Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20455
Título: Do outro das grades: análise dos discursos da equipe dirigente da unidade psiquiátrica de custódia e tratamento do Rio Grande do Norte
Autor(es): Lima, Maria Mayara de
Palavras-chave: Hospital de custódia;Equipe dirigente;Discurso;Sofrimento;Trabalho
Data do documento: 2-Mar-2015
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: LIMA, Maria Mayara de. Do outro das grades: análise dos discursos da equipe dirigente da unidade psiquiátrica de custódia e tratamento do Rio Grande do Norte. 2015. 140f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Resumo: The present research aimed to understand the building of the professional practice of the team leader of Unidade Psiquiátrica de Custódia e Tratamento do Rio Grande do Norte - UPCT/RN (Psychiatric Detention and Treatment Unit of Rio Grande do Norte - UPCT/RN) from the analysis of his speech, which reflects both subjective issues related to professional, as those coming from a whole range of laws, readings, practices and "truths" presented to them. The Custody Hospitals keep under state supervision the not responsible subjects and semi responsible authors of "crimes", but cannot respond in court because they have some kind of mental illness. Therefore, they are exempt from malice and sorrow, being subjected to a security measure that must be met in competent organization (such as the Custody Hospital), enabling its psychiatric treatment and recovery and / or maintenance of social ties and family, outlining its suspension of internment. In order to achieve the objective set out above, I conducted interviews followed by a semi-structured script in the period from July to August 2014, with six unit professionals: the deputy director of the organization, the head nurse and four prison guards. After transcribing the interviews, I used discourse analysis methodology in order to grasp how and from what assumptions such discourses are constructed, realizing also the presence of paraphrasis and / or polysemic processes through an analysis device predetermined. Thus, compared to the reflections that the research provided me, explaining here briefly, I did apprehend that the design work goes beyond social and economic issues, linking up also the aspects of human psychic; professionals in the management team suffer, each in their own way, not only by lack of physical and human infrastructure, but see themselves as co-responsible for offering a poor treatment of inmates from the institution. The stigma attached to the figure of the "crazy-breaker" falls also on the professionals, thereby increasing your psychic load. As well as the professional identity constructed by each subject extends to the family and social environment and this, in most cases, is presented as negative, contributing to the increase in the suffering of work.
metadata.dc.description.resumo: A pesquisa em questão objetivou apreender como se constrói a prática profissional da equipe dirigente da Unidade Psiquiátrica de Custódia e Tratamento do Rio Grande do Norte (UPCT/RN) a partir da análise do seu discurso, o qual reflete tanto questões subjetivas inerentes aos profissionais, quanto àquelas oriundas de toda uma gama de legislações, leituras, práticas e “verdades” que lhes são apresentadas. Os Hospitais de Custódia mantêm sob tutela do Estado os sujeitos inimputáveis e semi-imputáveis autores de “crimes”, mas que não podem responder judicialmente, por terem algum tipo de doença mental. Por isso, são eximidos de dolo e pena, sendo submetidos a uma medida de segurança que deve ser cumprida em organização competente (como os Hospitais de Custódia), possibilitando o seu tratamento psiquiátrico, bem como a recuperação e/ou manutenção dos seus vínculos sociais e familiares, delineando a sua desinternação. A fim de alcançar o objetivo acima apresentado, realizei entrevistas acompanhada de um roteiro semiestruturado no período de julho a agosto de 2014, com seis profissionais da Unidade, quais sejam: a vice-diretora da organização, o enfermeiro chefe e quatro agentes penitenciários. Após a transcrição das entrevistas, utilizei da metodologia de análise de discurso com o intuito de apreender a forma e a partir de que pressupostos tais discursos são construídos, percebendo, ainda, a presença de processos parafrásticos e/ou polissêmicos através de um dispositivo de análise pré-determinado. Destarte, em relação às reflexões que a pesquisa me proporcionou, explanando aqui de forma sucinta, apreendi que a concepção de trabalho vai além de questões sociais e econômicas, vinculando-se, também, a aspectos do psíquico humano; os profissionais da equipe dirigente sofrem, cada um a sua maneira, não só por falta de estrutura física e humana, mas por se enxergarem como corresponsáveis pelo oferecimento de um tratamento precário aos internos da instituição. O estigma que acompanha a figura do “louco-infrator” recai, também, sobre os profissionais, provocando um aumento de sua carga psíquica. Bem assim, a identidade profissional construída por cada sujeito estende-se ao meio familiar e social e esse fato, na maioria das vezes, apresenta-se como negativo, contribuindo para o aumento no sofrimento do trabalho.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20455
Aparece nas coleções:PPGCS - Mestrado em Ciências Sociais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MariaMayaraDeLima_DISSERT.pdf1,13 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.