Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/17230
Title: Percepção do mercado romântico e influência do contexto nas preferências românticas entre universitários
Authors: Castro, Felipe Nalon
Keywords: Psicologia evolucionista, relacionamento, escolha de parceiros, evolução, comparação intercultural;Evolutionary psychology, relationship, partner selection, evolution, cross-cultural
Issue Date: 29-May-2013
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: CASTRO, Felipe Nalon. Percepção do mercado romântico e influência do contexto nas preferências românticas entre universitários. 2013. 349 f. Tese (Doutorado em Estudos de Comportamento; Psicologia Fisiológica) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013.
Portuguese Abstract: Homens e mulheres expressam preferências diferentes para parceiros românticos ideais. Essas preferências parecem variar com o nível de envolvimento e investimento esperado para o relacionamento, e as percepções que as pessoas têm sobre elas mesmas. O atual trabalho foi desenvolvido para expandir os achados relacionados a este tema, investigando a percepção de mercado para relacionamentos românticos e o efeito do contexto na autopercepção e preferências por parceiros românticos. Para esse propósito, 753 estudantes universitários, brasileiros e americanos, foram arrolados entre os meses de março de 2010 a novembro de 2012 e participaram de pelo menos um dos quatro estudos que constituíram esta pesquisa, realizando a avaliação de descrições específicas de sujeitos-estímulo. Os estudos um e dois abordaram amostras brasileiras e americanas para respectivamente descrever as expectativas femininas e masculinas quanto ao mercado de relacionamentos românticos humano. Foi observado que indivíduos de ambos os sexos esperam que os casais possuam traços semelhantes, que cada traço não é avaliado de forma independente e, além das predisposições biológicas, fatores como as limitações do ambiente local e valores culturais também parecem afetar as expectativas românticas. Os contrastes entre as amostras mostrou que os americanos valorizaram a atratividade física e o status social ao descrever sujeitos do mesmo sexo e seus esperados parceiros, enquanto os brasileiros valorizaram habilidades sociais. Outra expectativa também foi identificada para ambos os sexos: espera-se que mulheres fisicamente atraentes e homens com alto status estejam pareados. O estudo três abordou as expectativas masculinas e femininas sobre quais características são as mais relevantes para garantir parceiros desejáveis para indivíduos do mesmo sexo. Os resultados mostraram que homens e mulheres podem ser agrupados juntos por possuir expectativas similares. Entretanto, o grupo composto por mais homens considerou as características de status como os atributos mais importantes, enquanto os grupos constituídos por mais mulheres indicaram que as habilidades sociais ou as características físicas como mais importantes para a atração de um parceiro desejável. Por fim, o estudo quatro investigou o efeito da comparação social na autopercepção e nas preferências românticas, revelando que os indivíduos estavam cientes dos atributos valorizados pelo sexo oposto e que a autopercepção foi afetada pelos atributos das outras pessoas. Em suma, este trabalho evidenciou que os relacionamentos românticos podem ser interpretados como um mercado biológico e que o valor dos atributos no mercado dos relacionamentos românticos está associado a relevância reprodutiva das características
Abstract: Men and women express different preferences for ideal romantic partners. These preferences seem to vary with the level of involvement and commitment expected for the relationship and the perceptions people have about themselves. The current work was developed to expand the findings related to this subject, investigating the market perception of romantic relationships and the effect of context on self-assessment and preferences for romantic partners. For this purpose, 753 undergraduate, Brazilian and American, were enrolled between March 2010 and November 2012 and took part in at least one of the four studies that compose this research, performing the assessment of specific stimulus-subject descriptions. Studies one and two addressed Brazilian and American samples to respectively describe female and male expectations on human mating market. It was observed that individuals from both the genders expect positive assortative mating within couples, that each trait is not evaluated independently, and, in addition to biological predispositions, factors as environmental local constrains and cultural values may also affect mating expectations. The contrasts between the samples showed that Americans valued physical-attractiveness and social-status in describing the same-gender subjects and their expected partners, while Brazilians valued social-skills. Another expectation was also identified for both genders: physically attractive women and men of high-status were expected to be paired to each other. Study three addressed males and females expectations regarding which characteristics are most relevant in ensuring desirable partnerships for same-gender individuals. The results showed that men and women can be grouped together by having similar expectations. However, the group mainly composed of men considered status characteristics as the most important attributes, while the groups mostly composed of women indicated that social skills or physical characteristics as the most important in appealing to a desirable partner. Finally, study four investigated the effect of social comparison on self-perception and mate preferences, revealing that individuals were aware of the attributes valued by the opposite-gender and that self-perception was affected by the attributes of other people. In sum, this work evidenced that romantic relationships can be interpreted as a biological market and that the value of the attributes in the romantic mating marketplace are associated with reproductive relevance of the characteristics.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/17230
Appears in Collections:PPGPSICO - Doutorado em Psicobiologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FelipeNC_TESE_PARCIAL.pdf2.57 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open
FelipeNC_TESE.pdf
Restricted Access
2.99 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.