Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/19534
Título: A influência do conforto luminoso na satisfação dos profissionais que atuam no ginásio do Centro de Reabilitação Infantil, Natal-RN
Título(s) alternativo(s): The influence of lighting comfort in the satisfaction of professionals working in the gym at Children's Rehabilitation Center, Natal, Brazil
Autor(es): Valverde, Juliana Viégas de Lima
Palavras-chave: Iluminação natural;Arquitetura hospitalar;Humanização;Avaliação pós-ocupação
Data do documento: 30-Mai-2014
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: VALVERDE, Juliana Viégas de Lima. A influência do conforto luminoso na satisfação dos profissionais que atuam no ginásio do Centro de Reabilitação Infantil, Natal-RN. 2014. 206f. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2014.
Resumo: This study addresses the environmental quality in therapeutic spaces for children's rehabilitation. The assumption that space is active and interfere in interpersonal relationships, highlights the importance of natural light to the hospital architecture, to foster the creation of environments that encourage and assist in the recovery of patients in the rehabilitation process. Therefore, interferes with health humanization through positive actions in the physiological and emotional effects of natural light, as facilitators of the health recovery process. In Brazil hospital openings systems projects are built exclusively to follow requirements of the local construction code which do not consider the landscape, but only ventilation and heat stroke; and the luminance levels are treated just as recommendations for artificial lighting. The National Policy for Healthcare Humanization presents the environmental comfort as a priority. However, it does not guidelines for achieving it. In this context this research aims to evaluate the lighting comfort in infant therapeutic areas from the professional satisfaction, in order to identify human preferences on the variables: technical and constructive aspects, relationship with the exterior, internal visual interface and quality elements. With this purpose it was adopted as research strategy the Post-Occupancy Evaluation (Technical Functional) through a multi method approach, which included a case study in the rehabilitation gym of Children Rehabilitation Center, at Natal, Rio Grande do Norte, and a reference study at SARAH Rehabilitation Center, Fortaleza Unit at Ceará, both in Brazil northeast. The results indicate that the definition of openings systems should consider external and internal factors to the building, as the natural landscape, the immediate surroundings and activities to be performed. The POE found out the preference of the professional visual privacy in detriment to other analyzed aspects. Thus, it is expected that this study can contribute to the discussion of luminous quality and generate inputs for future projects or renovations in the Children's Rehabilitation Centers, which should not be projected as hospitals
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho aborda a qualidade lumínica em espaços terapêuticos destinados à reabilitação infantil. Partindo da premissa de que o espaço é atuante e interfere nas relações interpessoais, corrobora com a humanização em saúde ao destacar os efeitos fisiológicos e emocionais da luz natural como facilitadores do processo de reabilitação, ao incorporar locais para inspirar, estimular e auxiliar a recuperação. No Brasil as normas para projetos hospitalares não contemplam o conforto luminoso. Em projetos hospitalares, os sistemas de abertura são definidos apenas para seguirem as exigências do código de obras, que não consideram a paisagem, mas apenas a ventilação e insolação; e os níveis de iluminação são tratados a partir de recomendações para iluminação artificial. A Política Nacional de Humanização da Assistência à Saúde apresenta o conforto ambiental como uma das prioridades. Todavia, não apresenta diretrizes para alcançá-la. Neste contexto, o objetivo desta pesquisa foi avaliar a qualidade lumínica nos espaços terapêuticos de ginásios de reabilitação a partir da satisfação dos profissionais a fim de identificar as preferências humanas diante das variáveis: aspectos técnico-construtivos, relação com o exterior, relação visual interna e elementos de qualidade. Para isso, adotou-se como estratégia de pesquisa a Avaliação Pós-Ocupação (Técnico Funcional) por meio de uma abordagem multimétodos, que contemplou um estudo de caso no ginásio de reabilitação do Centro de Reabilitação Infantil, Natal, Rio Grande do Norte, e um estudo de referência no Centro de Reabilitação SARAH, Unidade Fortaleza, Ceará. Os resultados apontam que a definição dos sistemas de aberturas deve considerar fatores externos e internos do edifício, como a paisagem natural disponível no entorno imediato e as atividades realizadas. A APO constatou a preferência dos profissionais pela privacidade visual em detrimentos aos demais aspectos analisados. Portanto, a definição de atributos ambientais desejáveis deve considerar aspectos técnicos, funcionais, sociais e culturais. Assim, espera-se que este estudo possa contribuir para a discussão sobre conforto visual e gerar insumos para futuros projetos ou reformas em Centros de Reabilitação Infantil, que não devem ser projetados como hospitais.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/19534
Aparece nas coleções:PPGAU - Mestrado em Arquitetura e Urbanismo

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JulianaViegasDeLimaValverde_DISSERT.pdf7,46 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.