Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/15752
Título: Reaproveitamento e caracterização dos resíduos orgânicos provenientes do Programa MESA DA SOLIDARIEDADE da CEASA/RN
Autor(es): Medeiros, Priscila Vanini Dantas de
Palavras-chave: Resíduos orgânicos;Reaproveitamento;Sais minerais;Produto desidratado e complementação alimentar;Solid Residues;Reuse;minerals;Dry food
Data do documento: 14-Dez-2005
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: MEDEIROS, Priscila Vanini Dantas de. Reaproveitamento e caracterização dos resíduos orgânicos provenientes do Programa MESA DA SOLIDARIEDADE da CEASA/RN. 2005. 109 f. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento de Tecnologias Regionais) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2005.
Resumo: As an auxiliary tool to combat hunger by decreasing the waste of food and contributing for improvement of life quality on the population, CEASA/RN has released from August/03 to August/05 the program MESA DA SOLIDARIEDADE. Despite of the positive results of this program, that has already distributed around 226 tons of food, there is still food being thrown in the trash as the deliver of the same food in its natural form would be a health risk to those who would consume it and only the correct processing of this food can make it edible. This work has as a goal the reuse of solid residues of vegetal origin generated by the CEASA/RN, through the Program MESA DA SOLIDARIEDADE and the characterization of the product obtained so it might be used as a mineral complement in the human diet. To the collecting of samples (from September until December /2004) it was developed a methodology having as a reference the daily needs of mineral salts for infants at the age of seven to ten. The sample was packed in plastic bags and transported in an ambient temperature to the laboratory where it was selected, weighted, disinfected, fractionated and dried to 70ºC in greenhouse. The dry sample was shredded and stored in bottles previously sterilized. The sample in nature was weighted in the same proportion of the dry sample and it was obtained a uniform mass in a domestic processor. The physical-chemical analyses were carried out in triplicate in the samples in nature and in the dry product, being analyzed: pH, humidity, acidity and soluble solids according to IAL (1985), mineral salts contents (Ca, K, Na, Mg, P and Fe) determined by spectrophotometry of Atomic Absorption, caloric power through a calorimetric bomb and presence of fecal traces and E. coli through the colilert method (APHA, 1995). During this period the dry food a base of vegetables presented on average 5,06% of humidity, 4,62 of pH, acidity of 2,73 mg of citric acid /100g of sample, 51,45ºBrix of soluble solids, 2.323,50mg of K/100g, 299,06mg of Ca/100g, 293mg of Na/100g, 154,66mg of Mg/100g, 269,62mg of P/100g, 6,38mg of Fe/100g, caloric power of 3,691Kcal/g (15,502KJ/g) and is free of contamination by fecal traces and E..coli. The dry food developed in this research presented satisfactory characteristics regarding to its conservation, possessing low calories, constituting itself a good source of potassium, magnesium, sodium and iron that can be utilized as a food complement of these minerals
metadata.dc.description.resumo: No intuito de auxiliar no combate à fome, diminuindo o desperdício de alimentos e contribuindo para melhoria da qualidade de vida da população, a CEASA/RN lançou há dois anos (agosto/03) o programa MESA DA SOLIDARIEDADE. Apesar dos resultados positivos deste programa, que já distribuiu em média 226 toneladas de alimentos, ainda existe o descarte de alimentos no lixo, pois entregá-los na sua forma natural seria um risco à saúde de quem os consumisse, e apenas o processamento correto dos mesmos poderia viabilizar o seu consumo. Neste sentido, esse trabalho tem por objetivo apresentar alternativas de reaproveitamento dos resíduos sólidos de origem vegetal gerados pela CEASA/RN, por meio do Programa MESA DA SOLIDARIEDADE associado à caracterização do produto obtido para que o mesmo sirva como complementação mineral na alimentação humana. Para a coleta das amostras (setembro a dezembro de 2004), desenvolveu-se uma metodologia tendo como referência a necessidade diária de sais minerais para crianças de sete a dez anos. A amostra, acondicionada em sacos plásticos e transportada, a temperatura ambiente, para o laboratório, foi selecionada, pesada, higienizada, fracionada e submetidas à secagem à 70ºC em estufa. A amostra seca foi triturada e armazenada em vidros previamente esterilizados. A amostra in natura foi pesada, na mesma proporção da amostra inicial e foi triturada em um processador doméstico, obtendo-se uma massa uniforme. As análises físico-químicas foram realizadas, em triplicata, nas amostras in natura e no produto desidratado a base de vegetais, sendo analisados os seguintes parâmetros: pH, umidade, acidez e sólidos solúveis, conforme IAL (1985), teores de sais minerais (Ca, K, Na, Mg, P e Fe) determinados por espectrofotometria de Absorção Atômica, poder calorífico através de uma bomba calorimétrica e presença de coliformes fecais e E.coli através do método colilert conforme (APHA, 1995). No período estudado, o produto desidratado a base de vegetais apresentou, em média, 5,06% de umidade, 4,62 de pH, acidez de 2,73 mg de ácido cítrico/100g de amostra, 51,45ºBrix de sólidos solúveis. Cada 100g do produto desidratado apresentou 2.323,50 mg de K, 299,06 mg de Ca, 293,00mg de Na, 154,66 mg de Mg, 269,62 mg de P e 6,38mg de Fe. O produto desidratado a base de vegetais possui poder calorífico de 3,691Kcal/g (15,502KJ/g) e está livre da contaminação por coliformes fecais e E.coli. O produto farináceo desenvolvido nesta pesquisa apresentou características satisfatórias quanto à sua conservação, possuindo baixas calorias, constituindo-se de uma boa fonte de potássio, magnésio, sódio e ferro, podendo ser utilizado como complemento alimentar desses sais minerais
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/15752
Aparece nas coleções:PPGEQ - Mestrado em Engenharia Química

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PriscilaVDM.pdf566,91 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.