Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/17162
Title: Expressão imuno-histoquímica da e-caderina e do CD44v6 em carcinoma epidermóide de lábio inferior e língua
Authors: Cruz, Maria Carmen Fontoura Nogueira da
Keywords: Carcinoma epidermóide oral;Caderinas;CD44v6;Imunohistoquímica;Oral squamous cell carcinoma;Cadherin;CD44v6;Immunohistochemistry
Issue Date: 29-Sep-2006
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: CRUZ, Maria Carmen Fontoura Nogueira da. Expressão imuno-histoquímica da e-caderina e do CD44v6 em carcinoma epidermóide de lábio inferior e língua. 2006. 87 f. Tese (Doutorado em Odontologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2006.
Portuguese Abstract: Este trabalho teve como objetivo verificar, através da técnica da estreptoavidina-biotina, a expressão imuno-histoquímica das proteínas E-caderina e CD44v6 em 15 espécimes de carcinoma epidermóide de lábio inferior e 15 de língua, com variada gradação histológica de malignidade, a fim de estabelecer uma possível relação entre a expressão das referidas proteínas e a localização anatômica da lesão, metástase, assim como com a gradação histológica de malignidade proposta por Bryne (1998). A análise estatística demonstrou que não houve associação significativa entre a localização da lesão e os escores de malignidade, entretanto, houve uma correlação significativa entre os parâmetros de gradação histológica de malignidade e o escore total de malignidade, sendo que o parâmetro grau de ceratinização apresentou a maior correlação (r = 0,844). Levando-se em consideração a localização anatômica das lesões, não houve diferença significativa entre o padrão de expressão e a quantidade de células imunopositivas para E-caderina e CD44v6. Em se tratando da variável metástase, também não houve diferença significativa entre o padrão de expressão e a quantidade de células imunopositivas para as proteínas avaliadas. Entretanto, ressalta-se que foi observada uma diferença estatisticamente significativa em relação aos escores de malignidade, sendo que o escore baixo apresentou os maiores valores para o padrão de expressão e a quantidade de células imunopositivas para a E-caderina e o CD44v6. Uma correlação estatisticamente significativa e negativa entre o padrão de expressão e a quantidade de células imunopositivas para a E-caderina e o CD44v6 e o escore total de malignidade foi observada. Portanto, com base nestes resultados, conclui-se que a expressão dos marcadores imuno-histoquímicos E-caderina e CD44v6 não constituiu fator indicativo de maior agressividade morfológica para os pacientes portadores de carcinomas epidermóides de lábio inferior e de língua
Abstract: The objective of this study was perform, by the streptoavidin-biotin technique, an immunohistochemical analysis of the E-cadherin and CD44v6 in 15 lower lip squamous cell carcinomas and 15 of tongue, with varied histologic gradation of malignidade, in order to establish a possible relation between the expression these proteins and the anatomical localization of the lesions, metastasis, as well as with the Bryne`s histolologic grading of malignancy system. It was not observed significant statistical association between the localization of the lesions and the malignancy score, however, had a significant correlation between the histologic parameters of malignancy gradation and the total score of malignancy, being that the parameter degree of keratinization presented the highest correlation (r = 0,844). Taking in consideration the anatomical localization of the lesions, it was not significant difference between the profile of expression and the amount of immunopositive cells for Ecaderina and CD44v6. To the metastasis variable, also it was not observed significant difference between the profile of expression and the amount of immunopositive cells for evaluated proteins. However, it was observed a statistical significant difference in relation to the scores of malignancy, being that the low score presented the highest values for the profile of expression and the amount of immunopositive cells for the E-caderina and the CD44v6. It was observed a statistically significant and negative correlation between the expression profile, the amount of E-cadherin and CD44v6 immunopositive cells and the total score of malignancy. Therefore, based in the results of this study, it was concluded that the expression of the immunohistochemical markers E-caderina and CD44v6 did not constitute histological indicator of aggressiveness for the patients with lower lip and tongue squamous cell carcinomas
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/17162
Appears in Collections:PPGPO- Doutorado em Patologia Oral

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MariaCFNC.pdf1,23 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.