Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20595
Título: Estudo fitoquímico de Waltheria ferruginea
Autor(es): Ferreira, Nara Cristina Frutuoso
Palavras-chave: Flavonoides;RMN;Whaltheria
Data do documento: 5-Mai-2014
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: FERREIRA, Nara Cristina Frutuoso. Estudo fitoquímico de Waltheria ferruginea. 2014. 99f. Dissertação (Mestrado em Química) - Centro de Ciências Exatas e da Terra, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2014.
Resumo: The Waltheria genus belonging to the Sterculiaceae family, it is reported as a prolific source of flavonoids and quinolone alkaloids, substances of great interest due to several associated biological activities. This work describes a novel phytochemical study from Waltheria ferruginea, aiming to contribute to the chemical knowledge of this specie and the isolation of substances with biological potential. For the phytochemical study were used chromatography techniques on silica gel and molecular exclusion in Sephadex LH-20.The structural elucidation of the isolated compounds was performed through spectrometric techniques 1H and 13C NMR, including uni and bidimensional pulse sequences, and comparison with data from literature. Five substances were isolated, namely: the flavonids kaempferol-3-O-β-(6''-cumaroil)-glucopyranoside (F1) and kaempferol -3 -O- β - glucopyranoside (F2), both analyzes with pharmacological properties, the flavonol quercetin-3-O-β-glucopyranoside (F3 ) pure and in the epimeric mixture α (F3') and (F3), the terpenegeranyl - geranyl (G1) and the 12-hydroxi-octadecanoic acid, all no previous reported in the literature.
metadata.dc.description.resumo: O gênero Waltheria, pertencente à família Sterculiaceae, é reportado como fonte prolífica de flavonoides e alcalóides quinolônicos, substâncias de grande interesse devido às várias atividades biológicas associadas. Este trabalho relata o estudo fitoquímico inédito do extrato etanólico de Waltheria ferruginea, visando contribuir para o conhecimento químico da espécie e o isolamento de substâncias com potencial biológico. Para o estudo fitoquímico foram usadas técnicas de cromatografias em sílica gel e por exclusão molecular em Sephadex LH-20, seguido por purificação por Cromatografia Líquida de Alta Eficiência. A elucidação estrutural dos constituintes isolados foi realizada utilizando as técnicas espectrométricas de IV, EM, RMN 1H e 13C uni e bidimensionais e comparação com dados reportados na literatura. Foram isoladas cinco substâncias, quais sejam: os flavonóides canferol-3-O-β-(6''-cumaroil)-glicopiranosídeo (F1), quercetina-3-O-β-glicopiranosídeo (F2), ambas as moléculas com propriedades por farmacológicas comprovadas, além do canferol-3-O- β-glicopiranosídeo (F3), o terpeno geranil-geranila (G1) e o ácido 12-hidroxi-octadecanóico (A1), todas inéditas para a espécie.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20595
Aparece nas coleções:PPGQ - Mestrado em Química

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
NaraCristinaFrutuosoFerreira_DISSERT.pdf12,1 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.