Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20109
Título: Mapeamento cromossômico de DNAs repetitivos com fins biotecnológicos em peixes marinhos e interesse comercial - Rachycentridae e Lutjanidae
Autor(es): Costa, Gideão Wagner Werneck Félix da
Palavras-chave: Piscicultura marinha;DNA repetitivos;Processos biotecnológicos;Lutjanidae;Rachycentridae
Data do documento: 27-Fev-2015
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: COSTA, Gideão Wagner Werneck Félix da. Mapeamento cromossômico de DNAs repetitivos com fins biotecnológicos em peixes marinhos e interesse comercial - Rachycentridae e Lutjanidae. 2015. 140f. Tese (Doutorado em Biotecnologia) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Resumo: The Rachycentron canadum species, commonly known as beijupirá or cobia is the only representative of Rachycentridae family which has been increasingly used in marine fish farming, in intensive cultivation. As advantageous features it has easy adaptation, prolific behavior, early growth in captivity and high commercial value. Additionally, specie of Lutjanidae family (Lutjanus synagris, Lutjanus jocu, Lutjanus analis, Lutjanus alexandrei and Ocyurus chrysurus) represents an important fisheries resource in all areas of its occurrence. In Brazil, the commercial exploitation of Lutjanidae which begun in the 60's and 80's, already has showed a decline in catch volumes. This fact suggests that the snappers must have a conservative management. Despite the economic potential, little is known about the genetic and cytogenetic characteristics of these species, especially with respect to repetitive DNA analysis, which represents the major part of the eukaryotes genome, playing important evolutionary roles in the fish genome. Cytogenetic data is increasingly being used in population studies and biotechnological purposes in fishes. The cytogenetical analyzes were performed using classical methods such as Giemsa staining, C-banding and Ag-NORs, fluorochromes base-specific staining (DAPI and MM) and physical mapping of repetitive sequences among which, telomeric sequences, transposons (Tol2), retrotransposons (Rex1 and Rex3), repetitive DNA (microsatellites and Cot-1) and transcriptionally active regions of the 18S and 5S ribosomal genes and histone (H3 and H2BA) by in situ hybridization with fluorescent probes (FISH). The chromosomal patterns obtained contributed to the organization of repetitive sequences in the genome of the species, as well as karyotypical differentiation. Unusual patterns of histone sequences expansion depict the first occurrence in marine fishes. The obtained data provided subsides to the genetic knowledge of the important fisheries resource represented by the species here analyzed, seeking the marine pisciculture improvement.
metadata.dc.description.resumo: A espécie Rachycentron canadum, conhecida popularmente como beijupirá ou cobia, é o único representante da família Rachycentridae o qual vem sendo crescentemente utilizado na piscicultura marinha, em cultivos intensivos. Como características vantajosas, é de fácil adaptação, prolífica, possui crescimento precoce em cativeiro e elevado valor comercial. Já as espécies da família Lutjanidae (Lutjanus synagris, Lutjanus jocu, Lutjanus analis, Lutjanus alexandrei e Ocyurus chrysurus) representam um importante recurso pesqueiro em todas as áreas de sua ocorrência. No Brasil a exploração comercial dos Lutjanidae que se iniciou na década de 60 e nos anos 80 já demonstrava um declínio nos volumes de captura. Este fato aponta que os lutjanídeos devem possuir um manejo conservativo. Apesar dos potencias econômicos, pouco se conhece sobre as características genéticas e citogenéticas destas espécies, principalmente no que diz respeito a análise de DNAs repetitivos, os quais que representam a maior parte do genoma dos eucariotos e sendo responsaveis por importantes papeis evolutivos no genoma dos peixes. Dados citogenéticos vem crescentemente sendo empregados em estudos populacionais e com fins biotecnológicos em peixes. As analises citogenéticas foram realizadas utilizando métodos clássicos como coloração com Giemsa, bandamento C e Ag-RONs, coloração com os fluorocromos base-específicos (DAPI e MM) e mapeamento cromossômicos de sequências repetitivas dentre as quais, sequências teloméricas, transposons (Tol2), retrotransposons (Rex1 e Rex3), DNA repetitivos (Cot-1 e microssatélites) e das regiões transcricionalmente ativas dos genes ribossomais 18S e 5S e histonas (H2BA e H3), através da hibridação in situ com sondas fluorescentes (FISH). Os padrões cromossômicos obtidos contribuíram para o conhecimento da organização das sequências repetitivas no genoma das espécies, bem como a diferenciação cariotípica. Padrões incomuns de expansão de sequências histônicas retratam a primeira ocorrência em peixes marinhos. Os dados obtidos fornecem subsídios para o conhecimento genético dos importantes recurso pesqueiros representados pelas espécies aqui analisadas, com vistas a auxiliar o desenvolvimento da piscicultura marinha.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20109
Aparece nas coleções:PPGBIO - Doutorado em Biotecnologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
GideaoWagnerWerneckFelixDaCosta_TESE (1).pdf32,14 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.