Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/17240
Title: Boto cinza (Sotalia guianensis, Van Benédén, 1864) (Cetacea, Delphinidae): Atividade aérea, forrageio e interações inter-específicas, na Praia de Pipa (Tibau do Sul RN) e estudo comparativo entre duas populações do Nordeste do Brasil
Authors: Nascimento, Lídio França do
Keywords: Sotalia guianensis;Atividade aérea;Forrageio;Fregata magnificens;Sotalia guianensis;Aerial behavior;Forage;Fregata magnificens
Issue Date: 26-May-2006
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: NASCIMENTO, Lídio França do. Boto cinza (Sotalia guianensis, Van Benédén, 1864) (Cetacea, Delphinidae): Atividade aérea, forrageio e interações inter-específicas, na Praia de Pipa (Tibau do Sul RN) e estudo comparativo entre duas populações do Nordeste do Brasil. 2006. 125 f. Tese (Doutorado em Estudos de Comportamento; Psicologia Fisiológica) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2006.
Portuguese Abstract: Sotalia guianensis é um pequeno cetáceo da família dos Delphinidae, de hábitos costeiros, cuja a área de distribuição é de Florianópolis (27º35 S, 48º34 W), no Brasil, até Honduras (15º58 N, 85º42 W). Na praia de Pipa, litoral sul do RN, Brasil, a espécie ocorre ao longo do ano. O presente estudo foi realizado em duas enseadas, que são contornadas por falésias. Os animais foram monitorados de pontos fixos através dos métodos Ad libitum e todas as ocorrências , entre os anos de 1999 e 2004. O estudo foi dividido em 4 capítulos: padrões comportamentais de duas populações do boto cinza, (Sotalia guianensis, Van Benédén, 1864) no nordeste do Brasil; Atividade aérea do boto cinza: potencial função e influência de fatores ambientais e comportamentais; A influência das marés de sizígia e quadratura, da variação diária da maré, do período do dia e do tamanho de grupo no forrageio do boto cinza; Interações cleptoparasitárias do guarapirá (Fregata magnificens, Matheus, 1914) durante a atividade de forrageio do boto cinza. Os resultados mostraram que o boto cinza tem um repertório comportamental variado e complexo. Os saltos são os comportamentos mais freqüentes, a atividade aérea é difusa ao longo do período diurno e é influenciada por fatores, como o nível da maré e por fatores sociais. O boto cinza, dentro das enseadas, se alimenta com maior freqüência de forma solitária/isolada ou em pequenos grupos. O forrageio é difuso ao longo do período diurno, entretanto, ocorrendo com maior freqüência pela manhã, e é influenciado pela variação diária da maré e pelas marés de quadratura e sizígia. Na praia de Pipa, foram registradas interações cleptoparasitárias entre o boto cinza e o guarapirá (Fregata magnificens). A estratégia de forrageio do guarapirá consiste basicamente de duas formas: sobrevoar grandes extensões a procura de peixes mortos e roubar o alimento (cleptoparasitismo). Essas interações foram predominantemente realizadas entre aves imaturas e fêmeas adultas e botos adultos e imaturos, ocorrendo ao longo do período diurno. O presente estudo pode ser considerado um marco inicial para um melhor conhecimento a respeito dos aspectos do comportamento de superfície do boto cinza, principalmente no que se refere ao repertório comportamental aéreo e ao forrageio dessa espécie. Entretanto, se faz necessária a continuidade desses trabalhos, para que possamos entender de uma maneira mais ampla a complexa vida social desses animais e assim criar medidas efetivas para a sua conservação
Abstract: Sotalia guianensis is a small cetacean of the Delphinidae family, with coastal habits and whose area of distribution ranges from Florianópolis (27º35'S, 48º34'W), in Brazil, to Honduras (15º58'N, 85º42'W). At Pipa beach, on the south coast of RN state, in Brazil, the species occur throughout the year. The present study was carried out in two bays, which are bordered by cliffs. The animals were monitored from vantage points, using the "Ad libitum" and "all the occurrences" methods; during the years of 1999 and 2004. The study was divided in 4 chapters: Behavioral standards of two populations of gray dolphin, (Sotalia guianensis, Van Benédén, 1864) in the northeast of Brazil; Aerial activity of the gray dolphin: its possible function and the influence of environmental and behavioral factors; The influence of daily and monthly variation of the tides, of the period of the day and group size on the gray dolphin forage activity; kleptoparasitism interactions of frigatebird (Fregata magnificens, Mattheus, 1914) during the gray dolphin forage activity. The results have shown that the gray dolphin has a varied and complex behavioral repertoire. The leap is the most frequent behavior; the aerial activity is diffuse during daylight and is influenced by some factors, such as the level of the tide and social factors. The gray dolphin, when in the bay, most frequently feeds isolate or in small groups. The forage is diffuse during daylight; however, being more frequent in the morning and is influenced by the daily and monthly variation of the tide. At Pipa beach, kleptoparasitarian interactions were registered between the gray dolphin and the frigatebird (Fregata magnificens). The frigatebird forage strategy consists basically of two ways: to fly over great extensions searching for dead fish and to steal food (kleptoparasitism). These interactions were predominantly carried out between immature and female adult birds and adult and immature dolphins, and occurred during daylight. The present study can be considered an initial landmark to a better knowledge on the gray dolphin surface behavior, especially regarding the aerial behavioral repertoire and forage strategy of this species. However, it is necessary to continue these studies, so that we can understand better the complex social life of these animals and thus create effective measures for its conservation
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/17240
Appears in Collections:PPGPSICO - Doutorado em Psicobiologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LidioFN.pdf632,92 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.