Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/18886
Título: Arborização urbana e percepção ambiental: uma análise descritiva em dois bairros de Natal / RN.
Autor(es): Souza, Mariluce dos Santos
Palavras-chave: Arborização urbana;Percepção ambiental;Espaço vivido.;Urban afforestation;Environmental perception;Living space.
Data do documento: 12-Set-2008
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: SOUZA, Mariluce dos Santos. Arborização urbana e percepção ambiental: uma análise descritiva em dois bairros de Natal / RN.. 2008. 99 f. Dissertação (Mestrado em Dinâmica e Reestruturação do Território) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2008.
Resumo: The current paper aims to check the environmental population perception of the two east side districts of Natal / RN (Rocas and Petrópolis) on its afforestation. The issues related to the environmental perception and afforestation of cities are gaining prominence in the many different areas of knowledge. However, the approaches and methodologies that are following an analytical perspective that by the rule aimed an policy of spatial planning not always responds to the aspirations and needs of the urban population. The research has been consisted of a preliminary survey, collecting data through the representative population of the neighborhoods in Petrópolis and Rocas, which were applied 210 forms (with the households), 130 in the neighborhood of Rocas and 80 in Petrópolis, which corresponds to 5% of the total households of the two districts, using as indicators, among many others, the income, the level of education and the environmental characteristics of the neighborhood. Through analysis sample was possible to verify that Petrópolis neighborhood that, 68% of interviewee believes their lives in the neighborhood where good and only 2% consider bad, in Rocas neighborhood, 57% considered life in his neighborhood good and only 5% consider bad. When asked about the main characteristics that remind the neighborhood Petrópolis, 90% of residents mentioned that one of its main advantages are the means of transport available, followed by 82% who quoted the ventilation as one of the main benefits of the neighborhood. In Rocas neighborhood, items mentioned by residents, were the ventilation with 47% of all interviewee and 32% said that peace is one of the most positive point of the neighborhood. From the description of some of the environmental needs of the neighborhoods Petrópolis and Rocas, it is possible to infer that environmental issues in general, and afforestation are always present in the speech of the residents, even indirect way, it shows that regardless of the education degree or the income, environmental quality is present as one of the basic needs of urban areas with implications both in the personal and social life as of its inhabitants.
metadata.dc.description.resumo: O Presente trabalho tem por objetivo verificar a percepção ambiental da população de dois bairros da zona leste de Natal/RN (Rocas e Petrópolis) em relação a sua arborização. As questões relacionados à percepção ambiental e a arborização das cidades vêm ganhando destaque nas mais diversas áreas do conhecimento. Contudo, as abordagens e as metodologias que os acompanham estão impregnadas de uma perspectiva analítica que ,via de regra, visa a uma política de ordenamento espacial que nem sempre vai ao encontro dos anseios e das necessidades da população urbana. A pesquisa foi constituída de um levantamento preliminar através da coleta de dados junto à população representativa dos bairros Petrópolis e Rocas, onde foram aplicados 210 formulários (com o responsável pelos domicílios), sendo 130 no bairro das Rocas e 80 no bairro Petrópolis, o que corresponde a 5% do total de residências desses dois bairros, tendo por indicadores, dentre outros, a renda, o grau de escolaridade e as características ambientais do bairro. Através da análise amostral foi possível verificar, que no que se refere ao bairro Petrópolis, 68% dos entrevistados consideram a vida no bairro em que moram boa e apenas 2 % a consideram péssima. Já no bairro das Rocas, 57% consideram a vida no seu bairro boa e apenas 5% a consideram ruim. Quando questionados sobre as principais características que lembravam o bairro Petrópolis 90% dos moradores mencionaram que uma das suas principais vantagens são os meios de transportes disponível, seguidos de 82 % que mencionaram a ventilação como sendo um dos principais benefícios do bairro. No bairro das Rocas, os itens mencionados pelos moradores com maior freqüência, foram a ventilação, com 47 % do total de entrevistados e 32 % disseram que a tranqüilidade é um dos pontos mais positivos do bairro. A partir da descrição de algumas das necessidades ambientais dos bairros Petrópolis e Rocas, é possível inferir que as questões ambientais, de maneira geral, e a arborização estão sempre presentes na fala dos moradores, mesmo de forma indireta, isso demonstra que independente do grau de escolaridade ou da renda a qualidade ambiental se faz presente como uma das necessidades básicas do meio urbano com implicações tanto na vida pessoal quanto social dos seus habitantes.
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/18886
Aparece nas coleções:PPGe - Mestrado em Geografia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MariluciSS.pdf2,69 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.