Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/19031
Título: Análises da execução orçamentária dos municípios da região nordeste, no período de 2000 a 2009
Autor(es): Silva, Maurício Corrêa da
Gomes, Anailson Márcio
Tavares, Adilson de Lima
Mól, Anderson Luiz Rezende
Araújo, Aneide Oliveira
Palavras-chave: Receitas correntes;Receitas de capital;Despesas correntes;Despesas de capital
Data do documento: 2012
Citação: SILVA, Maurício Corrêa da; GOMES, Anailson Márcio; TAVARES, Adilson de Lima; MÓL, Anderson Luiz Rezende; ARAÚJO, Aneide Oliveira. Análises da execução orçamentária dos municípios da região nordeste, no período de 2000 a 2009. ReCont: Registro Contábil, Alagoas, v. 3, n. 2, p. 1-17, 2012. ISSN 2179-734X. Disponível em: <http://www.seer.ufal.br/index.php/registrocontabil/article/view/519/393>. Acesso em: 7 maio 2015.
Resumo: O estudo dos resultados das execuções orçamentárias é relevante para os cidadãos e instituições da sociedade, haja vista que os mesmos financiam o setor público e esperam por resultados. Este estudo tem o objetivo geral de analisar a receita e a despesa total, a receita total e a despesa total per capita; o quociente do resultado da execução financeira; as despesas de capital per capita e o comprometimento da receita corrente dos municípios da Região Nordeste com o auxílio da estatística com a hipótese que não existem diferenças significativas entre as médias aritméticas. Os resultados revelaram que os municípios do Estado da Bahia destacaram com a maior arrecadação e a maior despesa; os municípios do Estado do Rio Grande do Norte apresentaram maior desempenho na utilização dos recursos públicos médios de receita total e despesa total per capita; maior quociente médio do resultado da execução financeira e a maior média de despesa de capital per capita e também a maior média aritmética do comprometimento da receita corrente. A maior volatilidade (coeficiente de variação) em termos de receita per capita, despesa total per capita e de despesa de capital per capita foi os municípios do Estado do Maranhão. Quanto à hipótese levantada, conclui-se que não existem diferenças significativas entre as médias aritméticas dos indicadores analisados dos municípios da Região Nordeste (aceita Ho)
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/19031
ISSN: 2179-734X
Aparece nas coleções:CCSA - DCC - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AnalisesExecuçãoOrçamentária_2012.pdf294,05 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.