Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/16518
Título: Fundamentos da filosofia moral de Peter Singer
Título(s) alternativo(s): Peter Singer foundations of Moral Philosophy
Autor(es): Oliveira, Anselmo Carvalho de
Palavras-chave: Ponto de vista da ética. Universalizabilidade. Utilitarismo de preferências. Princípio de igual consideração de interesses (PICI). Peter Singer;Point of view of the ethics. Universalizability. Preference s utilitarianism. The principle of equal consideration of interests (PECI). Peter Singer
Data do documento: 11-Out-2013
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: OLIVEIRA, Anselmo Carvalho de. Peter Singer foundations of Moral Philosophy. 2013. 193 f. Dissertação (Mestrado em Metafísica) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013.
Resumo: This research aims to reconstruct and explain the argument proposed by Peter Singer to justify the principle of equal consideration of interests (PECI). The PECI is the basic normative principle according to people should consider the interests of all sentient beings affected when somebody taking a moral decision. It is the join that Singer proposes between universalizability and the principle of equal consideration of interests that constitutes a compelling reason to justify it. The universalizability requires to disregard the numerical differences, putting yourself in other people s shoes, and to consider preferences, interests, desires and ideals of those affected. Singer joins universalizability to normative principle and molds the form and content of his theory. The first chapter introduces the discussion will be developed in this essay. The second chapter deals the historical and philosophical viewpoint from which Singer starts his studies. The third chapter is about the Singer s critiques of naturalism, intuitionism, relativism, simple subjectivism and emotivism. The fourth chapter exposes the design of universal prescriptivism proposed by R. M. Hare. The universal prescriptivism indicates, in the Singer s viewpoint, a consistent way to create the join between the universalizability and PECI. It highlights also the criticism designed by J. L. Mackie and Singer himself to universal prescriptivism. The second part of this chapter shows briefly some of the main points of the classical conception of utilitarianism and its possible relationship with the theory of Singer. The fifth chapter introduces the Singer s thesis about the origin of ethics and the universalizability as a feature necessary to the point of view of ethic, and the way which this argument is developed to form the PECI. The sixth chapter exposes the main distinctions that characterize the PECI. Finally the seventh chapter provides a discussion about the reasons highlighted by Singer for one who wants orient his life according to the standpoint of ethics. This structure allows explaining the main ideas of the author concerning the theoretical foundations of his moral philosophy
metadata.dc.description.resumo: Esta investigação tem como objetivo reconstruir e explicitar o argumento proposto por Peter Singer para justificar o princípio de igual consideração de interesses (PICI). O PICI é o princípio normativo básico segundo o qual as pessoas devem considerar igualmente os interesses de todos os seres sencientes afetados ao tomarem uma decisão moral. É o vínculo que Singer estabelece entre a universalizabilidade e o princípio de igual consideração de interesses que se constitui em uma razão convincente para justificá-lo. A universalizabilidade consiste na exigência de desconsiderar as diferenças numéricas, de colocar-se no lugar do outro e de consideração igual pelas preferências, interesses, desejos e ideais dos afetados. Singer ao vincular a universalizabilidade e o princípio normativo estabelece a forma e o conteúdo da sua teoria. No primeiro capítulo, introduzimos a discussão que será desenvolvida nesta dissertação. No segundo capítulo, apresentamos o panorama histórico-filosófico no qual Singer inicia suas investigações. No terceiro capítulo, apresentamos a sua crítica ao naturalismo, intuicionismo, relativismo e subjetivismo simples e, por fim, ao emotivismo. No quarto capítulo, expomos a concepção do prescritivismo universal proposta por R. M. Hare. O prescritivismo universal indica, para Singer, uma forma consistente para estabelecer o vínculo entre a universalizabilidade e o PICI. Apontamos, também, as críticas feitas por J. L. Mackie e pelo próprio Singer ao prescritivismo universal. Na segunda parte do capítulo, apresentamos resumidamente alguns pontos centrais da concepção clássica do utilitarismo e uma possível relação com a teoria de Singer. No quinto capítulo, apresentamos a tese de Singer sobre a origem da ética e sobre a universalizabilidade como uma característica necessária do ponto de vista da ética, bem como o argumento que é desenvolvido para estabelecer o PICI. No sexto capítulo, expomos as principais distinções que caracterizam o PICI. Encerramos no sétimo capítulo com uma discussão sobre as razões apresentadas por Singer para que uma pessoa oriente a sua vida de acordo com o ponto de vista da ética. Essa estrutura permite-nos explicitar as principais ideias do autor naquilo que concerne aos fundamentos teóricos da sua filosofia moral
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/16518
Aparece nas coleções:PPGFIL - Mestrado em Filosofia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AnselmoCO_DISSERT.pdf1,43 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.