Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/15886
Título: Flotação por ar dissolvido na clarificação de águas com baixa turbidez utilizando sulfato de alumínio e sementes de Moringa oleifera como coagulantes
Título(s) alternativo(s): Dissolved air Flotation , for clarifying water with low turbidity using aluminum sulphate and Moringa oleifera seeds as coagulants
Autor(es): Lêdo, Patrícia Guilhermina da Silva
Palavras-chave: Clarificação de água;Flotação por ar dissolvido;Redução de turbidez;Moringa oleifera;Sulfato de alumínio;Clarification of water;Dissolved air Flotation;Turbidity Reduction;Moringa oleifera;Aluminum Sulphate
Data do documento: 22-Dez-2008
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: LÊDO, Patrícia Guilhermina da Silva. Dissolved air Flotation , for clarifying water with low turbidity using aluminum sulphate and Moringa oleifera seeds as coagulants. 2008. 123 f. Tese (Doutorado em Pesquisa e Desenvolvimento de Tecnologias Regionais) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2008.
Resumo: This work aims to investigate the process of Dissolved air Flotation (DAF) for clarifying water samples with low turbidity using aluminum sulphate and Moringa oleifera seeds as coagulants. The experimental procedure was carried out in a bench scale flotation unit. The influences on the pre-treatment conditions (coagulant dosage and flocculation time) and flotation parameters (superficial application rate and recirculation rate) were evaluated considering the efficiency of the process. The efficiency was evaluated by determining the turbidity of the untreated and treated water samples. The results obtained showed that turbidity reduction can be obtained very efficiently by using DAF and the latter coagulant in low turbidity water. Using aluminum sulphate in pH´s 5.0 and 6.0 better efficiencies were obtained with low concentrations (15 mg/L), achieving values of 92% of turbidity reduction. In the case of use of Moringa oleifera better efficiencies of reduction of turbidity were reported when using a concentration of 50 mg/L in all range of pH´s, achieving 86% of reduction. The zeta potential was also determined, in an attempt to aid comprehension of the coagulation mechanisms involved. The coagulation mechanisms with Moringa oleifera seeds were shown to be adsorption and charge neutralization, as well as adsorption and bridging. Concerning aluminum sulphate, the predominant mechanisms are adsorption and charge neutralization and enmeshment in a precipitate. The results indicate that for low turbidity water, Moringa oleifera seeds could potentially be a viable substitute for aluminum sulphate
metadata.dc.description.resumo: O presente trabalho tem como objetivo investigar o processo da flotação por ar dissolvido sob pressão - FAD para clarificação de águas com baixa turbidez utilizando sulfato de alumínio e sementes de Moringa oleifera como coagulantes. O procedimento experimental foi realizado em uma unidade de flotação em escala de bancada. Foram avaliadas as influências das condições do pré-tratamento (dosagem de coagulante e tempo de floculação) e parâmetros de processo da flotação (taxa de aplicação superficial e taxa de recirculação) na eficiência do processo. A eficiência foi avaliada pela determinação de turbidez nas amostras de água bruta e tratada. Os resultados obtidos mostraram que elevadas eficiências de redução da turbidez podem ser conseguidas com o uso da FAD em águas com baixa turbidez utilizando estes coagulantes. Para o sulfato de alumínio, nos pHs 5,0 e 6,0 as melhores eficiências foram alcançadas com baixas dosagens (15 mg/L), alcançando valores de até 92% de redução. Para a Moringa oleifera, as melhores eficiências de redução de turbidez foram à dosagem aproximada de 50 mg/L para todos os pHs, alcançando valores de 86% de redução. Determinou-se também o potencial zeta, com o objetivo de auxiliar na compreensão dos mecanismos envolvidos na coagulação. Os mecanismos de coagulação com sementes de Moringa oleifera indicam ser adsorção e neutralização de cargas e adsorção e formação de pontes. No que diz respeito ao sulfato de alumínio os mecanismos predominantes são adsorção e neutralização de cargas e varredura. Os resultados indicam que para águas de baixa turbidez, as sementes de Moringa oleifera podem ser um substituto potencialmente viável em relação ao sulfato de alumínio
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/15886
Aparece nas coleções:PPGEQ - Doutorado em Engenharia Química

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PatriciaGSL.pdf4,22 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.