Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/18308
Título: A cadeia produtiva de gás natural no Rio Grande do Norte e perspectivas para o setor
Autor(es): Santos, Nely Ferreira dos
Palavras-chave: Gás natural;Cadeia produtiva;Matriz energética;Processo de inovação;Rio Grande do Norte;Natural gas;Supply chain;Energy matrix;Innovation process;Rio Grande do Norte
Data do documento: 5-Abr-2011
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: SANTOS, Nely Ferreira dos. A cadeia produtiva de gás natural no Rio Grande do Norte e perspectivas para o setor. 2011. 118 f. Dissertação (Mestrado em Economia Regional) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2011.
Resumo: The paper demonstrates how it is organized production chain of natural gas in Rio Grande do Norte and highlights some prospects for this sector. The study is backed by elements to understand the process of innovation as the driving force of capitalist dynamics as well as the features of the Brazilian economy in the years 1990 and 2000 that indicated the development of natural gas production in the energy matrix Brazil. It was found that the state has potiguar possibilities for structuring an energy based on elements from the region and with prospects of becoming self-sufficient in electricity, where natural gas has a share of participation in this segment. The automotive and industrial are the biggest consumers of this input. With emphasis on the textile industry. Signaling to a broad horizon of supply, this sector will depend on their investments in research and Deficient, and the policy adopted by government to develop the consumer market
metadata.dc.description.resumo: O trabalho demonstra como está organizada a cadeia produtiva de gás natural no Rio Grande do Norte e ressalta algumas perspectivas para este setor. O estudo está respaldado pelos elementos que permitem compreender o processo de inovação enquanto força motriz da dinâmica capitalista, bem como os aspectos que caracterizam a economia brasileira nos anos de 1990 e 2000 e, que sinalizaram para o desenvolvimento da produção de gás natural na matriz energética brasileira. Constatou-se que o estado potiguar tem possibilidades de estruturar uma matriz energética embasada em elementos da própria região e com perspectivas de se tornar auto-suficiente em energia elétrica, onde o gás natural tem uma parcela de participação neste segmento. O setor automotivo e industrial são os maiores consumidores desse insumo. Com destaque para a indústria têxtil. Sinalizando para um horizonte amplo de oferta, este setor dependerá de investimentos e pesquisas em sua infraestrura, e da política adotada pelo governo para desenvolver o mercado consumidor
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/18308
Aparece nas coleções:PPGECO - Mestrado em Economia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
NelyFS_DISSERT.pdf2,7 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.