Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20017
Título: Representações arquitetônicas na concepção projetual: um estudo com arquitetos e urbanistas do Rio Grande do Norte
Autor(es): Asevedo, Laize Fernandes de
Palavras-chave: Representações arquitetônicas;Concepção projetual;Meio profissional
Data do documento: 30-Jan-2015
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: ASEVEDO, Laize Fernandes de. Representações arquitetônicas na concepção projetual: um estudo com arquitetos e urbanistas do Rio Grande do Norte. 2015. 296f. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Resumo: The architect materializes his ideas using architectural representations that acts differently during the design process, as instrument that expresses his creatives ideas, as communication between the designer and the client, or as project documentation for its execution (DURAND, 2003). In this paper, it’s been discussed the connexion between the architectural representations and the design process, in a professional context, focusing on representation as an aid to conception. The general aim is to understand the role of architectural representations in the design process by identifying ways of appropriation of their types and resources. The investigation was developed through the theoretical and conceptual studies about the mentioned themes, and the empirical and qualitative research, with architects from the state of Rio Grande do Norte, Brazil, which was developed in two stages: the first one, by filling an electronic form, and the second one, by case studies through execution of design exercises. The results of indirect research showed that the majority of architects and urbanists believes that the way it use the types and representation resources may interfere in design concept. And, after the completion of the case studies, was showed that, motivated by different design conditions, most designers has used the representations differently, which is reflected in different design conceptions.
metadata.dc.description.resumo: O arquiteto materializa suas ideias em formato de representações arquitetônicas que assumem funções distintas no decorrer da produção projetual atuando como instrumento de expressão das ideias de criação, como meio de comunicação entre o projetista e a clientela, ou como descrição do projeto para sua execução (DURAND, 2003). Neste trabalho, discute-se a relação entre as representações arquitetônicas e o processo de concepção projetual em contexto profissional, tendo como foco a função que a representação assume como auxílio à concepção. O objetivo geral consiste em compreender o papel das representações arquitetônicas no processo de concepção do projeto a partir da identificação dos modos de apropriação de seus tipos e recursos. A investigação foi realizada através do estudo de cunho teórico-conceitual acerca das temáticas abordadas, e da pesquisa empírica de caráter qualitativo, aplicada a profissionais do estado do Rio Grande do Norte, e desenvolvida em duas etapas sendo, a primeira por meio de preenchimento de formulário eletrônico, e a segunda, a partir de estudos de casos com execução de exercícios projetuais. Os resultados da pesquisa indireta demonstraram que a grande maioria dos arquitetos e urbanistas acredita que a maneira como utiliza os tipos e recursos de representação pode interferir no modo de concepção do projeto arquitetônico. E, após a realização dos estudos de casos, foi visto que, motivada por diferentes condições de projeto, a maioria dos projetistas utilizou das representações de maneira distinta, o que se refletiu em processos de concepção diferentes.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20017
Aparece nas coleções:PPGAU - Mestrado em Arquitetura e Urbanismo

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LaizeFernandesDeAsevedo_DISSERT.pdf22,96 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.