Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/19541
Título: O erro produzido pelo aluno no contexto pedagógico: uma luz ou uma pedra no meio do caminho?
Autor(es): Salsa, Ivone da Silva
Palavras-chave: Formação docente;Erro do aluno;Professor de Matemática;Professor formador;Ensino da Matemática
Data do documento: 27-Ago-2010
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: SALSA, Ivone da Silva. O erro produzido pelo aluno no contexto pedagógico: uma luz ou uma pedra no meio do caminho?. 2010. 208f. Tese (Doutorado em Educação) - Centro de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010.
Resumo: Student’s mistakes as viewed in a didactic and pedagogical perspective are a phenomenon inevitably observed in any context in which formal teaching-andlearning processes are taking place. Researchers have shown that such mistakes are viewed most of the times as undesirable and often as a consequence of lack of attention or poor commitment on the part of the student and rarely considered didactically useful. The object of our reflections in this work is exactly those mistakes, which are born in the entrails of the teaching-and-learning processes. It is our understanding that a mistake constitutes a tool which mediates knowledge and may therefore become a strong ally of the instructor’s actions in her/his teaching tasks and thus should be taken into the teacher’s best consideration. Understanding a mistake as so, we postulate that the teacher must face it as a possibility to be exploited rather than as a negative occurrence. Such an attitude on the part of the teacher would undoubtedly render profitable didactic situations. To deepen the understanding of our aim, we took a case study on the perception of senior college students in the program of Mathematics at UFRN in the year 2009, 2nd term. The reason of this choice is the fact that Mathematics is the field presenting traditionally the poorest records in terms of school grades. In this work we put forth data associated to ENEM1 , to the UFRN Vestibular2 and the undergraduate courses on Mathematics. The theoretical matrixes supporting our reflections in this thesis follow the ideas proposed by Castorina (1988); Davis e Espósito (1990); Aquino (1997); Luckesi (2006); Cury (1994; 2008); Pinto (2000); Torre (2007). To carry out the study, we applied a semi-structured questionnaire containing 14 questions, out of which 10 were open questions. The questions were methodologically based on the Thematic Analysis – One of the techniques for Content Analysis schemed by Bardin (1977) – and it was also used the computer program Modalisa 6.0 (A software designed by faculties the University of Paris VIII). The results indicate that most of the teachers training instructors in their pedagogical practice view the mistakes made by their students only as a guide for grading and, in this procedure, the student is frequently labeled as guilty. Conclusive analyses, therefore, signal to the necessity of orienting the teachers training instructors in the sense of building a new theoretical contemplation of the students’ mistakes and their pedagogical potentialities and so making those professionals perceive the importance of such mistakes, since they reveal gaps in the process of learning and provide valuable avenues for the teaching procedures.
metadata.dc.description.resumo: O erro do aluno na sua dimensão didático-pedagógica é um fatoinevitavelmente presente em qualquer contexto onde se desenvolvamprocessos formais de ensino e de aprendizagem. Pesquisas têm mostrado que,amiúde, esse erro é percebido pelo professor como algo indesejável, quasesempre conseqüência da falta de atenção ou de estudo do aluno, tendo comodestino, sua eliminação. Nesta tese, o objeto de nossas reflexões éexatamente esse erro, gerado nas entranhas dos processos de ensino e deaprendizagem. Nossa compreensão é de que o erro se constitui em umaferramenta mediadora do conhecimento, podendo ser um grande aliado àsações do professor em suas tarefas de ensino, destarte, precisa serconsiderado pelo professor. Com esse entendimento pensamos que o professorprecisa encará-lo como uma possibilidade a ser explorada e não como umafatalidade; isto, seguramente, acarretaria situações didáticas deverasproveitosas. Para aprofundar a compreensão sobre nosso objeto de pesquisa,optamos pelo estudo da percepção de pré-concluintes em 2009.2, daLicenciatura em Matemática, acerca do referido erro. Esse foi,precisamente, o objetivo geral deste trabalho: pesquisar e compreendercomo o erro do aluno é percebido por futuros professores de Matemática. Aescolha de futuros professores Matemática como sujeitos da pesquisa, sedeve ao fato de que essa área do saber historicamente carrega consigo umfardo de péssimos desempenhos escolares. Neste trabalho, exibimos dadosassociados ao ENEM, a Vestibulares da UFRN e a desempenhos em disciplinasbásicas da Matemática, na UFRN que justificam tal escolha. As matrizesteóricas que arrimaram as reflexões nesta tese seguem as idéias propostaspor Giordan (1985); Castorina (1988); Aquino (1997); Luckesi (1995; 2006);Cury (1994; 2003; 2005; 2007); Pinto (2002); Torre (2007); Hoffmann (2007e 2008). Para empreender este estudo selecionamos uma amostra com 30alunos concluintes da Licenciatura de Matemática do CCET/UFRN, em 2009, eaplicamos um questionário semi-estruturado com 14 perguntas, sendo 10questões abertas. Estas receberam um tratamento metodológico baseado naAnálise Temática - uma das técnicas da Análise de Conteúdo sistematizadaspor Bardin (1977) - e, também contaram com o recurso do programacomputacional Modalisa 6.0 (software desenvolvido por docentes daUniversidade de Paris VIII). Os resultados advindos da análise sobre apercepção desses concluintes apontam que, na prática pedagógica da maioriados professores formadores, esse erro é percebido apenas, como um motivopara pontuar provas/testes e, o aluno, na maioria das vezes, é encaradocomo "culpado". As análises conclusivas, portanto, sinalizam para anecessidade de se investir na formação do professor formador dessaLicenciatura, buscando construir um novo olhar sobre o erro. Um olhar querealce suas potencialidades pedagógicas, que perceba a importância do erroquando ele desvela lacunas no processo de aprendizagem, fornecendovaliosas pistas para os procedimentos de ensino.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/19541
Aparece nas coleções:PPGED - Doutorado em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
IvoneDaSilvaSalsa_TESE.pdf2,14 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.