Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20263
Título: Curar, fiscalizar e sanear: as ações médico-sanitárias no espaço público da cidade do Natal (1850-1889)
Autor(es): Araújo, Avohanne Isabelle Costa de
Palavras-chave: Saúde pública;Cidade do Natal;Século XIX;Espaço público
Data do documento: 22-Jul-2015
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: ARAÚJO, Avohanne Isabelle Costa de. Curar, fiscalizar e sanear: as ações médico-sanitárias no espaço público da cidade do Natal (1850-1889). 2015. 144f. Dissertação (Mestrado em História) - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Resumo: This research focuses on the effort to understand how medical and sanitizing knowledge along with taken measures were capable of carry out transformations in the public space the city of Natal in the period ranging from 1850 to 1889, as far as public health is concerned. In order to address this issue, three aspects will be taken into consideration: the medical and pharmacist practice, the inspection of foodstuff and urban planning of the city of Natal. In this sense, we use the following sources: Reports of Presidents of the Province of Rio Grande do Norte, active mail between the Presidents of the Province of Rio Grande do Norte and the Council of the city of Natal; minutes of the meetings held by Natal’s Council; stance codes; the documents of Public Health Inspection, newspapers (Correio Natalense, Liberdade and O Conservador) and the Imperial Laws (Constitution of 1824 and the Decree of the Central Departament of Hygiene). As a methodology for the treatment and analysis of the sources, we used paleographic reading and transcription, classification of the facts found in the documentation, crossing information obtained in the documentation with the historicity and conditions of production of the newspaper sources, table production and comparative studies related to other provincial scenarios in the Empire.
metadata.dc.description.resumo: Esta pesquisa tem como problemática compreender de que maneira os saberes e ações médico-sanitários moveram as transformações no espaço público da Cidade do Natal, no período de 1850 a 1889, especificamente na saúde pública. Para responder a este questionamento, faz-se necessário enfocar em três aspectos: no exercício médico e farmacêutico, na fiscalização dos gêneros alimentícios e no ordenamento urbano da Cidade do Natal. Neste sentido, foram utilizadas as seguintes fontes: Relatórios dos Presidentes de Província do Rio Grande do Norte, correspondência ativa dos Presidentes de Província do Rio Grande do Norte para a Câmara Municipal da Cidade do Natal; Atas das sessões da instituição camarária, Códigos de Posturas; documentos da Inspetoria da Saúde Pública, jornais (Correio Natalense, Liberdade e O Conservador) e as Legislações Imperiais (Constituição de 1824 e o Decreto da Junta Central de Higiene). Compondo a metodologia, para o tratamento e análise das fontes, foram utilizados: a leitura e transcrição paleográfica, classificação das temáticas encontradas na documentação, cruzamento das informações obtidas na documentação, a historicidade e condições de produção das fontes hemerográficas, produção de tabela e estudos comparativos relacionados a outras realidades provinciais do Império.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20263
Aparece nas coleções:PPGH - Mestrado em História

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AvohanneIsabelleCostaDeAraujo_DISSERT.pdf1,38 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.