Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/17398
Título: A apreciação musical infantil: aspectos da constituição da infância contemporânea no discurso de crianças do Ensino Fundamental
Autor(es): Macedo, Narjara Medeiros de
Palavras-chave: Ensino Fundamental;Psicologia do Desenvolvimento;Apreciação Musical;Infância;Indústria Cultural;Development Psycology;Musical Appreciation;Childhood;Cultural Industry
Data do documento: 21-Mar-2005
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: MACEDO, Narjara Medeiros de. A apreciação musical infantil: aspectos da constituição da infância contemporânea no discurso de crianças do Ensino Fundamental. 2005. 224 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia, Sociedade e Qualidade de Vida) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2005.
Resumo: Music can be found in peculiar historical and social context with distinct functions, such as religious rituals, ethic-esthetic education of subjects, therapeutic elements, critic and maintenance of established patterns, among others. Considered as language, music acts on dialogue dimensions of the body, the senses, the affectionate-cognitive and of social interactions. Their uses reveal the social forces that cross the culture and constitution of subjectivities. The attribution of senses by the subjects to musical production reveals the cultural voices in dialogue, that circumscribe determined social places to them. Our aim in this work is to investigate the child musical appreciation, with children about 7 to 9 years old, and, by attributing uses and senses to music, unveil the voices that settle the places intended and assumed by infancy in contemporaneity The child constructs its musical appreciation through cultural access and mediation, possible by circulation in several socializing groups like family, school, church, infant groups, community groups and, more recently, publicity and media These last two spheres, enabled by the development of the technological means of communication, contributed to the dissemination of the set of consume ideas and for the emergence of the cultural industry, characteristic of the capitalistic production way in its present configuration. They develop new possibilities of perception of the world, in which the limits between childhood and adulthood are not anymore the same that have been established in previous centuries. So, the child musical appreciation is constituted by homogeneity regarding the senses built and disseminated by cultural industry and by the logical merchandizing, and singularities, associated to the construction of senses in interaction with global, local, and multiple contexts, through which the subject circulates and constitutes himself polyphonically
metadata.dc.description.resumo: A música pode ser encontrada em diferentes contextos históricos e sociais com funções bem distintas, tais como rituais religiosos, educação ética-estética dos sujeitos, elemento terapêutico, crítica ou manutenção de padrões estabelecidos, dentre outras. Enquanto linguagem, a música atua no diálogo entre as dimensões do corpo, dos sentidos, do afetivo-cognitivo e das interações sociais. Seus usos revelam as forças sociais que atravessam a cultura e a constituição das subjetividades. A atribuição de sentidos pelos sujeitos à produção musical revela as vozes culturais em diálogo, que circunscrevem determinados lugares sociais aos mesmos. Nosso objetivo nesse trabalho é investigar a apreciação musical infantil, através de entrevistas semi-estruturadas com crianças de idades entre 7 e 9 anos, para, através da atribuição de usos e sentidos à música, desvelar as vozes que povoam os lugares destinados e assumidos pela infância na contemporaneidade. A criança constrói sua apreciação musical através dos acessos e mediações culturais, possíveis através da circulação nos diversos grupos de socialização, como a família, a escola, a igreja, os grupos infantis, os grupos comunitários e, mais recentemente, a publicidade e a mídia. Estas duas últimas esferas, possibilitadas pelo desenvolvimento dos meios tecnológicos de comunicação, contribuíram para a disseminação do ideário do consumo e para o surgimento da industria cultural, característicos do modo de produção capitalista em sua configuração atual. Desenvolvem-se novas possibilidades de percepção do mundo, em que os limites entre idade infantil e idade adulta já não são mais os mesmos estabelecidos tradicionalmente nos séculos anteriores. Assim, a apreciação musical infantil se constitui em homologias, referentes aos sentidos construídos e disseminados pela indústria cultural e pela lógica mercadológica, e singularidades, associadas à construção de sentidos na interação entre contextos múltiplos, locais e globais, pelos quais o sujeito circula e se constitui polifonicamente
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/17398
Aparece nas coleções:PPGPSI - Mestrado em Psicologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
NarjaraMM.pdf609,84 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.