Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20528
Título: Características dos programas de residência médica em cardiologia do estado do Rio Grande do Norte
Autor(es): Nascimento, Cesimar Severiano do
Palavras-chave: Residência médica;Avaliação de programa;Cardiologia
Data do documento: 18-Ago-2015
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: NASCIMENTO, Cesimar Severiano do. Características dos programas de residência médica em cardiologia do estado do Rio Grande do Norte. 2015. 93 f. Dissertação (Mestrado em Ensino na Saúde) – Programa de Pós-Graduação em Ensino na Saúde. Universidade Federal do Rio Grande do Norte, 2015.
Resumo: The present study had as goal to evaluate Rio Grande do Norte state’s medical residency programs (MRP) in Cardiology. It’s a descriptive study, including a documental analysis of the program’s accreditation processes (PAP) of cardiology’s medical residency in Rio Grande do Norte state in 2014 and the analysis of the resident’s perception about his professional education as a specialist in Cardiology. Beside the documental analysis of the PAPs, it was applied a semi-structured questionnaire with closed questions Likert style and open questions to all the current and former residents of the MRPs analyzed. Two MRPs in Cardiology were identified in Rio Grande do Norte state, one hosted in a public institution and the other in a private institution. The documental analysis showed a greater amount of preceptors with a good level of ownership on the public institution in comparison with the private one, as well as a bigger number of publications, participation in congresses and in book’s publications. The private institution presents a better Urgency’s infrastructure, with emergency room and cardiologic ICU. It IS clear that the residents are aware of how a good residency must work, as well as the strengths and fragilities of their own residences. Most of Onofre Lopes Universitary Hospital’s residents point out as a strength the organization, participation and quality of the preceptors, practice activities and scientific debates, great amount of patients and the visits and debates with the preceptors on the sickrooms. As the greatest fragilities, they emphasize the lack of a urgency service of their own and a specialized ICU. In Coração Hospital of Natal (HCor), it is listed as weak points the theoretic scheduling and the few ambulatory practices. As positive aspects, they report the preceptors, the agility on the execution of exams, a good number of serious patients and procedures. In both residences, it is seen a certain difficulty in accepting the important and mandatory items imposed by the rules of the Medical Residences’ National Committee, such as: biostatistics, bioethics, medical ethic, epidemiology and research methodology. Besides that, the residents recognize that both hospitals have a good infrastructure and technological support, especially in imaging methods. The evaluation of PRMCs identifies the strengths of each program and the aspects to be improved in both programs. It also allowed the observation of difficulties in accepting some regulations contained in the CNRM resolution by the resident, such as participation in activities such as biostatistics, epidemiology and research methodology as well as the improvement needs of specific technical training, such as in emergency care. Thus, our results make possible to develop strategies for continued improvement of PRMC in RN state. In addition, it enabled the preparation of the resident’s manual in cardiology, containing even a breakdown of resident evaluation system, which could serve as a model for other residency programs.
metadata.dc.description.resumo: O presente estudo teve como objetivo analisar os Programas de Residências Médica (PRM) em Cardiologia do Estado do Rio Grande do Norte, identificando quais os programas credenciados para funcionamento no Estado. Trata-se de estudo transversal, descritivo, incluindo a análise documental dos processos de credenciamento dos programas (PCP) de residência médica em cardiologia vigentes no Estado do Rio Grande do Norte (RN) no ano de 2014 e a análise da percepção do residente sobre a sua formação como especialista em cardiologia. Além da análise documental dos PCPs, foi aplicado um questionário semiestruturado, com perguntas fechadas, do tipo Likert, e abertas a todos os residentes e egressos dos PRM analisados. Foram identificados dois PRM em Cardiologia no Estado do RN, sendo um programa sediado em instituição pública e outro em instituição privada. A análise documental mostrou uma maior quantidade de preceptores com um maior titularidade na instituição pública em relação a privada, assim como uma maior produção acadêmica, como publicações em revistas indexadas, publicação de livros, capítulos de livros e participação em congressos. A instituição privada apresenta uma melhor infraestrutura de urgências, com pronto socorro e Unidade de Terapia Intensiva (UTI) cardiológica. Percebe-se que os residentes têm consciência de como deve funcionar uma boa residência, assim como as fortalezas e fragilidades das residências que participam. A maioria dos residentes do Hospital Universitário Onofre Lopes (HUOL) destaca como fortalezas a organização, participação e qualidade dos preceptores, atividades práticas e discussões científicas, grande quantidade de pacientes e as visitas e discussões com preceptores nas enfermarias. Citam como maiores fragilidades a falta de serviços de urgência próprio, bem como UTI especializada. No Hospital do Coração de Natal (HCor), observa-se como ponto fraco a programação teórica e poucas práticas ambulatoriais. Como vantagens, citam os preceptores, agilidade na realização dos exames, um bom número de pacientes graves e de procedimentos. Observa-se, nas duas residências, uma certa dificuldade de aceitação em itens importantes e obrigatórios de acordo com as normas da Comissão Nacional de Residências Médicas (CNRM), como: a bioestatística, bioética, ética médica, epidemiologia e metodologia da pesquisa. Além disso, os residentes reconhecem que ambos os hospitais têm uma boa infraestrutura e suporte tecnológico, em especial aos métodos de imagens. A avaliação dos PRMCs possibilitou identificar as fortalezas de cada programa e os aspectos a serem aprimorados nos mesmo. Permitiu também a observação de dificuldades na aceitação de algumas normativas contidas na resolução da CNRM pelo residente, como a participação em atividades como a bioestatística, epidemiologia e metodologia da pesquisa, bem como a necessidades de melhoria da formação técnica específica, como na urgência e emergência. Desta forma, nossos resultados possibilitarão elaborar estratégias para aprimoramento continuado dos PRMC do estado. Ademais, possibilitou a elaboração do manual do residente em cardiologia, contendo, inclusive, o detalhamento do sistema de avaliação do residente, que poderá servir de modelo para outros programas de residência médica.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20528
Aparece nas coleções:MPEENSA - Mestrado Profissional em Ensino na Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CesimarSeverianoDoNascimento_DISSERT.pdf3,35 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.