Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/16255
Título: Práticas de leitura e escrita na formação em ciências e tecnologia
Autor(es): Monte, Taynã Cavalcanti de Paiva
Palavras-chave: Práticas de leitura e escrita. Língua materna. Ciências e tecnologia;Reading and writing practices. Mother tongue. Sciences and technology
Data do documento: 30-Jan-2013
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: MONTE, Taynã Cavalcanti de Paiva. Práticas de leitura e escrita na formação em ciências e tecnologia. 2013. 145 f. Dissertação (Mestrado em Linguística Aplicada; Literatura Comparada) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013.
Resumo: The discussion about the need of improving the reading and the writing practices of professionals from the most different knowledge areas has caused, in Brazilian and foreign institutions of higher education, a movement of insertion of curricula components whose focus is the reading and the writing in academic formation. To contributing with the reflection about that discussion, this master s degree dissertation has as object of study the situated linguistic formation. Our general objective is to analyze a linguistic formation proposal to graduating students from the Bachelor s degree in Science and Technology (BCT) of the Federal University of Rio Grande do Norte (UFRN). To constructing that analysis, we have established four specific objectives: a) verifying if the ten brazilian Institutions of Higher Education which offer the BCT have curricula components of reading and writing directed to that formation; b) describing how these Bachelor s degree reading and writing curricula components are presented; c) examining differences and similarities which, in general, exist among curricula components related to reading and writing in each one of the researched institutions; d) revealing which categories delineate the linguistic formation developed in the BCT of the UFRN. In order to reaching our goals, this work has been based on the dialogical conception of the language (BAKHTIN [1952-1953] 2010), on the literacy studies (KLEIMAN [1995] 2008; TINOCO, 2008) and on the critical pedagogy (FREIRE, 1980; 2007). Methodologically, this qualitative research of ethnographic direction (ANDRÉ, 1995) is grounded in Applied Linguistics (PEREIRA; ROCA, 2009; PASCHOAL; CELANI (Orgs.), 1992). This research has the contribution of professors, scholars and monitors of the field of Reading and Writing Practices (PLE) and also graduating students from the UFRN BCT which had already studied PLE-I and/or PLE-II. The tools used for data collection/generation were: curricula components programs related to reading and writing in the BCT in the researched higher education institutions (IES), questionnaires, semi-structured interviews and profiles. The generated data allowed us to establish the following analysis categories: situationality (real situation, thematic contemporaneity and thematic focalization) and literacy projects (learning community and protagonism). The results achieved show that most IES which offer BCT worry about improving the reading and writing competences of their graduating students; however, there is still a lot to be done (increase of the number of class hours, contents and methodological aspects review, theoretical referential sophistication) so that the curricula components can be configured as a situated and significant linguistic formation. Finally, we make some suggestions for improving the work which has been made in the BCT of the UFRN, making then the mother tongue teaching in courses of the area of exact and technological sciences stronger
metadata.dc.description.resumo: O debate em torno da necessidade de aprimoramento das práticas de leitura e escrita de profissionais das mais diferentes áreas do conhecimento vem ocasionando, em instituições brasileiras e estrangeiras de ensino superior, um movimento de inserção de componentes curriculares cujo foco é a leitura e a escrita na formação acadêmica. Para contribuir com a reflexão em torno desse debate, esta dissertação tem como objeto de estudo a formação linguística situada. O nosso objetivo geral é analisar uma proposta de formação linguística voltada para graduandos do Bacharelado em Ciências e Tecnologia (BCT) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Para construir essa análise, estabelecemos quatro objetivos específicos: a) verificar se as dez Instituições de Ensino Superior (IES) brasileiras que oferecem o BCT contam com componentes curriculares de leitura e escrita voltados para essa formação; b) descrever como se apresentam os componentes curriculares de leitura e escrita desses bacharelados; c) examinar diferenças e semelhanças que, no geral, existem entre os componentes curriculares voltados para a leitura e a escrita em cada uma das instituições pesquisadas; d) explicitar que categorias delineiam a formação linguística desenvolvida no BCT da UFRN. A fim de alcançarmos os nossos objetivos, fundamentamonos na concepção dialógica da linguagem (BAKHTIN [1952-1953] 2010), nos estudos de letramento (KLEIMAN [1995] 2008; TINOCO, 2008) e na pedagogia crítica (FREIRE, 1980; 2007). Metodologicamente, esta pesquisa qualitativa de vertente etnográfica (ANDRÉ, 1995) ancora-se na Linguística Aplicada (PEREIRA; ROCA, 2009; PASCHOAL; CELANI (Orgs.), 1992). Colaboram nesta pesquisa professores, bolsistas e monitores da área de Práticas de Leitura e Escrita (PLE) e também graduandos do BCT da UFRN que já cursaram PLE-I e/ou PLE-II. Os instrumentos utilizados para a coleta/geração de dados foram: programas dos componentes curriculares voltados para a leitura e a escrita nos BCT nas IES pesquisadas, questionários, entrevistas semi-estruturadas e perfis. Os dados gerados nos permitiram estabelecer as seguintes categorias de análise: situacionalidade (situação real, contemporaneidade temática e focalização temática) e projetos de letramento (comunidade de aprendizagem e protagonismo). Os resultados alcançados salientam que a maioria das IES que oferece o BCT já se preocupa em aprimorar as competências de leitura e escrita de seus graduandos; entretanto, ainda há muito a ser feito (ampliação de carga horária, revisão de conteúdos e de aspectos metodológicos, refinamento de referencial teórico) para que os componentes curriculares venham a se configurar como uma formação linguística situada e significativa. Por fim, tecemos algumas sugestões para o aprimoramento do trabalho que já vem se desenvolvendo no BCT da UFRN, fortalecendo assim o ensino de língua materna em cursos da área de ciências exatas e tecnológicas
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/16255
Aparece nas coleções:PPGEL - Mestrado em Estudos da Linguagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TaynaCPM_DISSERT.pdf7,62 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.