidado por uma equipe mulprofisssional interagindo sobre a realidade concreta. Portanto, o PID está em sintonia com as demandas contemporâneas e se apresenta como um instrumento a ser considerado na revisão de um conceito mais abrangente do processo saúde-doença
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14641
Aparece nas coleções:PPGE - Mestrado em Enfermagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MariadeFatimaMS.pdf263,35 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.