Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/16709
Título: Efeito do tempo de repouso após fadiga induzida no desempenho neuromuscular do quadríceps femoral: ensaio clínico, controlado, randomizado, cego
Autor(es): Locks Neto, Francisco
Palavras-chave: Eletromiografia;Fadiga muscular;Força muscular;Lactato;Propriocepção.;Electromyography;Lactate;Muscle fatigue;Muscle strength;Proprioception.
Data do documento: 7-Dez-2011
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: LOCKS NETO, Francisco. Efeito do tempo de repouso após fadiga induzida no desempenho neuromuscular do quadríceps femoral: ensaio clínico, controlado, randomizado, cego. 2011. 71 f. Dissertação (Mestrado em Movimento e Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2011.
Resumo: Objective: To evaluate the effect of different resting periods, after induced muscle fatigue, in the quadriceps femoris neuromuscular performance, in healthy subjects. Methods: Sixty-four volunteers, of both genders, with an average of 21,8 ± 1,7 years and mean body mass index of 24,2 ± 3,7 Kg/m2 were randomly assigned into 4 groups: control group (was not induced fatigue); Experimental Group 1 (Exp. 1 1 minute of rest after fatigue); Experimental Group 3 (Exp. 3 3 minutes of rest after fatigue) and Experimental Group 5 (Exp. 5 5 minutes of rest after fatigue). The subjects were evaluated to the knee´s joint position sense (JPS), followed by 5 flexion-extension knee concentric isokinetic contractions at 60°/s, with concomitant recording of median frequency (Fmed) of rectus femoris (RF), vastus lateralis (VL) and vastus medialis (VM). Then they underwent a muscle fatigue protocol (30 flexion-extension knee concentric contractions at 60°/s) and were reevaluated on the isokinetic performance, Fmed and JPS. Blood lactate levels were measured before initial assessment, immediately after the fatigue protocol and 5 minutes after the end of the rest period. Results: The adoption of 3 minutes of rest was sufficient to restore the initial conditions for the peak torque normalized by body weight and the VL and VM Fmed. The joint position sense returned to its initial values with 1 minute rest. The lactate concentration remained high regardless of the adopted rest period. Conclusion: The use of 3-minute rest period is sufficient for the reestablishment of the neuromuscular parameters to the pre fatigue values.
metadata.dc.description.resumo: Objetivo: Avaliar o efeito de diferentes tempos de repouso, após fadiga muscular induzida, no desempenho neuromuscular do quadríceps femoral, em indivíduos saudáveis. Métodos: Sessenta e quatro voluntários, de ambos os gêneros, com média de 21,8 ± 1,7 anos e índice de massa corpórea médio de 24,2 ± 3,7 Kg/m2 foram distribuídos aleatoriamente em 4 grupos: Grupo Controle (não foi induzida fadiga); Grupo Experimental 1 (Exp. 1 1 minuto de repouso após fadiga); Grupo Experimental 3 (Exp. 3 3 minutos de repouso após fadiga); e Grupo Experimental 5 (Exp. 5 5 minutos de repouso após fadiga). Os sujeitos realizaram uma avaliação que consistiu na determinação do senso de posição articular (SPA) do joelho, seguida de 5 contrações isocinéticas concêntricas de flexo-extensão do joelho a 60°/s, com concomitante registro da frequência mediana (Fmed) dos músculos reto femoral (RF), vasto lateral (VL) e vasto medial (VM). Em seguida, foram submetidos a um protocolo de fadiga muscular (30 contrações concêntricas de flexo-extensão do joelho a 60°/s) e reavaliados quanto ao desempenho isocinético, Fmed e SPA. Os níveis de lactato sanguíneo foram mensurados antes da avaliação inicial, imediatamente após o protocolo de fadiga e 5 minutos após o término do tempo de repouso. Resultados: A adoção de 3 minutos de repouso foi suficiente para restabelecimento das condições iniciais para o pico de torque normalizado pelo peso corporal e para a Fmed do VL e VM. O senso de posição articular atingiu seus valores iniciais com 1 minuto de repouso. A concentração de lactato permaneceu alta independente do repouso adotado. Conclusão: A adoção de 3 minutos de repouso é suficiente para o restabelecimento dos parâmetros neuromusculares para os valores pré fadiga.
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/16709
Aparece nas coleções:PPGFS - Mestrado em Fisioterapia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
FranciscoLN_DISSERT.pdf4,71 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.