Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20049
Título: Parâmetros biológicos de Herpsilochmus pectoralis Sclater 1857 (Aves: Thamnophilidae) em fragmentos de mata atlântica do Nordeste do Brasil
Autor(es): Oliveira Júnior, Tonny Marques de
Palavras-chave: Bioacústica;Herpsilochmus pectoralis;Restinga;Placa de incubação;Ciclo de muda
Data do documento: 24-Mai-2013
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: OLIVEIRA JÚNIOR, Tonny Marques de. Parâmetros biológicos de Herpsilochmus pectoralis Sclater 1857 (Aves: Thamnophilidae) em fragmentos de mata atlântica do Nordeste do Brasil. 2013. 96f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Centro de Biociências, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013.
Resumo: The study of birds represents an important tool for the understanding of the processes involved in behavioral and morphological patterns. The species we have studied belongs to Thamnophilidae family, the third largest family restricted to the Neotropic ecozone. They are popularly known as antbirds and comprise 209 species. A large portion of the species has cryptic behavior, making the acoustic communication an important tool for maintaining contact among birds. Herpsilochmus pectoralis Sclater 1857 has evident sexual dimorphism, measured between 10 and 12 cm height and it is found in forest fragments in the Northeast and it is also categorized as vulnerable to extinction process. This study was conducted in three sandbank fragments on the east coast of the state of Rio Grande do Norte, Brazil. With the help of tape recordings between 2006 and 2012 it was possible to describe and characterize the sing of H. pectoralis. The sing from male birds has more and longer length than the female sing (16% of dimorphism). No differences were found in the dominant frequency between the sexes. We describe four types of calls from this species repertoire. Through capturing with ornithological nets between 2009 and 2012 it was possible to describe and compare the morphology of H. pectoralis. The species have shown lower corporal mass in the dry season. The young birds showed morphometric similarities in comparison to adults. The species has no accentuated dimorphism in their morphometric characteristics. The young ones with flying capabilities have morphometric characteristics of adults, even though they do not show a characteristic adult plumage. The moult pattern in the species is a characteristic of tropical birds, but it shows short reproductive period, typical of temperate species. Even being in the tropical region, the species suffers with seasonal rainfall, which influences their reproductive phenology and moult (remex and rectrix) cycle. Thus, this dissertation provides information on the biology of H. pectoralis to support the understanding of the relationship of this species to the environment and also to know the variations of morphology and vocal aspects, in order to understand patterns and general characteristics of Thamnophilidae.
metadata.dc.description.resumo: O estudo das aves configura uma importante ferramenta para o conhecimento dos processos envolvidos de padrões comportamentais e morfológicos. A espécie aqui estudada pertence à família Thamnophilidae, a terceira maior família restrita a região Neotropical. São conhecidos popularmente como papa-formigas e compreendem 209 espécies. Grande parcela das espécies apresenta comportamento críptico, tornando a comunicação acústica importante ferramenta para manutenção de contato das aves. Herpsilochmus pectoralis Sclater 1857, possui dimorfismo sexual evidente, mede entre 10 e 12 cm, é encontrada em fragmentos florestais do Nordeste e é categorizada como vulnerável a processo de extinção. Este estudo foi realizado em três fragmentos de restinga no litoral leste do estado do Rio Grande do Norte. Através de gravações entre 2006 e 2012 foi possível descrever e caracterizar o canto de H. pectoralis. O canto do macho tem mais notas e maior duração do que o da fêmea (16% de dimorfismo). Não encontramos diferença na frequência dominante entre os sexos. Descrevemos quatro tipos de chamadas para o repertório da espécie. Por meio de capturas com redes ornitológicas entre 2009 e 2012 foi possível descrever e comparar a morfologia de H. pectoralis. A espécie apresentou menores valores de massa no período de seca. Os jovens apresentaram similaridades morfométricas com relação aos adultos. A espécie não possui dimorfismo acentuado em suas características morfométricas. Os jovens que voam possuem características morfométricas de adultos mesmo não apresentando plumagem característica de adulto. O padrão de muda na espécie é característico de aves tropicais, mas possui período reprodutivo curto, característico de espécies temperadas. A espécie mesmo estando em região tropical sofre com o regime sazonal de chuvas, que influencia em sua fenologia reprodutiva e no ciclo de muda (rêmige e retriz). Dessa forma, a presente dissertação traz informações sobre a biologia de H. pectoralis para subsidiar o entendimento da relação dessa espécie com o ambiente e conhecer as variações de aspectos morfológicos e vocais, visando entender padrões e características gerais dos Thamnophilidae.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20049
Aparece nas coleções:PPGCB - Mestrado em Ciências Biológicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TonnyMarquesDeOliveiraJunior_DISSERT.pdf2,37 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.