Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/16310
Título: As construções adverbiais em mente: análise funcionalista e implicações para o ensino de língua materna
Autor(es): Vidal, Rosângela Maria Bessa
Palavras-chave: Funcionalismo;Gramática de construção;Cognição;Protótipos;Advérbio;Ensino de língua portuguesa;Functionalism;Construction grammar;Cognition;Prototypes;Adverb;Portuguese language teaching
Data do documento: 19-Jun-2009
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: VIDAL, Rosângela Maria Bessa. As construções adverbiais em mente: análise funcionalista e implicações para o ensino de língua materna. 2009. 188 f. Tese (Doutorado em Linguística Aplicada; Literatura Comparada) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2009.
Resumo: This research aims at investigating the constructions with adverbials in ly, based on the view of contemporaneous linguistic functionalism, such as proposed by Givón, Hopper, Thompson, Traugott, Furtado da Cunha, as well as the cognitivist notion of language, through construction grammar support upon the patterns of Goldberg and the prototypes theory. The cognitive functional approach adopted here considers the change as a proper and inherent phenomenon of language and understands the linguistic phenomenon as resulting from effective use of language. Another aspect to be considered to the realization of this study is the fact that the formation adjective + ly is a word construction mechanism really productive, which generates interests on linguistic description. In a particular way, our leading objective is to exam the constructions with adverbials in ly in the context of language in use, in its oral and written forms, looking for to apprehend the meaning multiple manifestations forged in the use. Bearing this in mind, we worked with data from the Corpus Discurso & Gramática (Natal). There are, in the data, adverbs ended in ly that take the signification of mode, as foreseen in traditional models, but there are also other significations, for instance, the modalizador in its different manifestations. The results show that this adverb is a linguistic mark that carries in its constitution the multissêmico and multifunctional character, which interferes extremely in the ordination of this category, assuming a position sometimes pre-verbal, sometimes post-verbal. Other aspect observed refers to the relationship between the adverb and the verb, with emphasis on the compatibility or restriction between them, option which is related to the semantic aspect. The data in analysis legitimate the use in different constructions with adverb ended in ly in various genres, as follows: personal experience narrative, retold narrative, local description, proceeding account, opinion account, both in oral as in written language
metadata.dc.description.resumo: A presente pesquisa tem por objetivo investigar as construções com adverbiais em mente , sob o enfoque do funcionalismo lingüístico contemporâneo, tal como proposto por Givón, Hopper, Thompson, Traugott, Furtado da Cunha, bem como sob a noção cognitivista da linguagem através do suporte da gramática de construção nos moldes de Goldberg e a teoria dos protótipos. A abordagem cognitivo-funcional aqui adotada considera a mudança como fenômeno próprio e inerente às línguas, além de entender o fenômeno lingüístico como resultante do uso efetivo da língua. Outro aspecto a considerar para a realização desta pesquisa é o fato de a formação adjetivo + mente ser um mecanismo de constituição de palavras bastante produtivo, o que gera interesse na descrição lingüística. De forma particular, o objetivo norteador é examinar as construções com adverbiais em mente no contexto da língua em uso, na forma oral e escrita, buscando apreender as múltiplas manifestações de sentido forjadas no uso. Para este fim, lançamos mão de dados provenientes do Corpus Discurso & Gramática (Natal). Nos dados encontram-se advérbios terminados em mente que assumem a significação de modo, como previsto nos moldes tradicionais, mas também outras significações, como por exemplo o modalizador em suas diferentes manifestações. Os resultados alcançados demonstram que esse advérbio é uma marca lingüística que carrega em sua constituição o caráter multissêmico e o multifuncional, o que interfere sobremaneira na ordenação dessa categoria, assumindo posição ora pré-verbal, ora pós-verbal. Outro aspecto observado refere-se ao relacionamento do advérbio com o verbo, com destaque para a compatibilidade ou a restrição entre eles, opção que se vincula ao aspecto semântico. Os dados em análise legitimam o uso de diferentes construções com advérbio terminado em mente em diversos gêneros textuais, quais sejam a narrativa de experiência pessoal, narrativa recontada, descrição de local, relato de procedimento e relato de opinião, tanto na língua oral, quanto na escrita
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/16310
Aparece nas coleções:PPGEL - Doutorado em Estudos da Linguagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
RosangelaMBV.pdf699,38 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.