Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14794
Título: Validação de instrumentos para avaliação do conhecimento e da habilidade acerca da sondagem vesical de demora
Título(s) alternativo(s): Validation of instruments to evaluate the knowledge and ability about the urinary catheterization
Autor(es): Balduino, Lívia Sêmele Câmara
Palavras-chave: Enfermagem. Cateterismo urinário. Estudos de validação. Conhecimento. Questionários;Nursing. Urinary catheterization. Validation studies. Knowledge. Questionnaires
Data do documento: 21-Fev-2013
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: BALDUINO, Lívia Sêmele Câmara. Validation of instruments to evaluate the knowledge and ability about the urinary catheterization. 2013. 112 f. Dissertação (Mestrado em Assistência à Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013.
Resumo: That study had the aim to validate an instrument to evaluate the knowledge about the Urinary Catheterization (UC) in males. Cross-sectional, descriptive, quantitative and methodological study, accomplished in Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) and a private university from Rio Grande do Norte. Sample of 27 judges selected from the inclusion criteria: registered nurses, discipline of semiology and/or semiotics teachers, with at least 1 year of experience in the disciplines, to work at UFRN, UERN or in private university and agree to participate voluntarily with the signing of the Consent Form. Study developed in three stages: a) elaboration of twos instruments based on the scientific literature, resulting in a structured observation script type checklist consisting of 36 items and a knowledge questionnaire with 12 questions; b) submission of instruments to judges from June to September 2012, which should evaluate each item in "adequate," "adequate with changes" and "inappropriate", and make an overall evaluation of each instrument based on 10 requirements; c) and validation with a verification of the agreement level among the judges, through the application of Kappa Index (K) and Content Validity Index (CVI). It was used the consensus level higher than 0.60 (good) for Kappa Index and higher than 0.70 for CVI. The research project had favorable opinion from the Ethics in Research/HUOL (CAAE n. 0002.0.294.000-10). After being coded and tabulated, the data were analyzed using descriptive statistics. Of the 27 judges who evaluated the instrument, 77.8% are female, with a mean age of 36.6 (± 9.0) years, 63.0% worked in UFRN, 74.1% had master degree and 63.0% worked exclusively on teaching. The experience time mean in teaching was 7.9 (± 8.0) years and in the disciplines of semiology and/or semiotics in nursing was 5.5 (± 6.7) years. In judgment of the checklist and knowledge questionnaire, no step/question was considered inappropriate, since all achieved level of agreement within the established values. All the checklist steps obtained good to excellent K (between 0.60 and 1.00). Of the 36 items, 25 had excellent K (0.75 &#8804; K <1.00) and excellent total K (K = 0.83). Regarding the IVC, all steps reached levels above 0.70 (between 0.74 and 1.00) and CVI total was 0.90. All questionnaire questions evaluated separately (K from 0.60 to 0.93 and CVI from 0.74 to 0.96) and generally (K from 0.79 to 1.00 and CVI from 0.89 to 1.00) had evaluation levels of content validity within the established values. The instruments were reformulated based on the agreement levels between judges and international guidelines, dissertations and scientific articles. Both instruments proved to be valid regarding to their content, allowing a clear and objective evaluation of knowledge and skills about UC, both nursing students as well as other students and health professionals, since the use of valid measures seeking the reduction of the risk of the results distorted
metadata.dc.description.resumo: Este estudo teve como objetivo validar instrumentos para avaliação da habilidade e do conhecimento acerca da sondagem vesical de demora (SVD). Estudo transversal, descritivo, quantitativo e metodológico realizado na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) e em uma universidade privada do Rio Grande do Norte. Amostra composta por 27 juízes selecionados a partir dos critérios de inclusão: enfermeiros, docentes da disciplina de Semiologia e/ou Semiotécnica, com mínimo de um ano de experiência nas disciplinas, ser da UFRN, UERN ou da universidade privada do estado e aceitar participar voluntariamente assinando o Termo de Consentimento Livre Esclarecido. A pesquisa foi desenvolvida em três etapas: a) construção de dois instrumentos com base na literatura científica, resultando em um roteiro de observação estruturado tipo checklist composto por 36 itens e um questionário do conhecimento com 12 questões; b) submissão dos instrumentos aos juízes, no período de junho a setembro de 2012, os quais deveriam avaliar cada item em adequado , adequado com alterações e inadequado , além de fazer uma avaliação geral de cada instrumento baseada em 10 requisitos; c) e validação com a verificação do nível de concordância entre os juízes, através da aplicação do Índice Kappa (K) e do Índice de Validade de conteúdo (IVC). Utilizou-se o nível de consenso maior que 0,60 (bom) para o índice Kappa e maior que 0,70 para o IVC. O projeto de pesquisa obteve parecer favorável do Comitê de Ética em Pesquisa/HUOL (CAAE nº 0002.0.294.000-10). Após serem codificados e tabulados, os dados foram analisados por meio de estatística descritiva. Dos 27 juízes que avaliaram o instrumento, 77,8% eram do sexo feminino, com média de idade de 36,6 (± 9,0) anos, 63,0% atuavam na UFRN, 74,1% possuíam mestrado acadêmico e 63,0% atuavam exclusivamente na docência. A média de tempo de experiência na docência foi de 7,9 (± 8,0) anos e nas disciplinas de semiologia e/ou semiotécnica da enfermagem foi de 5,5 (± 6,7) anos. No julgamento do checklist e questionário do conhecimento, nenhuma etapa/questão foi considerada inadequada, uma vez que todas obtiveram nível de concordância dentro dos índices estabelecidos. Todas as etapas do checklist obtiveram K de bom a excelente (entre 0,60 e 1,00). Dos 36 itens, 25 tiveram K excelente (0,75 &#8804; K < 1,00) e K total excelente (K = 0,83). Em relação ao IVC, todas as etapas atingiram níveis acima de 0,70 (entre 0,74 e 1,00) e o IVC total foi de 0,90. Todas as questões do questionário avaliadas separadamente (K de 0,60 a 0,93 e IVC de 0,74 a 0,96) e de forma geral (K de 0,79 a 1,00 e IVC de 0,89 a 1,00) obtiveram níveis de avaliação da validade de conteúdo dentro dos valores estabelecidos. Os instrumentos foram reformulados baseando-se nos níveis de concordância entre os juízes e em diretrizes internacionais, dissertações e artigos científicos. Os dois instrumentos mostraram-se válidos quanto ao seu conteúdo, permitindo avaliação objetiva e clara dos conhecimentos e habilidades acerca SVD, seja dos graduandos de enfermagem como também de outros estudantes e profissionais da saúde, uma vez que a utilização de medidas válidas busca a redução do risco de distorção dos resultados
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14794
Aparece nas coleções:PPGE - Mestrado em Enfermagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LiviaSCB_DISSERT.pdf1,73 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.